Megalopidae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaTarpão
Ocorrência: Mioceno - Recente
Tarpão Atlântico
Tarpão Atlântico
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Elopiformes
Género: Megalops
Espécies
Megalops atlanticus
Megalops cyprinoides
†Megalops vigilax

Tarpões são peixes capazes de respirar ar atmosférico através de suas bexigas natatórias. São conhecidas duas espécies: O tarpão atlântico e o tarpão indo-pacifico.

Espécies e habitats[editar | editar código-fonte]

As duas espécies de tarpões são o Megalops atlanticus (tarpão atlântico, também conhecido como pirapema ou camurupim) e o Megalops cyprinoides (tarpão indo-pacifíco). O M. atlanticus é encontrado desde a costa oeste dos Estados Unidos até a costa do Brasil, aparecendo no Golfo do México e no Caribe. Também é encontrado na costa oeste africana, em Senegal e no sul da Angola.[1] O M. cyprinoides é encontrado na costa leste africana, pelo sudeste asiático, Japão e Austrália.[2] Eles são capazes de viver em ambientes de água salobra com uma variedade de pH e com pouco oxigênio dissolvido, devido a sua capacidade de utilizar suas bexigas natatórias para respirar ar. Seu habitat varia de acordo com seu desenvolvimento, abrangendo o oceano, o mangue e rios, por exemplo.

Referências

  1. «Megalops atlanticus summary page». FishBase (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2019 
  2. «Megalops cyprinoides summary page». FishBase (em inglês). Consultado em 17 de fevereiro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre peixes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.