Melissa Garcia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Melissa Garcia
Nome completo Melissa de Carvalho Garcia[1]
Nascimento 10 de julho de 1980 (39 anos)
Santo André,  São Paulo
Nacionalidade brasileira
Ocupação Atriz, dubladora e diretora de dublagem
Atividade 1997-presente
Cônjuge Alfredo Rollo (2014-presente)

Melissa de Carvalho Garcia (Santo André, 10 de julho de 1980) é uma atriz, dubladora, diretora de dublagem brasileira. Melissa começou a dublar com 17 anos[2] e seu primeiro trabalho como dubladora foi como a Super Modelo Mindi em Ana Pimentinha.[1] A partir da começou a fazer várias dublagens, ficando conhecida, principalmente, por trabalhos em animes, como Téa Gardner em Yu-Gi-Oh (mais tarde substituída por Samira Fernandes, pela sua licença-maternidade),[3] Videl em Dragon Ball Z,[1] Ami/Sailor Mercúrio em Sailor Moon (da fase R em diante), Orihime Inoue em Bleach,[4] Skuld em Ah! Megami-sama[1] e Sakura em Sakura Wars, pelo qual ganhou o Prêmio Yamato de Melhor Revelação em 2006.[5] Também atuou como diretora de dublagem de séries para Disney XD.[6]

Atuou também como Mariemaia em Gundam Wing,[1] Naru Narusegawa em Love Hina,[7] Ryosama em Popolocrois,[1] Seika em Os Cavaleiros do Zodíaco,[8] Celas Victoria em Hellsing,[8] Diva em Blood +[8] e Erika em Medabots.[2] Além das dublagens em animes, também dublou, Casey McDonald em Minha Vida Com Derek,[6] Fiona Phillips em Sinistro,[1] Karina Rios em Gata Selvagem[3] e Kim Bauer em 24.[9] Além de dublar Demi Lovato como Mitchie Torres e Sunny Munroe em Camp Rock 2 e em Sunny entre Estrelas, respectivamente.[8][9] Melissa também dublou Riven na versão brasileira do jogo League of Legends.[10] Em filmes, sua dublagem mais conhecida e elogiada é a personagem Haley Graham (Missy Peregrym), no filme Virada Radical, de 2006. Ela também é diretora de voz nas animações nacionais Irmão do Jorel (voz original das personagens Vovó Juju, Lara, Ana Catarina, Catiane e Duda) e Sítio do Picapau Amarelo.

Trabalhos[editar | editar código-fonte]

Além de dubladora, ela também é atriz e, participou da peça A Sessão da Tarde ou Você Não Soube Me Amar.[7] Ela também faz narrativas em um programa do site infantil criado pela Rádio Pipoca,[11] que ganhou o Prêmio APCA de melhor programa de rádio.[12]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m «Melissa Garcia - ela é nossa popstar!». Universo Online. Henshin!. 20 de julho de 2005. Consultado em 11 de julho de 2012 
  2. a b c «Melissa Garcia - a dubladora do momento». Universo Online. Henshin!. 20 de junho de 2005. Consultado em 10 de julho de 2012. Arquivado do original em 6 de junho de 2014 
  3. a b c Lobão, David Denis (24 de junho de 2004). «Dubladora de Sailor Mercury grávida». Universo Online. ohaYO!. Consultado em 11 de julho de 2012 
  4. a b c d «Saiba quem é quem em Bleach». Universo Online. Henshin!. 22 de junho de 2007. Consultado em 10 de julho de 2012. Arquivado do original em 9 de novembro de 2013 
  5. Lobão, David Denis (22 de junho de 2009). «História do Oscar da dublagem 2009». Universo Online. ohaYO!. Consultado em 30 de novembro de 2012 
  6. a b c Padrão, Márcio (13 de dezembro de 2010). «Entrevista: Melissa Garcia - Parte 2». Quadrisônico. Consultado em 11 de julho de 2012 
  7. a b c «Naru Narusegawa no teatro». Universo Online. Henshin!. 18 de junho de 2007. Consultado em 11 de julho de 2012 
  8. a b c d e f g h Padrão, Márcio (6 de dezembro de 2010). «Entrevista: Melissa Garcia - Parte 1». Quadrisônico. Consultado em 11 de julho de 2012 
  9. a b c d «Dubladores brasileiros lutam pelo reconhecimento profissional e encaram demanda crescente». Universo Online. BOL. 28 de junho de 2012. Consultado em 11 de julho de 2012 
  10. Guerra, Rodrigo (27 de julho de 2012). «Atores contam como foi o processo de localização de "League of Legends"; assista». Universo Online. Consultado em 30 de novembro de 2012 
  11. «Rádio online conta histórias e ensina de forma lúdica». Universo Online. Portal Aprendiz. 6 de junho de 2008. Consultado em 11 de julho de 2012 
  12. «Confira a lista dos vencedores do prêmio APCA 2009». Estadão.com. 10 de dezembro de 200. Consultado em 11 de julho de 2012  Verifique data em: |data= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) dublador(a), integrado ao projeto sobre dublagem é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.