Mateus Solano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mateus Solano
Mateus Solano em 2014, no 25º Prêmio de Música Brasileira.
Nome completo Mateus Solano Schenker Carneiro da Cunha
Nascimento 20 de março de 1981 (36 anos)
Brasília, DF
Nacionalidade Brasileira
Ocupação Ator
Atividade 2003–presente
Cônjuge Paula Braun (2008–presente)
IMDb: (inglês)

Mateus Solano Schenker Carneiro da Cunha (Brasília, 20 de março de 1981) é um ator brasileiro.

Mateus tornou-se conhecido ao interpretar Ronaldo Bôscoli, na minisserie Maysa, de 2009, os gêmeos idênticos Miguel e Jorge, em Viver a Vida, em 2009, o político Mundinho Falcão no remake de Gabriela, em 2012, o antagonista Félix Khoury, em Amor à Vida, de 2013, Zé Bonitinho no remake da série Escolinha do Professor Raimundo em 2015 e o vilão Rubião em Liberdade Liberdade, novela das 23h de 2016.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Mateus nasceu em Brasília, mas no início da adolescência, já trabalhava em pequenos serviços. Buscando a sua independência pessoal e investindo na carreira de ator, mudou-se sozinho para Washington e depois para Lisboa. Após algum tempo, voltou a morar com sua mãe no Rio de Janeiro.

É casado, desde 2008, com a atriz Paula Braun. Em 18 de outubro de 2010 nasceu a primeira filha do casal, Flora e em 1 de maio de 2015 nasceu o segundo filho do casal, Benjamin. [2]

Mateus é primo das também atrizes Juliana e Gabriela Carneiro da Cunha.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ator brasileiro Mateus Solano em imagem do acervo da TV Brasil.

Mateus já possui mais de 12 anos de carreira baseada principalmente no teatro. Formado em artes cênicas na UniRio, Solano fez o Tablado e um estágio na prestigiada companhia francesa Théâtre du Soleil, levado por sua prima, Juliana. Nos palcos do Rio e São Paulo já atuou várias peças.[3]

Ele também fez participações em séries como Sob Nova Direção, Faça Sua História e Casos e Acasos. Mas foi só como a sua participação na minissérie Maysa - Quando Fala o Coração, interpretando Ronaldo Bôscoli, que ganhou destaque.[4] Depois da minissérie, entrou para o elenco da novela Viver a Vida, como os gêmeos Jorge e Miguel, que tinham personalidades muito diferentes. Também fez o filme Linha de Passe como Marcelo, de 2008. Além disso, trabalhou em propagandas para a operadora Oi e fez, em 2008, a série para celular Mateus, o Balconista, atualmente em exibição no canal pago Woohoo.[5]

Solano durante o 25º Premio da Musica Brasileira no Theatro Municipal.

Participou, em 2011, de Morde & Assopra, de Walcyr Carrasco, como o cientista Ícaro. Fez, no mesmo ano, uma participação especial na série A Mulher Invisível. No ano seguinte, participou de um episódio de As Brasileiras, e pouco depois integrou o elenco principal de Gabriela como o político Mundinho Falcão.[6]

Em 2013, interpretou o vilão Félix Khoury em Amor à Vida. Félix era o filho mais velho de César (Antônio Fagundes), o dono de um renomado hospital, e tinha como objetivo se tornar o único herdeiro da fortuna de seu pai, e para isso faria de tudo para tirar sua irmã adotiva Paloma (Paolla Oliveira) do caminho. Além disso, Félix ainda escondia ser homossexual e mantinha um casamento de aparências com a estilista Edith (Bárbara Paz).[7][8][9][10].

Realizou o primeiro beijo entre um casal homossexual em uma telenovela da Rede Globo, juntamente com Thiago Fragoso.[nota 1]Final de 'Amor à vida' tem primeiro beijo gay em novela da Globo</ref> Participou da nova Escolinha do Professor Raimundo onde Bruno Mazzeo interpreta o Professor Raimundo personagem de Chico Anysio, Mateus fez o personagem Zé Bonitinho.

Em 2017, o ator vive o personagem Eric de Pega Pega, onde faz par romântico com a atriz Camila Queiroz. O casal de protagonistas da novela teve a sua atuação muito criticada pela falta de "química" em cena, e Mateus foi criticado por "repetir o personagem" Félix Khoury de Amor à Vida.[11] Entrevistado, Mateus disse que "a química precisa de tempo para acontecer".[12]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Nota
2003 Linha Direta Stuart Angel Episódio: "O Caso Zuzu Angel"
2005 A Diarista Paulão Episódio: "Nete, a Feia"
2006 JK Júlio Soares
2006 Malhação Carlos Participação
2006 A Diarista Bruno Episódio: "Aquele da Copa"
2007 Sob Nova Direção Elzimar Episódio: "Uma Babá Nada Perfeita"
2007 Sítio do Picapau Amarelo Pop Man Episódio: "O Anjinho da Asa Quebrada"
2007 Paraíso Tropical André/Jaime Participação
2007 Pé na Jaca Ari Participação
2008–10 Mateus, o Balconista Mateus/Apresentador Temporadas 1–2
2008 Faça sua História Toby Crane
Cléber Augusto
Episódio: "A Estrela do Irajá"
Episódio: "A Vingadora Capixaba"
2008 Casos e Acasos Gilson Episódio: "O Trote, o Filho e o For"
2009 Maysa - Quando Fala o Coração Ronaldo Bôscoli
2009 Viver a Vida Miguel Guimarães Machado
Jorge Guimarães Machado
2011 Morde & Assopra Ícaro Sampaio
2011 A Mulher Invisível Frederico Martins (Fred) Episódio: "6 de Dezembro de 2011"
2012 As Brasileiras Heitor Episódio: "A Vidente de Diamantina"
2012 Gabriela Raimundo Mundinho Falcão
2013 Amor à Vida Félix Khoury
2015–17 Escolinha do Professor Raimundo Zé Bonitinho[13] Temporadas 1–2–3
2016 Tá no Ar: a TV na TV Ele mesmo[14] Episódio: "1 de Março de 2016"
2016 Liberdade, Liberdade José Maria Rubião[15]
2017 Pega Pega Eric Ribeiro[16]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Nota
2004 O Primeiro Grito Curta-metragem
2008 Linha de Passe Marcelo
2008 Maridos, Amantes e Pisantes Amante Curta-metragem
2008 Alice Sergio Curta-metragem
2009 Vida de Balconista Mateus
2011 A Novela das 8 João Paulo
2014 Confia em Mim Caio
2014 O Menino no Espelho Domingos
2016 Em Nome da Lei Vitor
2017 Talvez uma História de Amor Virgílio[17]
2018 Tito e os Pássaros[18] Dublagem

Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
2003 O Homem que era Sábado[19]
2005 Tudo é Permitido[20]
2006 Não Existem Níveis Seguros para Consumo destas Substâncias [21]
2007 O Perfeito Cozinheiro das Almas desse Mundo[22]
2007 Últimos Remorsos Antes do Esquecimento Paul[23]
2008 2 p/ viagem 16 papéis[24]
2008 Lobo n º 1 – A estepe[25]
2009 Hamlet Horácio[26]
2013–14 Do Tamanho do Mundo Arnaldo[27]
2014–17 Selfie Claudio[28]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Trabalho Resultado Ref.
2009 Prêmio Extra de Televisão Melhor Revelação
Maysa: Quando Fala o Coração
Indicado [29]
Prêmio Arte Qualidade Brasil Melhor Ator Coadjuvante de Série ou Minissérie Venceu [30]
Melhores do Ano Melhor Ator Revelação
Viver a Vida
Venceu [31]
Prêmio Quem de Televisão Melhor Ator Indicado [32]
2010 Prêmio Extra de Televisão Melhor Ator Indicado [33]
Troféu Imprensa Revelação do Ano Venceu [34]
Meus Prêmios Nick Ator Favorito Venceu [35]
Prêmio Contigo! de TV Melhor Ator de Novela Venceu [36]
Melhor Ator Revelação
Maysa: Quando Fala o Coração
Indicado
Festival de Cinema de Maringá Melhor Ator
Vida de Balconista
Venceu [37]
2013 Prêmio Extra de Televisão Melhor Ator
Amor à Vida
Venceu [38]
Prêmio APCA Melhor Ator Venceu [39]
Melhores do Ano Melhor Ator Venceu [40]
Prêmio Quem de Televisão Melhor Ator Venceu [41]
Meus Prêmios Nick Ator Favorito Venceu [42]
2014 Prêmio Contigo! de TV Melhor Ator de Novela Venceu [43][44]
Troféu Imprensa Melhor Ator Venceu [45]
Troféu Internet Melhor Ator Venceu
2016 Melhores do Ano Melhor Ator de Novela
Liberdade, Liberdade
Indicado
Prêmio Arte Qualidade Brasil Melhor Ator - Comédia
Selfie
Venceu [46]

Referências

  1. «"Não estudei para ser só galã" diz Mateus Solano». Terra Networks 
  2. Nasce Flora, filha de Mateus Solano
  3. Mateus Solano estreia série na Mix.
  4. " «Mateus Solano ganha seu 1º papel de destaque». Jornalsuldeminas.com.br 
  5. «Mateus Solano será o compositor Ronaldo Bôscoli na minissérie "Maysa"». Universo Online. 13 de setembro de 2008. Consultado em 22 de março de 2010 
  6. «Max Fercondini é trocado por Mateus Solano em "Gabriela", diz jornal». Revista Quem 
  7. Em "Amor à Vida", Félix (Mateus Solano) admite para Edith (Bárbara Paz) que é gay; veja como será a cena.
  8. http://rd1.ig.com.br/televisao/mateus-solano-estuda-o-nazismo-para-compor-vilao-de-amor-a-vida/179268
  9. Conheça o diabólico Felix
  10. "Amor à Vida" vai discutir sexualidade, inseminação e autismo.
  11. «Mateus Solano e Camila Queiroz não rendem como protagonistas de "Pega Pega"». UOL - Nilson Xavier. Consultado em 15 de julho de 2017 
  12. «Mateus Solano fala sobre química com Camila Queiroz em 'Pega pega': 'Precisa de tempo para acontecer'». Extra. Consultado em 15 de julho de 2017 
  13. Fernando Oliveira (4 de novembro de 2015). «Nova 'Escolinha do Professor Raimundo' substitui 'Tomara Que Caia'». F5 - Colunistas. Consultado em 7 de novembro de 2015 
  14. «Mateus Solano grava participação no humorístico 'Tá no Ar', de Marcelo Adnet». Globo Play. 1 de março de 2016. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  15. «Lília Cabral será mãe de Mateus Solano em "Liberdade, Liderdade"». Plante TV - Bastidores. 3 de novembro de 2015. Consultado em 8 de novembro de 2015 
  16. «Mateus Solano será um viúvo milionário em "Pega Ladrão"». Boa Informação. 9 de fevereiro de 2017. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  17. Mateus Solano vive personagem desconcertado pelo amor em “Talvez uma História de amor”. IG. 24/04/2016. Página visitada em 18 de Fevereiro de 2017.
  18. «A aventura Tito e os Pássaros com as vozes de Mateus Nachtergaele e Mateus Solano». BFV Cultura Esporte. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  19. «O HOMEM QUE ERA SÁBADO - Texto e direção de Pedro Brício. Com Igor Paiva, Isabel Cavalcanti, Mateus Solano e Sarah Lavigne». Blocos Online. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  20. «Papo de Teatro com Mateus Solano». SP Escola de Teatro. 27 de setembro de 2009. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  21. «Não existem níveis seguros para consumo destas substâncias. Texto Daniela Pereira de Carvalho;». AlkaParra. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  22. «Peça recupera garçonnière modernista». Folha. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  23. «"Últimos Remorsos antes do Esquecimento" – de Jean-Luc Lagarce». Enciclopedia Cultural. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  24. «Miguel Thiré e Matheus Solano vivem 16 personagens em '2 p/ viagem'». Jornal do Brasil. 17 de abril de 2008. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  25. «Peça 'Lobo nº 1 - A estepe' ganha sessão extra sábado no Rio». Extra. 23 de abril de 2008. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  26. «Mateus Solano substitui Caio Junqueira em Hamlet». Glamurama. 9 de junho de 2009. Consultado em 18 de fevereiro de 2017 
  27. http://www.setorviponline.com.br/mateus-solano-comprova-talento-em-peca-do-tamanho-do-mundo/
  28. http://festivaldecuritiba.com.br/atracao/1993/Mostra_2015/Selfie
  29. Ganhadores do Prêmio Extra de TV 2009
  30. Caminho das Índias é grande vencedora do Prêmio Arte Qualidade Brasil. Jornal do Brasil. 17/11/2009. Página visitada em 18 de Fevereiro de 2017.
  31. Melhores do Ano: Confira todos os vencedores das 14 edições do prêmio
  32. Vencedores e indicados ao Prêmio Quem 2009
  33. Ganhadores do Prêmio Extra de TV 2010
  34. Lista de indicados e ganhadores do Troféu Imprensa de 2010
  35. «"Meus Prêmios Nick" conta com shows de Luan Santana, Drake Bell e Restart». IG 
  36. Patrícia Teixeira (4 de maio de 2010). «Estrelas da TV agitam o Prêmio Contigo, no Copacabana Palace». O Fuxico. Consultado em 27 de setembro de 2011 
  37. Whitaker, Guilherme (30 de maio de 2010). «Premiados no 7º Festival de Cinema de Maringá». Curta o Curta. Consultado em 4 de novembro de 2014 
  38. "Amor à Vida" vence em seis categorias no Prêmio Extra de TV; Huck leva pela 8ª vez
  39. Conheça os vencedores do Prêmio APCA
  40. M. Solano, Tatá Werneck: veja vencedores do Melhores do Ano
  41. Prêmio QUEM 2013: Conheça os vencedores na categoria TV
  42. Vencedores do Meus Prêmios Nick 2013
  43. «Mateus Solano e Thiago Fragoso se beijam em premiação». 29 de julho de 2014. Consultado em 29 de julho de 2014 
  44. Os vencedores do 16º Prêmio Contigo!
  45. Troféu Imprensa 2014. Chance de Gol. Página visitada em 3 de Maio de 2014.
  46. Confiram os ganhadores do Prêmio Arte Qualidade Brasil 2016 . Woo Magazine. 01/12/2016. Página visitada em 18 de Fevereiro de 2017.

Notas

  1. Outros beijos gays recentes na televisão brasileira foram entre mulheres. Na novela "Amor e Revolução", do SBT, as atrizes Giselle Tigre e Luciana Vendramini se beijaram, em 2011. Na série "Força-tarefa", exibida pela Globo em 2009, o beijo foi das personagens de Hermila Guedes e Fabíula Nascimento.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]