Marquês de Sapucaí (escola de samba)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Marquês de Sapucaí
Fundação 29 de fevereiro de 1988 (30 anos)
Cores Verde, lilás, amarelo e branco
Presidente Odete Brinckler de Oliveira Bueno

Marquês de Sapucaí é uma escola de samba de Corumbá, Mato Grosso do Sul. Seu nome é uma homenagem ao sambódromo carioca, criado na mesma época da fundação da escola.

História[editar | editar código-fonte]

Fundada em 29 de fevereiro de 1988, a escola já foi campeã do carnaval da cidade, estando fora do carnaval, durante sete anos.

Em 2010, ao apresentar um enredo sobre a Copa daquele ano, sofreu punição de 3 pontos e acabou na quarta e última colocação do Grupo de acesso.[1] Em 2012, a escola trouxe o casal mestre-sala e porta-bandeira Jorginho e Irinéia e o intérprete Wander Timbalada, vindo do Império do Morro[2], com um enredo sobre o Pantanal.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Odete Brinckler de Oliveira Bueno ? - atualidade


Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2016
2017


Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2012 Jorginho e Irineia [2]
2017

Rainhas de bateria[editar | editar código-fonte]

Período Rainha Madrinha Ref.
2011 Waltenia
2017


Carnavais[editar | editar código-fonte]

Marquês de Sapucaí
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref
2010 4º lugar Acesso Copa do Mundo [1]
2011 4º lugar Acesso Edílson Wander Timbalada
2012 3º lugar Acesso Pantanal aos olhos de Corumbá, cores, belezas, riquezas, vidas a preserva
2013 Campeã Acesso
2014 5º lugar Especial [3]
2015 Especial [4]
2016 Especial [5]
2017 Especial

Referências

  1. a b Rosana Nunes / Marcelo Fernandes, para o Diário On Line. (17 de Fevereiro de 2010.). «Nova Corumbá é campeã do Grupo de Acesso». Consultado em 17 de novembro de 2010.  Verifique data em: |data= (ajuda)
  2. a b Camila Cavalcante, para O DIÁRIONLINE (16 de Janeiro de 2012). «Marquês de Sapucaí "invoca" as belezas e riquezas do Pantanal». Consultado em 28 de Janeiro de 2012. 
  3. MS Record (6 de março de 2014). «A Pesada é bicampeã do Carnaval Cultural de Corumbá 2014». Consultado em 19 de março de 2014. 
  4. Assessoria de Imprensa PMC (18 de fevereiro de 2015). «Império do Morro é a grande campeã do Carnaval de Corumbá». Correio de Corumbá. Consultado em 20 de fevereiro de 2015. 
  5. Rosana Nunes (10 de fevereiro de 2016). «A Pesada está de volta à elite do carnaval de Corumbá». Diário Corumbaense. Consultado em 1 de março de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre carnaval, integrado ao Projeto Carnaval é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.