Megacubo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Megacubo
Megacubo logo
Desenvolvedor Efox
Plataforma Multiplataforma
Modelo do desenvolvimento Software livre
Lançamento 7 de outubro de 2008 (13 anos)
Versão estável 16.3.6 (09 de março de 2022)
Versão em teste [+/-]
Idioma(s) Português, inglês e espanhol
Escrito em Javascript, Node.js, Apache Cordova
Sistema operativo Windows, Linux, macOS, Android
Gênero(s) Televisão pela internet
Licença GPL
Estado do desenvolvimento ativo
Página oficial https://megacubo.tv
Repositório https://github.com/efoxbr/megacubo

Megacubo é um software multiplataforma de código aberto que reproduz transmissão de televisão e vídeos com a tecnologia streaming. O software está disponível para Microsoft Windows, Linux e Android.

História[editar | editar código-fonte]

A história do Megacubo começa quando uma equipe de programadores foram ganhando colaboradores tanto no desenvolvimento quanto na manutenção e na atualização da lista de canais. O programa é voltado principalmente para aqueles que estão fora do Brasil e querem assistir programação em português. Também serve para aqueles que querem assistir canais de televisão em seu computador ou dispositivo móvel.

O Megacubo tem diversos itens que ainda são únicos dele, como o sistema de medição de audiência, o suporte a tecnologias diversas, o teste automático de canais e o seu sistema de listas IPTV. 90% dos canais são de transmissões ao vivo, tendo no máximo três minutos de atraso em relação à TV. Segundo Edenilson Lisboa, esse atraso ocorre porque o sinal demora mais ao atravessar a internet e chegar até o usuário.[1]

Em abril de 2010, o site oficial do programa chegou a ser vinculado ao site Minilua mantido por outros desenvolvedores.[2]

Recursos[editar | editar código-fonte]

Medidor de audiência[editar | editar código-fonte]

Um dos pontos fortes do Megacubo é o seu sistema de audiência. Através dele pode-se saber quais os canais que estão sendo mais assistidos em tempo real.

Listas IPTV[editar | editar código-fonte]

O Megacubo permite ao usuário adicionar um número ilimitado de listas IPTV, dessa forma o usuário pode pesquisar em todas ao mesmo tempo, assim como ao abrir um canal o software pesquisa e testa as transmissões encontradas automaticamente para reproduzir o mesmo.

Modo Comunitário[editar | editar código-fonte]

O recurso Modo Comunitário permite que o usuário compartilhe suas listas automaticamente com outros usuários do programa, assim como receba listas compartilhadas por outros usuários.

Mini-player[editar | editar código-fonte]

O recurso Mini-player permite que o usuário assista uma transmissão em um quadro pequeno no canto da tela enquanto realiza suas atividades no computador ou dispositivo.

Outros[editar | editar código-fonte]

O Megacubo também possui outros recursos como suporte a EPG e customização da lista de canais e da interface.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Entrevista: MegaCubo – TV online totalmente gratuita e feita por você». MeusDownloads. 28 de maio de 2008. Consultado em 20 de abril de 2011 
  2. «O Megacubo agora é Minilua!». Minilua. 22 de abril de 2010. Consultado em 7 de outubro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]