Marina Gera

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Marina Gera
Nascimento 29 de junho de 1984 (37 anos)
Szeged,  Hungria
Ocupação Atriz
Atividade 2007 — atualmente
Emmys
2019 — Örök tél
Emmy Internacional de melhor atriz

Marina Gera (Szeged, 29 de junho de 1984) é uma atriz húngara. Por seu papel principal em Eternal Winter, ela recebeu um Prêmio Emmy Internacional em 2019 de Melhor Atriz.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Gera nasceu em 1984 em Szeged. Frequentou a Escola Primária Tisza-bank, depois se formou na Mihály Vörösmarty Grammar School em Budapeste. Ela se formou na Universidade de Teatro e Cinema em 2008. Entre 2008 e 2009 tornou-se membro da companhia Sputnik Shipping, e a partir de 2009 começou a trabalhar como freelancer.[2][3]

Ela estrelou recentemente o filme para televisão Nino bárkája, dirigido por Bence Miklauzic, que foi lançado em dezembro de 2019, com Marina no papel de uma mulher com síndrome de Tourette.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Nota(s)
2007 Szerafina Szerafina Fátyol (Curta-metragem)
2009 Utolsó idök (sem crédito)
2011 Úsvit (Curta-metragem)
2013 Prágai hétvége cantora (Curta-metragem)
2014 Munkaügyek Viola (TV) Episódio: Csapatépítés
Queda Livre Mulher
Deus Branco Mulher na luta de cães
Senki szigete Marina
2016 In the Same Garden
Ouro e Sangue Gemenci Mari / Mari Gemenci
2017 The Basement Doll-Face
L.U.F.I. Garota no cemitério (Curta-metragem)
Intermezzo (Curta-metragem)
2018 Örök tél Irén Venceu:
Emmy Internacional de melhor atriz
Mentes Malígnas Nymph
A Hawk & A Hacksaw: The Magic Spring 2° mulher (Vídeo clipe)
2019 Nino bárkája (Telefilme)
Good Morning Sára (Curta-metragem)
TBA Die Schwarze Spinne (concluído)

Referências

  1. Fanni Kaszás (26 de novembro de 2016). «Marina Gera Bags First Ever Hungarian Emmy Award for Role in 'Eternal Winter'» (em inglês). Hungary Today. Consultado em 26 de novembro de 2019 
  2. «Gera Marina: Nem szeretem, ha be akarnak határolni - Marieclaire.hu». marieclaire.hu (em húngaro). Consultado em 4 de junho de 2017 
  3. Varga Ferenc (26 de novembro de 2019). «A végén bökte csak ki, hogy meztelennek kell lennem». Fil,klub (em húngaro). Consultado em 22 de outubro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]