Michael Schindler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Michael Schindler
Nascimento 1978 (41 anos)
Ulm
Cidadania Alemanha
Ocupação virólogo

Michael Schindler (Ulm, 1978) é um virologista alemão, conhecido por descobertas sobre a patogenicidade do vírus da imunodeficiência humana (HIV).

Vida[editar | editar código-fonte]

Schindler estudou biologia na Universidade de Ulm, obtendo o diploma em 2002. Descobriu em sua tese de doutorado em 2006 na Universitätsklinik Ulm (Institut für Virologie) a causa da patogenicidade do HIV (AIDS) em comparação com virus aparentados em macacos. O papel central das proteínas Nef na AIDS foi demonstrado em 1995 por seu orientador Frank Kirchhoff.

Recebeu o Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter para jovens pesquisadores de 2007.[1]

Publicações selecionadas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedida por:
Ana Martin-Villalba
Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter para Jovens Investigadores
2007
Sucedida por:
Eckhard Lammert