Memórias Póstumas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Memórias póstumas
 Brasil
2001 •  cor •  101 minutos min 
Direção André Klotzel
Roteiro André Klotzel
Elenco Reginaldo Faria
Petrônio Gontijo
Marcos Caruso
Stepan Nercessian
Viétia Rocha
Débora Duboc
Género comédia dramática
Lançamento 17 de agosto de 2001[1]
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Memórias póstumas é um filme brasileiro de 2001, do gênero comédia dramática, dirigido por André Klotzel, e com roteiro baseado na obra Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis.

Boa parte do texto empregado no filme constitui-se de citações literais de Machado de Assis. A fotografia é de Pedro Farkas e a direção de arte é de Adrian Cooper. A trilha sonora é de Mário Manga.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Após sua vida, no ano de 1869, Brás Cubas decide por narrar sua história e revisitar os fatos mais importantes de sua vida, a fim de se distrair na eternidade. Começa então a relembrar dos amigos, como Quincas Borba, da sua displicente formação acadêmica em Portugal, dos amores de sua vida e, ainda, do privilégio que teve de nunca ter precisado trabalhar em sua vida.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Festival de Gramado

  • Recebeu cinco Kikitos de Ouro, nas categorias de melhor filme escolhido pelo júri, melhor filme escolhido pela crítica, melhor direção, melhor roteiro e melhor atriz coadjuvante (Sônia Braga).

Grande Prêmio BR de Cinema

  • Recebeu três indicações, nas categorias de melhor roteiro, melhor direção de arte e melhor fotografia.

Referências

  1. «Premiado, "Memórias Póstumas" estréia». Estadão. 16 de agosto de 2001. Consultado em 28 de agosto de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]