Maze Runner: The Scorch Trials

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Maze Runner: Prova de Fogo)
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde agosto de 2016).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo segundo livro da série escrita por James Dashner, veja The Scorch Trials (livro).
Maze Runner: The Scorch Trials
Maze Runner: Provas de Fogo (PT)
Maze Runner: Prova de Fogo (BR)
Pôster oficial
Estados Unidos
2015 •  cor •  131 min 
Direção Wes Ball
Produção Ellen Goldsmith-Vein
Wyck Godfrey
Marty Bowen
Lee Stollman
Joe Hartwick Jr.
Roteiro T.S. Nowlin
Baseado em The Scorch Trials
(o segundo livro da série Maze Runner, escrito por James Dashner em 2010)
Elenco Dylan O'Brien
Ki Hong Lee
Thomas Brodie-Sangster
Kaya Scodelario
Patricia Clarkson
Aidan Gillen
Jacob Lofland
Rosa Salazar
Giancarlo Esposito
Nathalie Emmanuel
Katherine McNamara
Dexter Darden
Alexander Flores
Lili Taylor
Barry Pepper
Gênero Ação
Ficção científica
Mistério
Música John Paesano
Cinematografia Gyula Pados
Edição Don Zimmerman
Companhia(s) produtora(s)
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento BrasilPortugal17 de setembro de 2015
Estados Unidos 18 de setembro de 2015
Idioma Inglês
Orçamento US$ 61 milhões[1]
Receita US$ 312.325.103 [2]
Cronologia
Maze Runner: Correr ou Morrer
Maze Runner: A Cura Mortal

Maze Runner: The Scorch Trials (Maze Runner: Prova de Fogo (título no Brasil) ou Maze Runner: Provas de Fogo (título em Portugal)) é a sequência de Maze Runner: Correr ou Morrer, uma adaptação americana de ação, ficção científica e mistério, baseada no segundo livro da série escrita por James Dashner. Com direção de Wes Ball e roteiro de T.S. Nowlin, o elenco tem como destaque Dylan O'Brien, Ki Hong Lee, Thomas Brodie-Sangster, Kaya Scodelario, Patricia Clarkson, Aidan Gillen, Jacob Lofland, Rosa Salazar e Giancarlo Esposito.

O filme foi lançado nos Estados Unidos e na Angola dia 18 de setembro de 2015 e em Portugal e no Brasil um dia antes.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Um flashback mostra centenas de pessoas se reunindo em torno de uma área de quarentena. O jovem Thomas é trazido por sua mãe para ser levado para a proteção a bordo de um trem. No trem, cheia de crianças, Thomas encontra o Dra. Ava Paige, que lhe assegura que ele vai ficar bem.

No presente, Thomas e os sobreviventes Gladers(Clareanos) - Newt, Teresa, Minho, Caçarola e Winston - são trazidos para fora do labirinto por tropas armadas. Os Gladers/Clareanos são levados para uma instalação movimentada executado por Janson, que explica que os Gladers, bem como os sobreviventes de outros labirintos, estão lá porque eles estão imunes ao vírus Flare. Thomas começa a suspeitar das operações da instalação, suas suspeitas foram confirmadas quando ele foge com Aris, um dos primeiros sobreviventes a escapar do labirinto, e descobre que os outros sobreviventes estavam sendo servindo de experiência, e que seu sangue estava sendo drenado. Eles descobrem que Janson está trabalhando para World in Catastrophe Departament Killzone (WCKD ou CRUEL), liderado por Ava, que tinha sido dado como morta pelos Gladers/Clareanos. Após a aprendizagem de um grupo de resistência, "o braço direito", escondendo-se nas montanhas, Thomas recebe ajuda de Aris para facilitar a fuga de um pequeno grupo. Prosseguindo através da instalação por Janson e suas tropas, o grupo em última análise, escapa para o mundo exterior deserta de "O Scorch".

Nos dias seguintes, o grupo foge de tropas do CRUEL enquanto foge dos cranks, seres humanos infectados pelo Flare. Winston torna-se um infectado e escolhe cometer suicídio, ao invés de se tornar um monstro. Depois de sobreviver a uma tempestade, o grupo se reúne a Brenda e ao seu pai substituto, Jorge, que estão liderando uma tripulação de sobreviventes. Quando Jorge descobre que os Clareanos querem encontrar o braço direito, ele e Brenda decidem ajudar os Clareanos a chegar nas montanhas, deixando para trás a sua própria equipe no processo. Quando as tropas do CRUEL atacam o esconderijo do grupo, Brenda usa explosivos de Jorge para destruir o esconderijo e matar as tropas, embora Thomas e Brenda se separam de Jorge e os outros no processo. Thomas e Brenda sobrevivem aos encontros com os cranks e com as pessoas loucas por drogas em uma casa noturna. Thomas tem um flashback de quando ele e Teresa trabalharam para o CRUEL, tornou-se desiludido e avisou Teresa dos planos do CRUEL, apenas para que ele fosse levado pelas tropas. Thomas e Brenda, eventualmente, se reunem com Jorge e os outros. Jorge interroga Marcus, o dono da discoteca e agente duplo do CRUEL e do braço direito, a revelar a localização do braço direito.

O grupo chega ao refúgio de montanha e conhecem o braço direito, liderado por Vince. Quando Brenda entra em colapso, tendo sido picado por um crank, Vince quase atira nela até que ele é parado por Thomas e por uma ex-cientista do CRUEL Mary Cooper. Mary explica que a cura não pode ser fabricado; ela só pode ser colhida a partir de corpos de imunes ao tal vírus. Mary tinha discutido com Ava sobre o método de usar Mazes para encontrar imunes e fazer essa colheita de sangue. Ela dá Brenda uma enzima tiro para parar temporariamente a infecção se espalhe. Naquela noite, Thomas conversa com Teresa, que revela que ela sinalizou sua localização para o CRUEL, acreditando que o CRUEL pode salvar a todos, desde o Flare. Tropas do CRUEL capturam o site, logo acompanhado por Paige e Janson. Janson mata Mary, sobre a qual Thomas desencadeia uma luta entre o braço direito e CRUEL. Durante a batalha, Janson, Ava e Teresa capturam e partem com numerosos imunes, incluindo Minho. Na parte da manhã, com apenas uma fração de sobreviventes, Thomas decide que ele vai voltar para se infiltrar no CRUEL, para salvar Minho, e matar Ava. O Clareanos e o braço direito concordam em ajudar Thomas derrubar o CRUEL.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

Em 13 de outubro de 2013, cerca de 12 meses antes da liberação de Maze Runner: Correr ou Morrer, foi relatado que a 20th Century Fox tinha começado a trabalhar em Maze Runner: The Scorch Trials. O desenvolvimento inicial do capítulo 2 da saga, mostrou que a empresa estava confiante no sucesso do primeiro filme.[3][4]

Foi revelado então que TS Nowlin (de The Fantastic Four) iria ser o roteirista do segundo filme, assumindo o lugar de Noah Oppenheim com supervisão do diretor Wes Ball. Em 19 de novembro de 2014, foi confirmado que Jhon Paesano continuará cuidando da trilha sonora do filme.[5]

O desenhista Ken Barthelmey também continuará projetando os detalhes do filme. "Eu já tinha trabalhado em vários projetos menores. Mas esta é a minha primeira produção de Hollywood. Eu tenho perguntas para mais um filme deste tamanho, mas, infelizmente, eu não posso revelar nada ainda. Atualmente estou trabalhando na segunda parte de "The Maze Runner", o "The Scorch Trials" está quente. Esta produção já está em um ano para cinema. O orçamento desta vez é muito maior; então agora temos mais opções. Na seqüência, há um mundo aberto que precisa ser totalmente projetado."[6]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

Em 25 de julho de 2014, Wes Ball anunciou no San Diego Comic-Con International que iriam começar a filmar no segundo semestre de 2014, quando seu antecessor se torna-se um sucesso nas salas de cinema.[7]

Em 31 de agosto de 2014, Wes anunciou que eles estão "cerca de nove semanas fora das filmagens". Ele também revelou "Estamos no Novo México agora. Temos uma equipe e estágios. Estamos nos aproximando rapidamente ao nosso tempo de filmagem. Os cenários estão sendo construídos. Muitos da mesma equipe estão voltando. A maioria do elenco irá voltar, exceto para os que foram mortos [no primeiro filme]. O roteiro é realmente bem vindo".[8] Uma semana depois, ele disse "Nós temos fases, temos equipes chegando, Dylan vai estar de volta em algumas semanas, nós estamos construindo sets e o roteiro está sendo escrito. É um pouco corrido neste momento porque estamos cautelosamente otimistas, mas estamos nos sentindo animados que estamos prestes a fazer algo que é muito mais sofisticado, caminho mais maduro que realmente irá configurar uma saga aqui."[9]

A filmagem principal começou em 27 de outubro de 2014, em Albuquerque, Novo México. [10][11][12] As filmagens terminaram em 27 de janeiro de 2015, com duração de 94 dias.[13][14]

Divulgação[editar | editar código-fonte]

Na San Diego Comic-Con International, Wes Ball lançou o primeiro conceito de obra de arte para o filme.[15] Em março de 2015, a Entertainment Weekly e a Empire divulgaram as primeiras imagens promocionais.[16] No dia 19 de maio de 2015, a Century Fox divulgou o primeiro trailer com versões dublada e legendada.[17] No dia 23 de Julho de 2015, a Century Fox divulgou o segundo trailer com versões dublada e legendada.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Em 31 de agosto de 2014, Ball revelou estar na espera de que o filme seja lançado em cerca de um ano.[18] Em 21 de setembro de 2014, foi anunciado que o filme seria lançado em 18 de setembro de 2015, nos Estados Unidos.[19] O filme foi lançado no dia 18 de setembro nos Estados Unidos.[20]

Sequência[editar | editar código-fonte]

No dia 6 de março de 2015, foi confirmada a adaptação do terceiro livro da série Maze Runner, intitulado até agora como "Maze Runner: A Cura Mortal".[21] O filme chegará com um pouco mais de atraso em relação aos outros dois filmes, ao invés de ser lançado em setembro de 2016 e sua estreia está programada para 12 de janeiro de 2018.[22] As gravações iniciaram em fevereiro de 2016, mas em março, Dylan O'Brien (Thomas) sofreu um acidente enquanto gravava, Dylan sofreu lesões sérias e ficou meses de repouso.[23]

Referências

  1. Pamela McClintock (September 16, 2015). «Box-Office Preview: 'Maze Runner: Scorch Trials' Hopes to Sprint Past 'Black Mass'». The Hollywood Reporter. (Prometheus Global Media). Consultado em September 16, 2015  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  2. «Maze Runner: The Scorch Trials (2015)». Box Office Mojo. (Amazon.com). Consultado em November 16, 2015  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. «Bullish On 'The Maze Runner', Fox Moves Ahead With 'The Scorch Trials». deadline.com. 1 de setembro de 2014 
  4. «Fox moving forward on 'The Maze Runner' sequel 'The Scorch Trials.». hypable.com. 1 de setembro de 2014 
  5. «John Paesano to Return for 'The Maze Runner: Scorch Trials». filmmusicreporter.com. 25 de novembro de 2014 
  6. «Luxembourg Monster Desiger Ken Barthelmey "The Maze Runner" is the absolute jackpot». wort.lu. 4 de novembro de 2014 
  7. «The Maze Runner Sequel The Scorch Trials Concept Art Revealed [Comic Con 2014]». slashfilm.com. 1 de setembro de 2014 
  8. «Fil-Am manages director of potential hit franchise». entertainment.inquirer.net. 1 de setembro de 2014 
  9. «A Maze Runner Sequel Is Already In Pre-Production». buzzfeed.com. 6 de setembro de 2014 
  10. «Game of Thrones Actor to Play Villain in 'Maze Runner' Sequel (Exclusive)». hollywoodreporter.com. 30 de setembro de 2014 
  11. «Maze Runner: Scorch Trials begins filming». twitter.com. 27 de outubro de 2014 
  12. «Scorch Trials in New Mexico». ABQ Journal. 23 de outubro de 2014 
  13. «'Maze Runner: The Scorch Trials' Movie Set PHOTOS: Dylan O' Brien And Kaya Scoldelario Done Filming Sequel, Actor Heads To Wrap Party». fashionnstyle.com. 27 de janeiro de 2015 
  14. «'The Maze Runner' sequel 'The Scorch Trials' officially wraps filming». hypable.com. 29 de janeiro de 2015 
  15. «Comic-Con 2014: 'Maze Runner' Sequel 'Scorch Trials' Concept Art». firstshowing.net. 1 de setembro de 2014 
  16. «Primeiras imagens de Maze Runner: Prova de Fogo, com Dylan O'Brien» 
  17. «'Maze Runner – Prova de Fogo' tem seus primeiros trailers» 
  18. «Fil-Am manages director of potential hit franchise». entertainment.inquirer.net. 1 de setembro de 2014 
  19. «And like that's not cool enough, it's official: THE SCORCH TRIALS movie is coming September 18, 2015. Doesn't this look sweet: #ScorchTrials». twitter.com. 25 de setembro de 2014 
  20. Dave McNarry (April 21, 2015). «Fox to Release 'Maze Runner: The Scorch Trials' in Multi-Screen Format». Variety. (Penske Media Corporation). Consultado em April 22, 2015  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  21. Busch, Anita (March 4, 2015). «'Maze Runner: The Death Cure' Sets T.S. Nowlin To Pen». Deadline.com. Consultado em March 10, 2015  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  22. «Maze Runner - A Cura Mortal tem lançamento adiado para 2018». adorocinema. Consultado em 9 de Agosto de 2016 
  23. ClevverTV (July 9, 2015). «The script for Death Cure is currently being worked on & will begin filming in February #ScorchTrials #ScorchSneakPeek». Twitter. Consultado em July 10, 2015  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)

Ligação externa[editar | editar código-fonte]