Megan Thee Stallion

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Megan Thee Stallion
Megan Thee Stallion em 2021
Pseudônimo(s) Megan Thee Stallion
Nascimento Megan Jovon Ruth Pete
15 de fevereiro de 1995 (27 anos)
Condado de Bexar, Texas
Estados Unidos da América
Nacionalidade norte-americana
Etnia afro-americana
Educação Pearland High School
Ocupação
Carreira musical
Período musical 2016–presente
Gênero(s)
Instrumento(s) voz
Gravadora(s) 1501 Certified
300 Entertainment
Outros
Página oficial
megantheestallion.com

Megan Jovon Ruth Pete (Condado de Bexar, Texas, 15 de fevereiro de 1995), conhecida profissionalmente como Megan Thee Stallion, é uma rapper e compositora estadunidense.[1] Nascida no Condado de Bexar, Texas, e criada em South Park, Houston, Megan começou a escrever suas músicas quando era adolescente e veio a publicar suas canções na plataforma SoundCloud em meados de 2016. Ela chamou a atenção pela primeira vez quando seus vídeos de freestyle se tornaram populares em plataformas de mídia social como o Instagram. Ela lançou três extended play desde 2017 - Make It Hot, Tina Snow e Suga — com os dois entrando nos charts da Billboard 200 dos Estados Unidos. Ela assinou contrato com a 300 Entertainment em 2018 e lançou sua primeira mixtape completa, Fever, em 2019, que recebeu grande aclamação da crítica. Seu álbum de estréia, Good News, foi lançado em 20 de novembro de 2020.

Em 2020, seu single "Savage" se tornou viral no aplicativo de mídia social TikTok e alcançou o primeiro lugar no chart da Billboard Hot 100 dos EUA após o lançamento de um remix com a participação de Beyoncé.[2] O single "WAP", da rapper Cardi B com sua participação se tornou sua segunda música número um na parada e quebrou vários recordes de streaming nos Estados Unidos em agosto de 2020.[3] Megan Thee Stallion ganhou dois BET Awards, dois BET Hip Hop Awards, dois MTV Video Music Awards, um Billboard Women in Music Award e três Grammy Awards. Na 63ª cerimônia anual do Grammy Awards, se tornou a segunda rapper a ganhar o prêmio de Artista Revelação, depois de Lauryn Hill, em 1999. Em 2020, a revista Time a nomeou uma das 100 pessoas mais influentes do mundo em sua lista anual.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Visão de Pearland, Texas, subúrbio onde Megan residia com sua mãe na adolescência.

Megan nasceu no Condado de Bexar, Texas, mas foi criada no bairro de South Park em Houston.[4] Sua mãe, Holly Aleece Thomas, cantava rap sob o nome artístico de "Holly-Wood", onde levava sua filha para sessões de gravação em vez de colocar ela em uma creche. Quando tinha 14 anos, Megan e sua mãe se mudaram para Pearland, um subúrbio de Houston, e viveu lá até seus 18 anos.[5] Pete começou a escrever suas músicas aos 16 anos. Segundo ela, quando ela disse à mãe que queria fazer rap, Holly exigiu que Pete esperasse até que ela tivesse 21 anos para seguir com sua carreira, já que ela comentou que suas letras eram muito sugestivas para sua idade. Pete se formou na Pearland High School em 2013.[6]

Em 2013, um clipe seu se tornou viral, onde ela lutava contra oponentes do sexo masculino em um "cypher" enquanto era estudante na Prairie View A&M University. O vídeo viral ajudou Megan a ganhar uma maior presença digital e seguidores nas redes sociais. Ela conquistou fãs postando seus freestyles em seu Instagram enquanto estava na faculdade. Ela se refere a seus fãs como "Hotties" (quentes em inglês), e credita sua base de fãs hiperativa por seu sucesso inicial. Ela adotou o nome artístico de Megan Thee Stallion devido à sua altura na adolescência.[7]

Depois de tirar uma folga da escola, ela retomou seus estudos na Texas Southern University em administração de saúde, onde ela é uma estudante do terceiro ano em 2019.[8][9][10]

Carreira[editar | editar código-fonte]

2016–2017: Início de carreira[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2016, Megan fez sua estreia com a canção "Like the Stallion", lançada como primeiro single de sua mixtape independente Rich Ratchet pelo SoundCloud.[11] Um ano depois, ela lançou o extended play (EP) Make It Hot.[12] O primeiro single do projeto, "Last Week in HTx", se tornou seu single de maior sucesso durante este tempo, acumulando vários milhões de visualizações no YouTube .Em 2017, ela lançou a música "Stalli (Freestyle)", como uma reformulação de "Look at Me", do rapper XXXTentacion. Neste período, Megan fez audições para participar do reality show Love & Hip Hop: Houston, porém o spin-off foi adiado indefinidamente desde junho de 2016.[13]

2018–2019: Tina Snow e Fever[editar | editar código-fonte]

Megan Thee Stallion em Lagos em outubro de 2019

No início de 2018, ela assinou com o selo 1501 Certified Ent, uma gravadora local, para seu primeiro contrato de gravação e o lançamento do segundo extended play Tina Snow, nome dado pela artista por um alter ego criado por ela.[14][15] O projeto recebeu críticas consistentemente positivas.[16][17] Em novembro de 2018, ela se tornou a primeira rapper feminina a assinar com a 300 Entertainment, gravadora focada no hip hop, onde artistas como Fetty Wap, Young Thug e Cheat Codes são assinados.[18] Na mesma época, Megan foi convidada pela rapper Iggy Azalea para abrir os shows da turnê Bad Girls Tour, porém esta foi cancelada.[19] A mudança de gravadora permitiu seu avanço devido à publicação da música "Big Ole Freak", sendo esta sua primeira música que entrou na Billboard Hot 100 em abril de 2019, ficando em 65º lugar.[20][21] Em 17 de maio de 2019, sua primeira mixtape comercial Fever foi publicada, que foi recebido novamente com uma recepção positiva da crítica. Foi direto para o número dez da Billboard 200.[22] Em 21 de maio de 2019, ela lançou o videoclipe da faixa de abertura do álbum, "Realer", que é inspirado no estilo de filme blaxploitation. Em junho de 2019, ela foi selecionada como uma das participantes da lista anual de calouros da revista XXL anunciada.[23][24] Em agosto de 2019, Megan lançou a canção "Hot Girl Summer", com a participação dos rappers Nicki Minaj e Ty Dolla Sign, que se tornou um sucesso nos Estados Unidos e popularizou o viral "hot girl summer".[25] Em outubro, ela criou e lançou uma minissérie de horror e comédia chamado Hottieween, dirigido por Teyana Taylor.[26] Em novembro, Megan entrou na lista da Time no "Time 100 Next".[27]

2020–presente: Reconhecimento mundial e álbum de estreia[editar | editar código-fonte]

Megan se preparando para se apresentar ao vivo no Billboard Women in Music Awards em 2019

Em janeiro de 2020, Megan lançou em colaboração com a cantora Normani a canção "Diamonds", como parte da trilha sonora do filme Aves de Rapina, da DC Comics.[28] No mesmo mês, ela anunciou o seu novo EP chamado Suga, com o lançamento do primeiro single, "B.I.T.C.H".[29] No mês seguinte, ela anunciou que seu álbum de estreia foi adiado como resultado de sua tentativa de renegociar seu contrato com a 1501 Certified Ent, após a gravadora querer barrar o lançamento.[30][31] Ela começou a hashtag "#FreeTheeStallion" no Twitter para aumentar a conscientização sobre o problema.[32] Em 6 de março de 2020, o EP foi lançado contra a vontade de 1501, depois que um juiz concedeu uma medida cautelar temporária contra a gravadora.[33][34] No mesmo mês, a música "Savage", presente no projeto, se tornou viral no aplicativo TikTok, quando a usuária Keara Wilson a usou para um vídeo de desafio de dança, que acumulou 15,7 milhões de visualizações e 2,4 milhões de curtidas em 20 de março de 2020.[35] Um remix com a participação de Beyoncé foi lançado em 29 de abril de 2020.[36] A música se tornou a primeira canção de Megan a alcançar o top 10 nos Estados Unidos logo após o lançamento do remix, eventualmente se tornando a sua primeira canção nas paradas de nos Estados Unidos. "Savage" também ajudou a impulsionar as vendas do Suga, levando-o para a sétima posição na Billboard 200. Os rendimentos da música foram para a organização sem fins lucrativos de Houston, Bread of Life, que fornece ajuda humanitária para residentes afetados pelo COVID-19. Megan Thee Stallion também foi jurada no programa de competição de vogue da HBO Max Legendary, que estreou em maio de 2020.[37] Ela lançou a música "Girls in the Hood" em 26 de junho de 2020, antes de aparecer no single " WAP " de Cardi B e aparecer em seu videoclipe em agosto de 2020. "WAP" se tornou seu segundo single número um nos Estados Unidos, quebrando o recorde de maior número de streams para uma música em seu primeira semana de lançamento nos EUA (93 milhões).[38]

Ela recebeu sua primeira indicação ao Billboard Music Award quando foi indicada para Melhor Artista Feminina de Rap em setembro de 2020.[39] Poucos dias depois, ela foi destaque na lista anual Time 100 das pessoas mais influentes do mundo.[40] Seu artigo para esta lista foi composto pela atriz americana Taraji P. Henson.[41] Megan Thee Stallion empatou com Drake quando recebeu oito indicações no BET Awards de 2020, incluindo Artista do Ano, Canção do Ano e Álbum do Ano.[42] Ela também empatou com Justin Bieber como o músico mais indicado no People's Choice Awards 2020, ganhando seis indicações cada.[43] Megan Thee Stallion também se tornaria a segunda mais indicado no American Music Awards de 2020.[44] Em outubro de 2020, ela lançou o single "Don't Stop" com o rapper Young Thug,[45] e o promoveu apresentando-o na estreia da 46ª temporada do Saturday Night Live.[46] Ela apresentou uma versão "politicamente carregada" de "Savage" naquela noite,[47] na qual abordou o racismo, o procurador-geral Kentucky Daniel Cameron, e enviou uma mensagem sobre a importância de proteger as mulheres negras e o movimento Black Lives Matter.[48][49] Ela continuou trabalhando para esta causa escrevendo um artigo de opinião para o The New York Times intitulado "Por que eu falo pelas mulheres negras", que foi aclamado.[50] Ela recebeu quatro indicações no 63º Grammy Awards, incluindo Melhor Artista Revelação e Gravação do Ano por "Savage (Remix)".[51] Ela ganhou o primeiro, o que fez dela a primeira artista feminina de hip hop a vencer o prêmio desde Lauryn Hill em 1999, bem como venceu nas categorias de Melhor Canção de Rap e Melhor Performance de Rap, ambas por "Savage (Remix)".[52]

Megan Thee Stallion em 2021.

Em 13 de novembro de 2020, Megan Thee Stallion anunciou o lançamento de seu primeiro álbum de estúdio Good News, lançado em 20 de novembro de 2020.[53] O lançamento do álbum também coincidiu com seu quarto single "Body", bem como seu videoclipe.[54] O álbum estreou no número 2 na Billboard 200 e no número 1 no Top R&B/Hip-Hop Albums com mais de 100.000 unidades equivalentes a álbuns vendidas.[55] Em 14 de janeiro de 2021, Megan Thee Stallion foi destaque no remix do single "34+35" de Ariana Grande, o segundo single de seu sexto álbum de estúdio Positions ao lado da cantora e rapper americana Doja Cat.[56] Um videoclipe para o remix foi lançado posteriormente em 12 de fevereiro de 2021[56]. Em junho, ela lançou o single "Thot Shit" com um videoclipe que segue um político conservador social hipócrita. Megan Thee Stallion ganhou o maior número de prêmios na cerimônia de 2021 BET Awards com quatro prêmios.[57] A boy band BTS lançou um remix do single "Butter" com a rapper, que alcançou o número três na Billboard Global 200.[58] Ela também liderou as indicações para o BET Hip Hop Awards de 2021 junto com Cardi B, com nove cada; ambos as rappers ganharam o maior número de prêmios durante a cerimônia com três para "WAP".[59] Megan Thee Stallion foi destaque no single "SG" de DJ Snake, junto com Ozuna e Lisa do Blackpink, lançado em outubro.[60] Megan lançou Something for Thee Hotties, uma coletânea com músicas e freestyles inéditos, em 29 de outubro de 2021.[61] O álbum de compilação estreou no número cinco na Billboard 200 dos EUA, tornando-se o quarto top 10 de Megan Thee Stallion.[62] Megan foi homenageada como uma das Mulheres do Ano da Glamour em novembro.[63] Megan ganhou três prêmios no American Music Awards de 2021, empatando com Doja Cat e BTS durante a noite.[64]

Megan Thee Stallion se formou na Texas Southern University em 11 de dezembro de 2021, como Bacharel em Administração de Saúde.[65] Pouco depois, A congressista de Houston, Sheila Jackson Lee, presenteou Megan Thee Stallion com o prêmio de herói do 18º distrito congressional do Texas por seus esforços de filantropia em Houston.[66] Após a formatura de Megan, ela assinou um contrato exclusivo com a Netflix para criar e produzir seus próprios conteúdos, incluindo séries e outros projetos.[67][68]

Em 11 de março de 2022, Megan Thee Stallion lançou uma colaboração com a cantora inglesa Dua Lipa, chamada "Sweetest Pie".[69] Em 27 de março, Megan fez uma aparição surpresa no 94º Oscar, onde se apresentou ao lado de vários artistas cantando "We Don't Talk About Bruno" do filme Encanto.[70] Megan fez história ao se tornar a 2ª rapper feminina a se apresentar no Oscar, sendo a primeira Queen Latifah na 81ª cerimônia do Oscar.[71] Sendo aclamada pela performance no Oscar.[72]

Em 1º de maio de 2022, o prefeito de Houston, Sylvester Turner, homenageou Megan por seus esforços filantrópicos e humanitários para o povo de Houston, proclamando o dia 2 de maio Megan Thee Stallion Day em Houston, Texas, que cai no mesmo dia do aniversário de sua avó e falecida mãe .Ela recebeu a chave honorária da cidade de Houston, um chapéu de cowboy simbólico e fivela de cinto.[73]

Em 22 de abril de 2022 lançou Plano B. Em uma reportagem de capa da Rolling Stone, Megan revelou que ela colaborou com Future para seu segundo álbum em uma música intitulada "Pressurelicious".[74]

Arte[editar | editar código-fonte]

Imagem pública[editar | editar código-fonte]

Megan Thee Stallion em 2019.

Megan Thee Stallion é conhecida por sua confiança, sensualidade e letras explícitas. Ela apresenta sua sexualidade ao longo de suas letras, vídeos e performances ao vivo.  Em entrevista à Pitchfork, ela afirmou: "Não se trata apenas de ser sexy, mas de ser confiante e de eu ser confiante na minha sexualidade". Sobre suas origens no rap de Texas, ela disse à Rolling Stone: "Não sinto que realmente tivemos uma rapper mulher vindo de Houston ou Texas e encerrando tudo isso. Então é daí que eu venho".[75]

Influências[editar | editar código-fonte]

Megan Thee Stallion cita sua mãe como sua primeira e maior influência.[76] Ela considera o álbum de Pimp C, Pimpalation, uma influência desde sua infância, afirmando que ela quer inspirar a mesma confiança que o rapper faz através de sua música. Outras inspirações que ela nomeou são o the Notorious B.I.G., Lil' Kim, Queen Latifah, e Three 6 Mafia, e ela credita Q-Tip como seu mentor.[77][78][79]Ela disse em entrevistas que quando ela estava crescendo nos anos 2000, ela ouvia suas músicas de rap favoritas de artistas como Three 6 Mafia e Pimp C, e se perguntava: "Quão bom isso soaria se uma garota fizesse isso?[80]

Ela também foi influenciada por Beyoncé. Em seu discurso de aceitação do Grammy Awards com Beyoncé por "Savage", ela disse: "Desde que eu era pequena, eu ficava tipo 'quer saber? Um dia, eu vou crescer e ser como uma Beyoncé do rap. Esse era definitivamente meu objetivo. [..] Eu amo sua ética de trabalho, eu amo o jeito que ela é, eu amo o jeito que ela se comporta." Em uma entrevista para a Teen Vogue, ela falou sobre Nicki Minaj como outra influência: "[ela] estava aqui antes de nós, então é para isso que tivemos que olhar, neste momento. Então, definitivamente ela tem sido uma inspiração para mim."[81]

Alter egos[editar | editar código-fonte]

Em várias entrevistas, Megan Thee Stallion se referiu a si mesma como "Tina Snow", um de seus alter egos e também o nome de seu primeiro EP, Tina Snow. Foi influenciado pelo pseudônimo de Pimp C, Tony Snow, tem confiança semelhante e uma entrega sexualmente dominante sem remorso.[82] "Hot Girl Meg" é outro alter ego que é descrito como encarnando o lado despreocupado e extrovertido de Megan Thee Stallion, que ela compara a uma "garota universitária e festeira".[83]

Outros empreendimentos[editar | editar código-fonte]

Em setembro de 2021, Megan fez uma parceria com a Nike para uma campanha promocional e um programa de fitness através do aplicativo Nike Training Club. Em outubro de 2021, Megan apareceu no First We Feast e Complex Media's Hot Ones. Em  de outubro de 2021, foi anunciado que Megan Thee Stallion assinou um amplo acordo com a empresa multinacional de fast-food Popeyes, que inclui sua própria franquia Popeyes, um novo molho quente (Megan Thee Stallion Hottie Sauce) e uma mercadoria co-branded.  parceria com a Cheetos para um comercial do Super Bowl em 2022.

Megan estava no grid do Grande Prêmio dos Estados Unidos de 2021, onde as tentativas de entrevistá-la por Martin Brundle foram esnobadas por seus guarda-costas levando a críticas, fazendo com que a F1 introduzisse a "Cláusula Brundle", proibindo guarda-costas no grid de corrida.

Televisão e filmes[editar | editar código-fonte]

Em 16 de dezembro de 2021, se tornou a primeira rapper a assinar um contrato exclusivo com a Netflix, para criar e produzir novas séries e outros projetos.[84] Em 17 de fevereiro de 2022, foi anunciado que Megan co-estrelará o primeiro filme musical da A24 intitulado F*cking Identical Twins.[85][86]

Filantropia[editar | editar código-fonte]

Megan Thee Stallion contribuiu com US$ 15.400 em perus de Ação de Graças e ajudou a distribuí-los a 1.050 famílias necessitadas no Houston Food Bank Portwall Pantry em novembro de 2019.[87]

Em abril de 2020, Megan Thee Stallion doou mais de US$ 10.000 para os manifestantes de Houston. No mesmo mês, Megan se uniu à Amazon Music para doar para uma instituição de enfermagem em Houston.[88]

Todos os rendimentos arrecadados por Megan Thee Stallion e Beyoncé na canção Savage (Remix) foram para Bread of Life, que ajuda as comunidades locais de Houston vitimas de Covid-19. A música conseguiu arrecadar mais de US$ 2,5 milhões.[89]

Em outubro de 2020, Megan fez uma parceria com a Amazon Music para lançar o Fundo de Bolsas "Don't Stop", que premia duas mulheres negras que buscam um diploma de associado, bacharelado ou pós-graduação em qualquer área de bolsas de US$ 10.000 cada.[90]

Em fevereiro de 2021, Megan lançou Hotties Helping Houston e trabalhou com a Deputada Democrata do Texas Sheila Jackson Lee, a Associação Nacional de Igrejas Cristãs e Serviços de Desastres, Taraji P. Henson, 300 Entertainment, Maroon 5, Revlon, Mielle Organics, Fashion Nova e Billie Eilish para ajudar idosos e mães solteiras a se recuperarem da tempestade.[91]

Em março de 2021, Fashion Nova e Megan colaboraram para a iniciativa 'Women on Top', que doaria US$ 1 milhão para apoiar empresas e organizações lideradas por mulheres, sendo um dos destinatários a YWCA em Houston.[92] Em junho de 2021, Megan ofereceu uma bolsa de estudos completa e quatro anos para a Roc Nation School of Music, Sports & Entertainment em Long Island University.[93]

Em junho de 2021, Megan e Cash App se uniram para fazer vídeos educativos "investing for Hotties". Essa parceria também doou US$ 1 milhão em ações para fãs selecionados aleatoriamente.[94]Em outubro de 2021, como parte de seu amplo acordo com Popeyes, Megan concordou com uma doação de seis dígitos para a organização de caridade Houston Random Acts of Kindness.[95]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Em março de 2019, sua mãe, Holly Thomas, faleceu após uma longa batalha contra um tumor cerebral, além de sua avó materna, que faleceu no mesmo mês.[96][97][98] Além de atuar como sua gerente, Thomas influenciou sua decisão de estudar administração de saúde e também ajudou a fomentar seu desejo de estabelecer instalações de vida assistida em sua cidade natal, Houston, Texas. Depois de ter tirado uma folga da escola, ela retomou seus estudos na Texas Southern University em administração de saúde, onde ela é uma aluna do terceiro ano em 2019.[99][100]

Alegações de tiroteio contra Tory Lanez[editar | editar código-fonte]

Tory Lanez, retratado em 2016.

Em 15 de julho de 2020, Megan Thee Stallion afirmou que havia sofrido ferimentos de bala e que havia sido submetida a uma cirurgia para remover as balas. Sua declaração rebateu um relatório anterior do TMZ de que ela havia machucado seu pé com vidro quebrado três dias antes, quando ela estava em um carro com o rapper Tory Lanez e uma mulher não identificada; o carro foi parado pela polícia e Lanez foi preso sob acusação de arma após uma busca no veículo. [101][102][103][104][105]

Em 27 de julho de 2020, ela revelou que foi baleada nos dois pés e denunciou os rumores em uma live no instagram, onde chorou contando o incidente.[106][107] No mês seguinte, Megan alegou que Lanez foi a pessoa que atirou nela, dizendo que "eu não contei à polícia o que aconteceu imediatamente ali porque eu não queria morrer".[108][109][110] Em 25 de setembro de  2020, Lanez lançou seu quinto álbum, Daystar, no qual ele aborda as alegações em quase todas as músicas, e nega que tenha atirado em Megan, enquanto também afirma que ela e sua equipe estavam "tentando incriminá-lo".[111]

No mesmo dia, em uma declaração à Variety, o advogado de Megan, Alex Spiro, afirmou que os representantes de Lanez tentaram lançar uma "campanha de difamação" usando mensagens falsificadas para "vender uma falsa narrativa" desacreditando Megan.[112] A equipe de Lanez negou isso, dizendo que investigaria quem estava por trás dos e-mails falsos e que tomaria as medidas apropriadas.[113] Megan mais tarde afirmou que havia sido oferecida dinheiro por Lanez e sua equipe para ficar calada sobre o assunto após o incidente. [114]

Em 8 de outubro de 2020, Lanez foi acusado de atirar em Megan Thee Stallion pelos promotores do condado de Los Angeles. Um julgamento para ele foi marcada para 13 de outubro; no entanto, foi adiado para 18 de novembro, depois que o advogado de Lanez pediu um adiamento.[115] Megan recebeu uma ordem de proteção contra Lanez, orientando-o a ficar pelo menos 100 metros de distância dela. Ele também foi ordenado a entregar todas as armas que possuisse.[116] Uma publicação para o The New York Times, publicada em 13 de outubro de 2020, Megan abordou ainda mais a alegação de tiroteio, escrevendo: "As mulheres negras ainda são constantemente desrespeitadas e desconsideradas em tantas áreas da vida. Recentemente fui vítima de um ato de violência por um homem. Depois de uma festa, fui baleado duas vezes quando me afastei dele. Não estávamos em um relacionamento. Sinceramente, fiquei chocado que acabei naquele lugar."[117] Se condenado, Lanez pode enfrentar uma pena máxima de 22 anos e oito meses de prisão estadual.[118]

Lanez se declarou inocente de agressão com uma arma semiautomática no final de novembro de 2020.[119] No mês, Megan Thee Stallion lançou seu álbum de estreia, Good News, no qual a abertura do álbum é uma faixa diss "Shots Fired" dirigida a Lanez. A canção ganhou aclamação, com muitos críticos notando que ela experimenta e interpola a canção de 1995 "Who Shot Ya?", do falecido The Notorious B.I.G.[120][121][122]

Em abril de 2022, Lanez foi preso por violar uma ordem de proteção relacionada ao caso;[123][124] ele foi solto pouco depois de pagar sua fiança de US$ 350.000.[125]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Filmes[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
TBA Fucking Identical Twins A24 filme; Pós-produçãon

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
2019 Jimmy Kimmel Live! Ela mesma/convidada musical Episódio: "Tracy Morgan/Gwen Stefani/Megan Thee Stallion"
2020 Saturday Night Live Ela mesma/convidada musical Episódio: "Chris Rock/Megan Thee Stallion"
Good Girls Onyx Episódio: "Nana"
2020–2021 Legendary Ela mesma Jurada (Temporada 1-2)[126]
2022 P-Valley Tina Snow Estrela convidada (2ª Temporada)[127]
Cardi Tries Ela mesma Episódio: "Cardi Tries Football"
TBA The Best Man Wedding Peacock série;[128]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio

Extended plays

Mixtapes oficiais
  • Rich Ratchet (2016) 
  • Megan Mix (2017)
  • Fever (2019)

Álbuns de compilação

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

A rapper recebeu vários elogios ao longo de sua carreira. Ela ganhou destaque em 2019 com sua mixtape Fever, que ganhou o prêmio de Melhor Mixtape no BET Hip Hop Awards 2019, e mais tarde foi indicada para Álbum do Ano no BET Awards de 2020. Seus singles "Cash Shit" e "Hot Girl Summer" ganharam suas várias indicações, com a primeira indicada no Soul Train Music Awards 2019 e no NME Awards de 2020, e esta última ganhando um MTV Video Music Award.[129][130][131]

Em 2020, seu primeiro single "Savage (Remix)" foi indicado para três Grammy Awards e três MTV Video Music Awards. Ela também colaborou com Cardi B na música "WAP", vencedora do American Music Awards e indicada no MTV Europe Music Awards.[132][133]

Em 2021, ela ganhou o Grammy de Melhor Performance de Rap, Melhor Canção de Rap por "Savage (Remix)" e Artista Revelação.[134]

Megan Thee Stallion foi indicada para Melhor Artista Feminina de Hip-Hop no BET Awards em 2019 e 2020, vencendo a última. Além disso, ela foi indicada para Melhor Artista de Hip Hop no BET Hip Hop Awards 2019, Top Rap Female Artist no Billboard Music Awards 2020, Melhor Artista de Hip-Hop no iHeartRadio Music Awards 2020 e Artista do Ano no MTV Video Music Awards 2020. Ela também recebeu o prêmio Gênio do Marketing no Libera Awards 2020 e o Powerhouse Award no Billboard Women in Music awards 2019.[135][136]

Referências

  1. «Tudo sobre Megan Thee Stallion - Últimas Notícias». Rap Mais. Consultado em 24 de agosto de 2020 
  2. «As 20 músicas mais populares do Tik Tok no momento». Rap Mais. 5 de agosto de 2020. Consultado em 24 de agosto de 2020 
  3. «Cardi B comemora após "WAP" quebrar recorde de streams na primeira semana de vendas». Rap Mais. 18 de agosto de 2020. Consultado em 24 de agosto de 2020 
  4. «Meet the electrifying Megan Thee Stallion». The FADER (em inglês). Consultado em 24 de agosto de 2020 
  5. Harris, Hunter (25 de abril de 2019). «How Did Megan Thee Stallion Become the Next Hottest Rapper Out of Houston?». Vulture (em inglês). Consultado em 24 de agosto de 2020 
  6. Harvin, Darian Symoné (25 de junho de 2019). «Megan Thee Stallion Prepares for 'Hot Girl Summer' With a Pageant». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331 
  7. «Rapper Megan Thee Stallion Answers Our Questions (and Releases an EP)». Houstonia Magazine (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2020 
  8. Jasmine Grant (26 de março de 2019). «Megan Thee Stallion Reveals Her Mother Died From A 'Brain Tumor'». Essence (em inglês). Consultado em 12 de agosto de 2019 
  9. MoClassified (10 de julho de 2018). «Megan Thee Stallion Talks 'Tina Snow' EP & Being the Female Pimp C». The Source (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2020 
  10. Gomez, Jade; Gomez, Jade (16 de março de 2019). «How Megan Thee Stallion Earned Her Confidence». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2020 
  11. Anthony Rian (18 de julho de 2018). «Megan Thee Stallion – "Tina Snow" (Album)». The Hype Magazine (em inglês). Consultado em 12 de agosto de 2019 
  12. Lakin Starling (4 de janeiro de 2018). «Megan Thee Stallion is the freaky new rapper who might make you feel yourself». The Fader (em inglês). Consultado em 12 de agosto de 2019 
  13. Caldwell, Brandon (20 de junho de 2016). «'Love & Hip Hop Houston': Perfect For Reality TV, If Not Real Life». Houston Press. Consultado em 4 de abril de 2021 
  14. Jack Riedy (3 de outubro de 2018). «NEXT: Megan Thee Stallion Is Taking Rappers To School». Vibe (em inglês). Consultado em 12 de agosto de 2019 
  15. «NEXT: Houston's Megan Thee Stallion Takes Rappers To School». Vibe (em inglês). 3 de outubro de 2018. Consultado em 6 de setembro de 2020 
  16. Eric Torres (16 de agosto de 2018). «"Megan Thee Stallion" - Tina Snow». Pitchfork. Consultado em 12 de agosto de 2019 
  17. Nandi Howard (30 de agosto de 2018). «Megan Thee Stallion». The Fader (em inglês). Consultado em 12 de agosto de 2019 
  18. November 27, Tony M. CentenoPublished:; 2018. «Megan Thee Stallion Signs to 300 Entertainment - XXL». XXL Mag (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2020 
  19. «Iggy Azalea's 'Bad Girls Tour' Canceled». Billboard. 8 de outubro de 2018. Consultado em 6 de setembro de 2020 
  20. «Fever by Megan Thee Stallion Reviews and Tracks - Metacritic». Metacritic (em inglês). Consultado em 12 de agosto de 2019 
  21. «Chartbreaker: How Megan Thee Stallion's 'Big Ole Freak' Takes Ownership of Her Sexuality -- and the Rap Game». Billboard. 22 de abril de 2019. Consultado em 6 de setembro de 2020 
  22. «Megan Thee Stallion's debut album Fever is dropping in two weeks». The FADER (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2020 
  23. XXL Staff (20 de junho de 2019). «2019 XXL Freshman Class: Made for This». XXL. Consultado em 12 de agosto de 2019 
  24. Sarah Osei (24 de julho de 2019). «Megan Thee Stallion & DaBaby Steal the Show at the XXL Freshman Cypher». Highsnobiety. Consultado em 12 de agosto de 2019 
  25. «Megan Thee Stallion Announces 'Hot Girl Summer' Featuring Nicki Minaj & Ty Dolla $ign». Billboard (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  26. «In 'Hottieween,' Megan Thee Stallion Investigates a Murder and Meets Vampires». www.vice.com (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  27. «TIME 100 Next 2019: Megan Thee Stallion». Time (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  28. Minsker, Evan. «Megan Thee Stallion and Normani Share New Song "Diamonds": Listen». Pitchfork (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  29. Hussey, Allison. «Watch Megan Thee Stallion Perform "B.I.T.C.H." on Fallon». Pitchfork (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  30. Holmes, Charles; Holmes, Charles (5 de março de 2020). «Why Megan Thee Stallion Sued Her Own Label». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  31. «Megan Thee Stallion's Label Dispute, Explained». Complex (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  32. Kiefer, Halle (2 de março de 2020). «Label Drama Over Contract Dispute Has Megan Tweeting #FreeTheeStallion». Vulture (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  33. «Megan Thee Stallion drops EP 'Suga' amid legal battle with label». EW.com (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  34. Sheffield, Rob; Sheffield, Rob (9 de março de 2020). «Megan Thee Stallion is at Her Peak on 'Suga'». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  35. «Megan Thee Stallion's "Savage" Looks Poised To Be Her Next Hit Thanks To This Viral TikTok Challenge». Genius (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  36. «Stay Calm, Beyoncé Remixed Megan Thee Stallion's 'Savage'». Billboard (em inglês). Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  37. Nast, Condé (5 de maio de 2021). «Megan Thee Stallion, Law Roach, and Their Fellow 'Legendary' Judges on the Ballroom Competition's Triumphant Return». Vogue (em inglês). Consultado em 21 de julho de 2021 
  38. «Cardi B & Megan Thee Stallion's 'WAP' Debuts at No. 1 on Billboard Hot 100 With Record First-Week Streams». Billboard (em inglês). Consultado em 21 de julho de 2021 
  39. Aniftos, Rania; Aniftos, Rania (22 de setembro de 2020). «Post Malone Leads 2020 Billboard Music Awards Nominations With 16: Full List». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  40. «The Weeknd, Megan Thee Stallion Among 'Time' Magazine's '100 Most Influential People' of 2020». Complex (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  41. «Megan Thee Stallion: The 100 Most Influential People of 2020». Time (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  42. Grein, Paul; Grein, Paul (29 de setembro de 2020). «DaBaby Leads All Nominees For 2020 BET Hip Hop Awards: Here's the Complete List of Nominations». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  43. Grein, Paul; Grein, Paul (1 de outubro de 2020). «Justin Bieber & Megan Thee Stallion Are Top Music Nominees for 2020 E! People's Choice Awards». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  44. Blistein, Jon; Blistein, Jon (26 de outubro de 2020). «The Weeknd, Roddy Ricch, Megan Thee Stallion Lead 2020 American Music Awards Nominations». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  45. Shaffer, Claire; Shaffer, Claire (2 de outubro de 2020). «Megan Thee Stallion, Young Thug Go to Wonderland in 'Don't Stop' Video». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  46. Nast, Condé (4 de outubro de 2020). «Megan Thee Stallion Delivers Politically Charged "Savage" Performance on SNL». Pitchfork (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  47. «Watch Megan Thee Stallion Perform "Savage" and "Don't Stop" With Young Thug on 'SNL'». Complex (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  48. Willen, Claudia. «Megan Thee Stallion turns 'Savage' into a call for justice for Black women during 'SNL' performance». Insider (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  49. Nast, Condé (13 de outubro de 2020). «Megan Thee Stallion Pens New York Times Op-Ed Called "Why I Speak Up for Black Women"». Pitchfork (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  50. «Megan Thee Stallion thanked by Maxine Waters for New York Times op-ed: "I am incredibly proud of you"». NME (em inglês). 8 de dezembro de 2020. Consultado em 27 de junho de 2022 
  51. Warner, Denise; Warner, Denise (24 de novembro de 2020). «2021 Grammy Nominations: See the Full List». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  52. Truitt, Brian. «Grammys 2021: Beyoncé makes history with most wins, Billie Eilish wins second record of the year». USA TODAY (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  53. Nast, Condé (12 de novembro de 2020). «Megan Thee Stallion Announces Debut Album Good News». Pitchfork (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  54. «Watch Megan Thee Stallion's striking new video for 'Body'». NME (em inglês). 20 de novembro de 2020. Consultado em 27 de junho de 2022 
  55. «Here Are the First Week Numbers for Megan Thee Stallion's Debut Album 'Good News'». Complex (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  56. a b Aswad, Jem; Aswad, Jem (14 de janeiro de 2021). «Ariana Grande to Drop '34 + 35' Remix, Featuring Megan Thee Stallion and Doja Cat, Tonight». Variety (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  57. Clark, Anne Victoria (27 de junho de 2021). «Megan Thee Stallion Leads the 2021 BET Awards Winners». Vulture (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  58. Trust, Gary; Trust, Gary (7 de setembro de 2021). «The Kid LAROI & Justin Bieber's 'Stay' Continues Global Chart Reign, BTS' 'Butter' Surges». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  59. «2021 BET Hip Hop Awards Nominees Announced: Cardi B, Megan Thee Stallion, Drake, and More». Complex (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  60. «DJ Snake to Feature Ozuna, BLACKPINK's Lisa, & Megan Thee Stallion on "SG" - Here's What Fans Are Saying». Remezcla (em inglês). 13 de outubro de 2021. Consultado em 27 de junho de 2022 
  61. Kreps, Daniel; Kreps, Daniel (21 de outubro de 2021). «Megan Thee Stallion to Release 'Something for Thee Hotties'». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  62. Caulfield, Keith; Caulfield, Keith (7 de novembro de 2021). «Ed Sheeran Scores Fourth No. 1 Album on Billboard 200 With '='». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  63. Nast, Condé (9 de novembro de 2021). «Read Megan Thee Stallion's Emotional 'Glamour' Woman of the Year Awards Speech». Glamour (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  64. Atkinson, Katie; Atkinson, Katie (22 de novembro de 2021). «Here Are All the 2021 American Music Awards Winners». Billboard (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  65. «Megan Thee Stallion recebe prêmio de "Heroína do Texas"». Rap Mais. 13 de dezembro de 2021. Consultado em 27 de junho de 2022 
  66. Edwards, Briana (13 de dezembro de 2021). «Megan Thee Stallion receives Congressional Hero Award». KPRC (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  67. Braziliense', 'Correio (18 de dezembro de 316). «Megan Thee Stallion e Netflix fecham parceria para produção de séries». Diversão e Arte. Consultado em 27 de junho de 2022  Verifique data em: |data= (ajuda)
  68. Murphy, J. Kim; Murphy, J. Kim (16 de dezembro de 2021). «Megan Thee Stallion Partners With Netflix on Exclusive First-Look Deal». Variety (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  69. «'Sweetest Pie': Megan Thee Stallion e Dua Lipa anunciam detalhes da nova música - Emais». Estadão. Consultado em 27 de junho de 2022 
  70. Dillon, Angie Martoccio,Nancy; Martoccio, Angie; Dillon, Nancy (28 de março de 2022). «Megan Thee Stallion Makes 'Encanto' Track 'We Don't Talk About Bruno' All the More Magical at Oscars». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  71. SoMajor, Kim (2 de abril de 2022). «Megan Thee Stallion Eyes Next Move After Being 2nd Female Rapper to Perform at the Oscars». The Source (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  72. Dillon, Angie Martoccio,Nancy; Martoccio, Angie; Dillon, Nancy (28 de março de 2022). «Megan Thee Stallion Makes 'Encanto' Track 'We Don't Talk About Bruno' All the More Magical at Oscars». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  73. Ballard, Moriah (2 de maio de 2022). «'Megan Thee Stallion Day': Houston rapper, philanthropist presented key to the city, personal day by Mayor Turner». KPRC (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  74. Conteh, Mankaprr; Conteh, Mankaprr (15 de junho de 2022). «Megan Thee Stallion Will Not Back Down». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 27 de junho de 2022 
  75. Gomez, Jade; Gomez, Jade (16 de março de 2019). «How Megan Thee Stallion Earned Her Confidence». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  76. Gomez, Jade; Gomez, Jade (16 de março de 2019). «How Megan Thee Stallion Earned Her Confidence». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  77. «Megan Thee Stallion is Houston's Q-Tip-Approved, Anime-Loving Rap Sensation [Interview]». Okayplayer (em inglês). 20 de março de 2019. Consultado em 18 de abril de 2022 
  78. «Rapper Megan Thee Stallion Answers Our Questions (and Releases an EP)». Houstonia Magazine (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  79. MoClassified (10 de julho de 2018). «Megan Thee Stallion Talks 'Tina Snow' EP & Being the Female Pimp C». The Source (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  80. Nast, Condé (28 de março de 2019). «The Thrill of Megan Thee Stallion's Real-Time Rise». Pitchfork (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  81. Stedman, Alex; Stedman, Alex (15 de março de 2021). «Beyonce Takes Grammys Stage With Megan Thee Stallion to Accept Best Rap Song». Variety (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  82. Gomez, Jade; Gomez, Jade (16 de março de 2019). «How Megan Thee Stallion Earned Her Confidence». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  83. «Megan Thee Stallion Rides a Stallion at SXSW». Complex (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  84. Braziliense', 'Correio (18 de dezembro de 316). «Megan Thee Stallion e Netflix fecham parceria para produção de séries». Diversão e Arte. Consultado em 18 de abril de 2022  Verifique data em: |data= (ajuda)
  85. Nast, Condé (17 de fevereiro de 2022). «Megan Thee Stallion to Star in New A24 Movie Musical F*cking Identical Twins». Pitchfork (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  86. Rubin, Rebecca; Rubin, Rebecca (17 de fevereiro de 2022). «Bowen Yang, Megan Thee Stallion, Nathan Lane, Megan Mullally to Star in A24's R-Rated Musical 'F*cking Identical Twins'». Variety (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  87. «These 25 Facts Will Make You Fall in Love With Megan Thee Stallion». E! Online. 15 de fevereiro de 2020. Consultado em 18 de abril de 2022 
  88. «Megan Thee Stallion Donated $10K To Bail Relief Efforts In Houston». BET (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  89. www.grammy.com https://www.grammy.com/news/beyonce-megan-thee-stallions-savage-remix-benefit-houston-covid-19-relief. Consultado em 18 de abril de 2022  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  90. Vargas, Chanel (10 de outubro de 2020). «Megan Thee Stallion Is Giving Away 2 $10,000 College Scholarships to Women of Color». POPSUGAR Celebrity (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  91. duhvon93 (5 de março de 2021). «Megan Thee Stallion heats up donations for Houston after Winter Storm Uri». The Black Wall Street Times (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  92. «Megan Thee Stallion announces new $1 million 'Women On Top' fund». NME (em inglês). 9 de março de 2021. Consultado em 18 de abril de 2022 
  93. Mamo, Heran; Mamo, Heran (9 de junho de 2021). «Megan Thee Stallion Is Giving One Lucky College Student a Full-Ride Scholarship». Billboard (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  94. Kaufman, Gil; Kaufman, Gil (30 de junho de 2021). «Megan Thee Stallion Launches 'Investing For Hotties' Video Series, Giving Away $1 Million in Stock». Billboard (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  95. Eggertsen, Chris; Eggertsen, Chris (15 de outubro de 2021). «Megan Thee Stallion Has Her Own Popeyes Franchise & 'Hottie Sauce' in New Deal». Billboard (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  96. «Megan Thee Stallion Gets Candid About Losing Her Mom». Vibe (em inglês). 24 de dezembro de 2019. Consultado em 15 de novembro de 2020 
  97. «Megan Thee Stallion Reveals Her Mother Died From A 'Brain Tumor'». Essence (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2020 
  98. «Condolences: Megan Thee Stallion's Mother, Holly Thomas, Passes Away». 97.9 The Box (em inglês). 22 de março de 2019. Consultado em 15 de novembro de 2020 
  99. «Meet Megan Thee Stallion, the Houston Rapper Crafting the Hottest Bars While Still Attending College». Billboard (em inglês). Consultado em 15 de novembro de 2020 
  100. «Two & Fro : NPR». web.archive.org. 26 de junho de 2019. Consultado em 15 de novembro de 2020 
  101. «Tory Lanez é acusado de atirar em Megan Thee Stallion». G1. Consultado em 30 de junho de 2022 
  102. Aswad, Jem; Aswad, Jem (15 de julho de 2020). «Megan Thee Stallion Says She 'Suffered Gunshot Wounds as a Result of a Crime' Over the Weekend». Variety (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  103. Mamo, Heran (15 de julho de 2020). «Megan Thee Stallion Says She's 'Incredibly Grateful to Be Alive' After Being Shot Multiple Times». Billboard. Consultado em 30 de junho de 2022 
  104. «Rapper é processado por atirar no pé de Megan Thee Stallion nos EUA». www.uol.com.br. Consultado em 30 de junho de 2022 
  105. Mamo, Heran (15 de julho de 2020). «Megan Thee Stallion Says She's 'Incredibly Grateful to Be Alive' After Being Shot Multiple Times». Billboard. Consultado em 30 de junho de 2022 
  106. Holmes, Charles; Holmes, Charles (27 de julho de 2020). «Megan Thee Stallion on Shooting Incident: 'There's Nothing To Joke About'». Rolling Stone (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  107. «Rapper é processado por atirar no pé de Megan Thee Stallion nos EUA». www.uol.com.br. Consultado em 30 de junho de 2022 
  108. Aswad, Jem; Aswad, Jem (21 de agosto de 2020). «Megan Thee Stallion Claims Tory Lanez Shot Her (Watch)». Variety (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  109. Nast, Condé (21 de agosto de 2020). «Megan Thee Stallion Says Tory Lanez Shot Her». Pitchfork (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  110. «Tory Lanez gritou para Megan Thee Stallion dançar antes de atirá-la no pé, diz detetive do caso». O Globo. 15 de dezembro de 2021. Consultado em 30 de junho de 2022 
  111. Willman, Jem Aswad,Chris; Aswad, Jem; Willman, Chris (25 de setembro de 2020). «Tory Lanez Denies Megan Thee Stallion's Account of Being Shot in a Highly Defensive Surprise Album». Variety (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  112. «Megan Thee Stallion's lawyer claims Tory Lanez's team launched "smear campaign" over shooting allegations». NME (em inglês). 26 de setembro de 2020. Consultado em 30 de junho de 2022 
  113. Lamarre, Carl; Lamarre, Carl (29 de setembro de 2020). «Tory Lanez's Team Allegedly Sent Emails From Fake 300 Entertainment Account to 'Campaign Press' for Megan Thee Stallion Incident (Exclusive)». Billboard (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  114. Nast, Condé (16 de novembro de 2020). «Megan Thee Stallion Claims Tory Lanez Tried to Pay Her to Stay Quiet After Shooting». Vanity Fair (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  115. Press, Associated (8 de outubro de 2020). «Rapper Tory Lanez charged with shooting Megan Thee Stallion». the Guardian (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  116. «Tory Lanez Ordered to Stay Away From Megan Thee Stallion». Rap-Up (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  117. Stallion, Megan Thee (13 de outubro de 2020). «Opinion | Megan Thee Stallion: Why I Speak Up for Black Women». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 30 de junho de 2022 
  118. Coscarelli, Joe (8 de outubro de 2020). «Tory Lanez Charged With Assault in Shooting of Megan Thee Stallion». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 30 de junho de 2022 
  119. Nast, Condé (18 de novembro de 2020). «Tory Lanez Pleads Not Guilty to Assault in Megan Thee Stallion Shooting Case». Pitchfork (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  120. Aswad, Jem; Aswad, Jem (20 de novembro de 2020). «Megan Thee Stallion Slams Tory Lanez With 'Shots Fired' Diss Track». Variety (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  121. Curto, Justin (20 de novembro de 2020). «Megan Thee Stallion Murders the Narrative on 'Shots Fired'». Vulture (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  122. Wang, Steffanee; Valentine, Claire; Bobila, Maria. «The 5 Must-Listen Tracks Off Megan Thee Stallion's 'Good News'». Nylon (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  123. Marques, João Victor (6 de abril de 2022). «Rapper Tory Lanez é preso nos EUA após post em rede social sobre Megan Thee Stallion; entenda o caso». Hugo Gloss. Consultado em 30 de junho de 2022 
  124. «Rapper Tory Lanez é preso por violar ordem de proteção de Megan Thee Stallion». Terra. Consultado em 30 de junho de 2022 
  125. Haylock, Victoria Bekiempis, Zoe (5 de abril de 2022). «Everything We Know About the Megan Thee Stallion and Tory Lanez Shooting». Vulture (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  126. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome :6
  127. Yohannes, Alamin. «Megan Thee Stallion is all diamonds and fur in 'P-Valley' season 2 first look». EW.com (em inglês). Consultado em 15 de junho de 2022 
  128. «Megan Thee Stallion, Nathan Lane, Megan Mullally, Bowen Yang to Star in Musical Comedy 'F*cking Identical Twins'». The Wrap. February 17, 2022. Consultado em April 3, 2022  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  129. Choe, Brandon; Choe, Brandon (28 de junho de 2021). «BET Awards: Megan Thee Stallion, H.E.R., 'Judas And The Black Messiah' & More – Full Winners List». Deadline (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  130. Warner, Denise; Warner, Denise (23 de maio de 2021). «Here Are All the Winners From the 2021 Billboard Music Awards». Billboard (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  131. Rowley, Glenn; Rowley, Glenn (13 de fevereiro de 2020). «2020 NME Awards Winners: The Complete List». Billboard (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  132. «Here are all the winners from the American Music Awards 2020». NME (em inglês). 23 de novembro de 2020. Consultado em 30 de junho de 2022 
  133. Grein, Paul; Grein, Paul (6 de outubro de 2020). «Lady Gaga Leads 2020 MTV EMA Nominations, Followed by BTS & Justin Bieber». Billboard (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  134. «Grammy Nominations 2021: See the List». The New York Times (em inglês). 24 de novembro de 2020. ISSN 0362-4331. Consultado em 30 de junho de 2022 
  135. «2021 iHeartRadio Music Awards: See The Full List of Nominees». iHeart (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2022 
  136. «FreezePage». www.freezepage.com. Consultado em 30 de junho de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre Megan Thee Stallion:
Commons Categoria no Commons
Wikidata Base de dados no Wikidata