Mattia Caldara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade (desde agosto de 2018).
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Mattia Caldara
Mattia Caldara
Caldara em 2016, pela Atalanta.
Informações pessoais
Nome completo Mattia Caldara
Data de nasc. 5 de maio de 1994 (25 anos)
Local de nasc. Bérgamo, Itália
Nacionalidade Italiano
Altura 1,90 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Milan
Número
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
2003–2014 Atalanta
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2013–2017
2014–2015
2015–2016
2017–2018
2017–2018
2018–
Atalanta
Trapani Calcio (emp.)
Cesena (emp.)
Juventus
Atalanta (emp.)
Milan
0032 0000(7)
0021 0000(2)
0029 0000(2)
0000 0000(0)
0034 0000(3)
0002 0000(0)
Seleção nacional3
2016–2017
2018–
Itália Sub-21
Itália
0012 0000(0)
0001 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 24 de abril de 2019.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 10 de setembro de 2018.

Mattia Caldara (Bérgamo, 5 de maio de 1994) é um jogador de futebol italiano, atuando na posição de zagueiro pelo Milan e pela Seleção Italiana.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Atalanta[editar | editar código-fonte]

Nascido em Bérgamo, Caldara começou sua carreira no clube de sua cidade, o Atalanta, ingressando nas categorias de base. Ele jogou pelo time junior de 2011 a 2014, (temporada 2013–14 como jogador acima da idade), e, em 5 de maio de 2014, Caldara teve sua estreia profissional, entrando no segundo tempo em uma partida pela Série A italiana contra o Catânia.

2014–15: empréstimo ao Trapani[editar | editar código-fonte]

Em 3 de julho de 2014, ele foi emprestado ao Trapani, time da Série B italiana, para ganhar mais experiência. Em 14 de agosto ele fez sua estreia como titular em uma derrota por 2-1 contra Cremonese, pela segunda rodada da Coppa Italia. Em 7 de Setembro, Caldara teve sua estreia na Série B, entrando no lugar de Enis Nadarevic aos 17 minutos do segundo tempo em uma vitória por 2–1 contra o Vicenza. em 13 de Setembro, jogou sua primeira partida completa na Série B, uma vitória por 2–1 contra Cittadella. Em 16 de maio, Caldara marcou seu primeiro gol profissional os 51 do segundo tempo, em um empate por 1-1 contra o Avellino. Em 22 de maio, ele fez seu segundo gol, aos 4 minutos do segundo tempo, em uma vitória contra o Pro Vercelli por 2-1. Caldara terminou sua temporada de empréstimo com 21 jogos e 2 gols.

2015–16: Empréstimo ao Cesena[editar | editar código-fonte]

Em 10 de julho de 2015, Caldara assinou pelo Cesena, time da Série B italiana em 10 de julho de 2015 em um contrato de empréstimo, com opção de compra. Fez seu estreia em 9 de agosto, em um vitória por 4-0 contra Lecce. Marcou seu primeiro gol em 21 de novembro, contra Brescia, na vitória por 2-1. Terminou seu empréstimo com 29 jogos e 2 gols.

Retorno ao Atalanta[editar | editar código-fonte]

Após impressionar em seus períodos de empréstimo e nos treinos, Caldara garantiu vaga no time titular na temporada 2016/17. Em 2 de outrubro ele fez sua estreia em uma vitória por 1-0 contra o Napoli. Fez seu primeiro gol na vitória por 1-0 contra o Pescara, em 26 de outubro.

Juventus[editar | editar código-fonte]

Em 12 de janeiro de 2017, a Juventus anunciou que haviam assinado com Caldara por quatro anos e meio e com uma taxa de 15 milhões de euros, com potencial de 25 milhões em adicionais. Também estava no contrato um acordo de empréstimo com o Atalanta até 30 de junho de 2018.

Milan[editar | editar código-fonte]

No dia 2 de agosto de 2018, Caldara assinou com o Milan por cinco anos, em um pacote de transferências que envolveu Caldara e Gonzalo Higuaín (16 milhões de euros pagos pelo Milan por um empréstimo de um ano com opção de compra fixada) pra o Milan e Leonardo Bonucci para a Juventus.[1]

Carreira Internacional[editar | editar código-fonte]

Em junho de 2017, o zagueiro foi inscrito no elenco da Seleção Italiana de Futebol para o Campeonato Europeu de Futebol da UEFA.

Caldara teve sua estreia no time principal em uma derrota contra a França por 3-1.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]