Matthew Lopez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Matthew Lopez
Informações
Nascimento 21 de janeiro de 1987 (31 anos)
Tucson, Arizona, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Altura 1,70 m
Peso 61 kg
Divisão Peso-galo
Envergadura 175 cm
Modalidade Wrestling, jiu-jítsu e boxe
Luta por Estados Unidos Fullerton, Califórnia
Equipe Reign MMA
Período em
atividade
2013–presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 12
Vitórias 10
Por nocaute 4
Por finalização 4
Por decisão 2
Derrotas 2
Por nocaute 1
Por finalização 1
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog
última atualização: 1 de fevereiro de 2018

Matthew Lopez (Tucson, 01987-01-21 21 de janeiro de 1987) é um lutador estadunidense de artes marciais mistas, que atualmente luta na categoria peso-galo do Ultimate Fighting Championship.[1]

Background[editar | editar código-fonte]

Lopez nasceu em Tucson, Arizona. Foi aluno da Universidade do Estado do Arizona (durante um ano) e da Cal State Fullerton. Ele começou a treinar MMA em 2013, e iniciou porque percebeu que seus antigos adversários no wrestling estavam tendo sucesso no MMA. Ele foi quatro vezes campeão estadual em wrestling, e campeão nacional em freestyle wrestling e luta greco-romana. Lopez já trabalhou em minas de cobre e, atualmente, também é professor de wrestling.[2]

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Lopez já foi da academia Grudge Training Center mas, atualmente, é membro da Reign MMA. Ele acumulou um cartel de 3-0, nocauteando dois adversários. Após nocautear Miguelito Marti, no Gladiator Challenge: Iron Fist, Lopez assinou com o RFA (Resurrection Fighting Alliance).[3]

No RFA, Lopez fez cinco lutas, nocauteando ou finalizando todos os cinco adversários ainda no primeiro round. Com esta sequência, ele foi contratado pelo Ultimate Fighting Championship, em 2016.[4]

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Lopez fez sua estreia na promoção contra Rani Yahya, em 13 de julho de 2016, no UFC Fight Night: McDonald vs. Lineker. Na segunda luta da noite do card preliminar do evento, ocorrido em Sioux Falls, Yahya venceu a terceira seguida dentro da organização. O brasileiro finalizou Matthew Lopez aos 4m19s, no terceiro round, pelo peso-galo (até 61kg), com um katagatame, e acabou com a invencibilidade de Lopez. Com o triunfo, o ex-campeão mundial de jiu-jítsu chegou à 22ª vitória na carreira, que também contava com oito derrotas e um "No Contest" (luta sem resultado). Já Lopez foi derrotado pela primeira vez na carreira, após sair vencedor em oito lutas anteriores.[5]

Lopez enfrentou Mitch Gagnon, em 10 de dezembro de 2016, no UFC 206. Após dois anos de inatividade, Gagnon ficou muito perto de vencer Matthew Lopez no primeiro round, quando levou o adversário a knockdown e o castigou no chão, mas não liquidou a fatura. Lopez, pelo castigo recebido, poderia voltar abalado para as etapas seguintes - ledo engano. O americano levou vantagem nos dois rounds seguintes e venceu o confronto por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-27).[6]

Lopez enfrentou o brasileiro Johnny Eduardo, em 3 de junho de 2017, no UFC 212. Vindo de vitória sobre Mitch Gagnon, o peso-galo Matthew Lopez não sentiu o peso de lutar na casa do adversário, e venceu Johnny Eduardo por nocaute técnico aos 2m57s do primeiro round, neste evento ocorrido no Rio de Janeiro, chegando ao segundo triunfo no Ultimate. No total, Lopez alcançou a décima vitória do cartel, sendo quatro por nocaute, quatro por finalização e duas por decisão.[7]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Canadá Brad Katona UFC 231: Holloway vs. Ortega 08/12/2018 Canadá Toronto, Ontario
Derrota 10-3 México Alejandro Pérez Nocaute Técnico (joelhadas e socos) UFC on Fox: Poirier vs. Gaethje 14/04/2018 2 3:42 Estados Unidos Glendale, Arizona
Derrota 10-2 Brasil Raphael Assunção Nocaute (soco) UFC Fight Night: Poirier vs. Pettis 11/11/2017 3 1:50 Estados Unidos Norfolk, Virginia
Vitória 10-1 Brasil Johnny Eduardo Nocaute Técnico (socos) UFC 212: Aldo vs. Holloway 03/06/2017 1 2:57 Brasil Rio de Janeiro
Vitória 9-1 Canadá Mitch Gagnon Decisão (unânime) UFC 206: Holloway vs. Pettis 10/12/2016 3 5:00 Canadá Toronto, Ontário
Derrota 8-1 Brasil Rani Yahya Finalização (katagatame) UFC Fight Night: McDonald vs. Lineker 13/07/2016 3 4:19 Estados Unidos Sioux Falls, Dakota do Sul Estreia no UFC.
Vitória 8-0 Estados Unidos Eli Finn Finalização (cotoveladas e socos) RFA 37 - Viana vs. Clark 15/04/2016 1 3:15 Estados Unidos Sioux Falls, Dakota do Sul
Vitória 7-0 Estados Unidos Justin Linn Finalização (neck crank) RFA 31 - Smith vs. Marunde 09/10/2015 1 2:16 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 6-0 Estados Unidos Kevin Clark Finalização (mata-leão) RFA 29 - USA vs. Brazil 21/08/2015 1 0:36 Estados Unidos Sioux Falls, Dakota do Sul
Vitória 5-0 Estados Unidos Devin Turner Finalização (mata-leão) RFA 25 - Lawrence vs. Toomer 10/04/2015 1 2:46 Estados Unidos Sioux Falls, Dakota do Sul Peso Casado (140 lb).
Vitória 4-0 Estados Unidos John Robles Nocaute Técnico (socos) RFA 21 - Juusola vs. Baghdad 05/12/2014 1 1:35 Estados Unidos Costa Mesa, Califórnia
Vitória 3-0 Cuba Miguelito Marti Nocaute Técnico (socos) Gladiator Challenge - Iron Fist 28/06/2014 1 1:13 Estados Unidos San Jacinto, Califórnia
Vitória 2-0 Estados Unidos Sammy Silva Decisão (unânime) KOTC - Heated Fury 20/07/2013 3 5:00 Estados Unidos Scottsdale, Arizona
Vitória 1-0 Estados Unidos Imani Jackson Nocaute Técnico (socos) KOTC - World Championships 25/05/2013 1 4:05 Estados Unidos Scottsdale, Arizona Estreia no MMA.

Referências[editar | editar código-fonte]