Metrópoles (jornal)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde outubro de 2018). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Disambig grey.svg Nota: Para o jornal de Carapicuíba, veja Jornal Metrópole.
Metrópoles
Metropoles Midia e Comunicacao Ltda.
Periodicidade Diário
Formato Online
Sede Setor Bancário Sul, Brasília, DF
Assinatura Não
Fundação 8 de setembro de 2015 (3 anos)

Metrópoles é um jornal diário online brasileiro fundado em 8 de setembro de 2015. No mês em que completou três anos de existência, o veículo foi acessado por 25,3 milhões de usuários únicos que visualizaram 173 milhões de páginas, de acordo com o Google Analytics. De acesso gratuito e com equipe de quase 200 profissionais baseados em Brasília, o veículo tornou-se a fonte de informação mais acessada do Distrito Federal, estando entre os 10 maiores sites de notícia do país, segundo a comScore. Nos últimos três anos, o jornal ganhou importantes prêmios de jornalismo nacionais e internacionais como os do Ministério Público do Trabalho (MPT), Confederação Nacional dos Transportes (CNT), Confederação Nacional da Indústria (CNI), ANPTrilhos, CNH, Engenho de Comunicação. Em setembro, o veículo foi indicado ao Prêmio Gabriel Garcia Márquez pela cobertura dos massacres em presídios brasileiros, na categoria inovação. Além da página na web, o veículo mantém ainda uma estação de rádio com o mesmo nome, cuja frequência é 104.1 FM. O grupo é de propriedade da família do empresário Luiz Estevão.[1][2]

Prêmios de jornalismo[editar | editar código-fonte]

Desde a inauguração, o Metrópoles tem colecionado importantes prêmios nacionais, internacionais e locais. O site foi indicado em 2018 ao Prêmio Gabriel García Márquez de Periodismo[3], um dos mais importantes do mundo. A reportagem "Chacinas nos presídios: conheça as 123 histórias dos detentos mortos" concorreu na categoria Inovação, com veículos de Espanha, Paraguai, Peru, Venezuela, Reino Unido, México e Costa Rica.

O portal venceu as duas últimas edições do Prêmio CNT de Jornalismo. Em 2016, levou o troféu de Melhor Matéria de Internet,[4] pela reportagem "Avisa Quando Chegar – O Assédio que Paralisa as Mulheres" e, no ano seguinte, ganhou[5] com o trabalho "Transbrasil – Um embarque para o crime nas rodovias brasileiras". Na edição de 2018, o site recebeu três indicações: a matéria "Caminhoneiras, Codinome Coragem" disputa o troféu nas categorias Internet e Fotografia; a reportagem "Aviação Agrícola: Perigo no Céu e na Terra" concorre com trabalhos sobre Meio Ambiente e Transporte.

O Metrópoles ainda foi finalista do 29º Prêmio Europa de Comunicação com o trabalho "Bauhaus 100 anos: uma viagem pela escola de arquitetura". Ficou, também, em segundo lugar no 17º Prêmio Massey Ferguson de Jornalismo, na categoria Fotojornalismo[6]. A imagem de um geraizeiro preparando comida registrada por Gilberto Alves faz parte da matéria especial "O Levante dos Ribeirinhos". O site ficou entre os três melhores trabalhos do Prêmio NHR Brasil, com a reportagem "Hanseníase, um problema de 1800 ou 2018?". E ainda competiu na categoria Impresso do Prêmio Anamatra de Direitos Humanos, com a matéria "Ossos do Ofício: a rotina cruel dos trabalhadores de frigoríficos".

Redação do Portal Metrópoles

Por duas edições consecutivas, o site está entre os melhores veículos do mundo na avaliação da Society for News Design, organização internacional que apoia profissionais da imprensa. O Metrópoles teve cinco trabalhos vencedores do Melhor Design Digital de 2017[7], considerado o Oscar do jornalismo gráfico, ao lado de publicações internacionais de peso, como The New York Times, The Washington Post, Wall Street Journal, Financial Times e The Guardian. Na categoria Single-subject Project, que avalia reportagens especiais, o portal recebeu quatro prêmios de excelência com as seguintes matérias: "Ossos do ofício: a rotina cruel dos trabalhadores de frigoríficos"; "Transbrasil – Um embarque para o crime nas rodovias brasileiras"; "Chegamos à quarta idade. E agora, estamos preparados?"; e "Chacinas nos presídios: conheça as 123 histórias dos detentos mortos". Já na categoria Experimental Design, a Raptrospectiva 2017 faturou a honraria.

Em 2017, o Metrópoles venceu o Prêmio Engenho de Comunicação de Melhor Cobertura de Brasília. Em 2017, foi vencedor do 2º Prêmio Nacional de Jornalismo em Seguros, com o especial "A busca do brasileiro por uma aposentadoria digna", na categoria Webjornalismo. Assinado pelo repórter Pedro Alves, o material foi elaborado por uma equipe de 16 profissionais.

Em novembro do mesmo ano, ganhou o 1º Prêmio Policiais Federais de Jornalismo, com a cobertura da Operação Panatenaico. Ainda foi vitorioso no Prêmio ÑH, também organizado pela Society for News Design, na categoria Publicação Digital, pelas reportagens "Transbrasil – Um embarque para o crime nas rodovias brasileiras" e "Ossos do Ofício: a rotina cruel dos trabalhadores de frigoríficos".

O Metrópoles venceu também a 14ª edição do Prêmio Engenho de Comunicação, na categoria Melhor Cobertura de Brasília. A reportagem "Avisa Quando Chegar – O Assédio que Paralisa as Mulheres" ficou em segundo lugar na categoria Mídia Digital do Prêmio ANPTrilhos de Jornalismo.

Recebeu também o Prêmio Longevidade de Jornalismo Bradesco Seguros, na categoria Mídia Digital, com a reportagem "Chegamos à quarta idade. E agora, estamos preparados?". Em agosto, o especial "Ossos do Ofício: a rotina cruel dos trabalhadores de frigoríficos" foi vencedor do Prêmio Ministério Público do Trabalho (MPT) de Jornalismo 2017, nas categorias Webjornalismo Nacional e Regional Centro-Oeste. Em 2016, o portal faturou o Prêmio Abracopel de Jornalismo, com a reportagem "Distrito Federal registra alta nos acidentes elétricos em 2016".

Redação do portal Metrópoles.jpg

Sagrou-se ainda vencedor no concurso da Confederação Nacional da Indústria (CNI) de Jornalismo 2016, na categoria Destaque Regional Centro-Oeste. A reportagem selecionada pelos jurados foi "O despertar do Centro-Oeste para a revolução industrial", que debate o desenvolvimento econômico da região. A matéria "Feira dos Importados – A Máfia do Comércio de Rua" foi finalista na mesma premiação.

O Metrópoles foi para a final no Prêmio Abear de Jornalismo. A reportagem selecionada, "O céu é para todos", faz um diagnóstico dos avanços da aviação civil nos últimos anos e lista os principais desafios do momento atual desse setor. Em dezembro de 2015, a reportagem especial "Um deserto chamado Distrito Federal" foi escolhida como a melhor cobertura na categoria Utilidade Pública para Internet do 2º Prêmio Corpo de Bombeiros de Comunicação. Foram avaliadas 867 matérias de veículos impressos, internet, rádio e tevê.

Caso do Painel Digital[editar | editar código-fonte]

No dia 8 de fevereiro de 2018, lançou um painel de LED na sua sede, no Setor Bancário Sul. Com 246 metros quadrados e 22 metros de altura, o painel era o maior painel digital de alta resolução no Brasil.[8] Porém, no dia 3 de junho de 2018, após uma autorização judicial, o governador Rodrigo Rollemberg mandou retirar o painel.[9] De acordo com o Metrópoles e outras mídias digitais, a ação seria uma tentativa de censura ao jornal, visto que o Metrópoles criticava publicamente a gestão do governador.[10][11][12]

Referências

  1. «LUIZ ESTEVÃO SE DIZ PRONTO PARA 5 ANOS DE PREJUÍZO NA INTERNET». Brasil 247. 15 de junho de 2015. Consultado em 27 de junho de 2018 
  2. Pires, Carol (2015-8). «Notícias do cárcere». revista piauí. Consultado em 21 de agosto de 2018  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. «Estos son los 40 nominados al Premio Gabriel García Márquez de Periodismo 2018». Premio y Festival Gabo (em espanhol). 13 de setembro de 2018 
  4. http://www.cnt.org.br/Imprensa/noticia/23-premio-cnt-de-jornalismo-tem-30-finalistas  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  5. http://www.cnt.org.br/Imprensa/Noticia/cnt-divulga-vencedores-24-premio-jornalismo  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  6. «Premio de Jornalismo». www.premiojornalismo.com.br. Consultado em 3 de outubro de 2018 
  7. «2017 Results – The Best of Digital Design». www.snd.org (em inglês). Consultado em 3 de outubro de 2018 
  8. «Metrópoles inaugura maior painel digital de alta resolução do Brasil». Metrópoles. 8 de fevereiro de 2018. Consultado em 27 de junho de 2018 
  9. «Governador de Brasília vai à Justiça e remove painel de notícias na capital». Poder360. 3 de junho de 2018. Consultado em 27 de junho de 2018 
  10. Lilian Tahan (2 de junho de 2018). «Rollemberg censura o Metrópoles». Metrópoles. Consultado em 27 de junho de 2018 
  11. Otto Vale (4 de junho de 2018). «Cresce apoio de jornais e colunistas contra censura ao Metrópoles». Metrópoles. Consultado em 27 de junho de 2018 
  12. «Censura: site denuncia governador do DF». Portal Comunique-se. 4 de junho de 2018. Consultado em 27 de junho de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.