O Passo do Lui

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Me Liga)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
O Passo do Lui
Álbum de estúdio de Os Paralamas do Sucesso
Lançamento 21 de setembro de 1984
Gravação Junho de 1984, Estúdios EMI-Odeon, Rio de Janeiro
Gênero(s) New wave
Reggae
Ska
Formato(s) LP, Tape e CD Vinil (Lançamento Original); CD Laser
Gravadora(s) EMI-Odeon
Produção Marcelo Sussekind
Os Paralamas do Sucesso
Certificação Platina + Ouro = + de 350.000 cópias (ABPD, Brasil Brasil)
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Os Paralamas do Sucesso
Cinema Mudo
(1983)
Selvagem?
(1986)

O Passo do Lui é o segundo álbum do grupo de rock brasileiro Paralamas do Sucesso lançado em 1984.[1]

Informações[editar | editar código-fonte]

Como o primeiro álbum da banda, Cinema Mudo, não tinha agradado tanto o trio, O Passo do Lui acabou imprimindo a identidade dos Paralamas: a mudança de sonoridade, com a bateria e o baixo mais presentes, e composições que marcariam a banda e o rock brasileiro.

O Passo do Lui obteve maior sucesso com a apresentação dos Paralamas no Rock in Rio de 1985, quando a música Óculos já estava praticamente estourada. Com dois shows considerados como umas das melhores atrações do festival, a banda levou a turnê do disco para todo o Brasil.

O álbum teve 8 faixas estouradas, apenas Menino E Menina e O Passo Do Lui não sendo tocadas nas rádios. Clássicos como Meu Erro, Romance Ideal, Ska, Mensagem de Amor e Me Liga mostram porque o disco é considerado um dos melhores para o público e para os fãs.[2][3] Além disso vendeu mais de 250 mil cópias. Por uma falha gráfica, as duzentas primeiras cópias do álbum saíram sem encarte, com as músicas e a ficha técnica.[4]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as Músicas de Herbert Vianna, exceto quando indicado. [5]

Lado A.
  1. "Óculos (canção)" 03:41
  2. "Meu Erro" 03:29
  3. "Fui Eu" 03:52
  4. "Romance Ideal" (Martim Cardoso, Herbert Vianna) 04:10
  5. "Ska (canção)" 02:29
Lado B.
  1. "Mensagem de Amor" 04:20
  2. "Me Liga" 03:50
  3. "Assaltaram a Gramática" (Lulu Santos, Waly Salomão) 02:52
  4. "Menino e Menina" 03:59
  5. "O Passo do Lui (canção)" 02:20
Compactos.

- Lado A.: 01) "Ska (canção). ; 02) "Óculos (canção). / - Lado B.: 01) "Meu Erro. ; 02) "Me Liga.

- Lado A.: "Romance Ideal". / - Lado B.: "Mensagem de Amor".

- Lado A.: "Assaltaram a Gramática". / - Lado B.: "Fui Eu".

Formação[editar | editar código-fonte]

Capa[editar | editar código-fonte]

Desenvolvida por Ricardo Leite, a capa do álbum retrata Lui, um amigo brasiliense dos membros da banda que dançava ska.[6][7]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Jamari França (21 de setembro de 1984). «Paralamas com "O Passo do Lui" vão ao Mamute». Jornal do Brasil, Ano XCIV, edição 166, Caderninho B, página 5/republicado pela Biblioteca Nacional-Hemeroteca Digital Brasileira. Consultado em 5 de junho de 2019 
  2. Carlos Eduardo Lima (13 de outubro de 2014). «Cadê – Os Paralamas Do Sucesso – O Passo do Lui (1984)». Monkeybuzz. Consultado em 5 de junho de 2019 
  3. Daniel Pala Abeche (12 de junho de 2018). «'O passo do Lui' consolidou Os Paralamas do Sucesso como grande banda brasileira». Escotilha. Consultado em 5 de junho de 2019 
  4. Jamari França (Rock Clips) (22 de outubro de 1984). «Vanderléia, Rita Lee e 50 anos de BB». Jornal do Brasil, Ano XCIV, edição 197, Caderno B, página 8/republicado pela Biblioteca Nacional-Hemeroteca Digital Brasileira. Consultado em 5 de junho de 2019 
  5. Paralamas do Sucesso (1984). «O Passo do Lui». Discogs. Consultado em 5 de junho de 2019 
  6. Maurício Valladares (28 de dezembro de 2015). «regina, lui & "o passo do lui"…». Ronca Ronca. Consultado em 5 de junho de 2019 
  7. Jamari França (30 de julho de 1984). «Barão e Paralamas em disco». Jornal do Brasil, Ano XCIV, edição 113, Caderninho B, página 8/republicado pela Biblioteca Nacional-Hemeroteca Digital Brasileira 
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Os Paralamas do Sucesso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.