Mesorregião Metropolitana de Fortaleza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Mesorregião Metropolitana de Fortaleza
Divisão regional do Brasil
Localização da Mesorregião Metropolitana de Fortaleza
Características geográficas
Unidade federativa  Ceará
Regiões limítrofes Mesorregião do Norte Cearense
Área 3,759,939 km²
População 3,758,094 hab, 2017
Densidade 999,5 hab./km²
Indicadores
PIB R$ 78,004,758 IBGE/2014
PIB per capita R$ 21,295 IBGE/2014
IDH 0,764 PNUD/2000

A mesorregião Metropolitana de Fortaleza é uma das sete mesorregiões do estado brasileiro do Ceará. É formada pela união de onze municípios agrupados em duas microrregiões. A principal cidade é Fortaleza. É a menor mesorregião do Ceará, mas é a mais populosa, portanto a de maior densidade populacional.

A ocupação desta região do estado do Ceará começou com a própria ocupação cearense, por volta de 1603 com a ocupação da área onde hoje existe a cidade de Fortaleza. Desde os primeiros séculos de ocupação esta região foi sendo bastante ocupada. Já em 1823 as cidades mais próximas em todo o Ceará eram Fortaleza, Caucaia e Aquiraz. Ao final do século XIX está mesorregião já tinha as cidades de Maranguape, Pacatuba, Pacajus, Messejana e Parangaba, estas duas últimas em 1921 foram anexadas de volta ao território de Fortaleza, voltando a ser distritos.

Apesar da mesorregião levar o nome de Metropolitana de Fortaleza, não coincide totalmente com a Região Metropolitana de Fortaleza, que além dos onze municípios da mesorregião, inclui ainda Chorozinho, São Gonçalo do Amarante, Pindoretama, Cascavel e recentemente foram incorporados também os municípios de Paracuru, Paraipaba, Trairi, e São Luís do Curu.

Municípios[editar | editar código-fonte]

Microrregiões[editar | editar código-fonte]