Matriz de transformação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em álgebra linear, transformações lineares podem ser representadas por matrizes. Se T é uma transformação linear mapeando Rn a Rm e é um vetor coluna com n valores, então

para alguma matriz A de m×n, chama-se matriz de transformação de T.

Existe uma expressão alternativa de matrizes de transformação envolvendo vetores fila que é preferida por alguns autores.

Usos[editar | editar código-fonte]

Matrizes permitem que transformações lineares arbitrárias sejam representadas em um formato consistente, adequado à computação.[1] Isso também permite que as transformações sejam concatenadas facilmente (multiplicando suas matrizes).

Referências

  1. Gentle, James E. (2007). «Matrix Transformations and Factorizations». Matrix Algebra: Theory, Computations, and Applications in Statistics. [S.l.]: Springer. ISBN 9780387708737