Martin Davis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Martin Davis
Conhecido(a) por Algoritmo de Davis-Putnam, Algoritmo DPLL
Nascimento 1928 (89 anos)
Nova Iorque
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Alma mater Universidade de Princeton
Prêmios Prêmio Leroy P. Steele (1975), Prêmio Chauvenet (1975), Prêmio Herbrand (2005)
Orientador(es) Alonzo Church
Instituições Universidade de Nova Iorque
Campo(s) Matemática

Martin David Davis (Nova Iorque, 1928) é um matemático estadunidense.

É conhecido por seu trabalho sobre o décimo problema de Hilbert.[1] Obteve o doutorado na Universidade de Princeton em 1950, orientado por Alonzo Church.

É professor emérito da Universidade de Nova Iorque. É co-inventor dos algorítmos Davis-Putnam e DPLL. É coautor, com Ron Sigal e Elaine Weyuker, de Computability, Complexity, and Languages, Second Edition: Fundamentals of Theoretical Computer Science, um livro texto sobre teoria da computabilidade. É também conhecido por seu modelo de Máquinas de Post-Turing.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Peter Lax
Prêmio Chauvenet
1975
com Reuben Hersh
Sucedido por
Lawrence Zalcman


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.