Mickey, Donald e Pateta: Os Três Mosqueteiros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde dezembro de 2009).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Mickey, Donald, Goofy: The Three Musketeers
Mickey, Donald, Goofy: The Three Musketeers
Mickey, Donald e Pateta: Os Três Mosqueteiros (PT/BR)
 Estados Unidos
2004 •  cor •  68 min 
Direção Donovan Cook
Roteiro David M. Evans
Género aventura
fantasia
animação
infantil
Lançamento Estados Unidos 3 de agosto de 2004
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

Mickey, Donald, Goofy: The Three Musketeers (Mickey, Donald e Pateta: Os Três Mosqueteiros, em português) é um longa-metragem animado estadunidense, produzido pela Disney, e que reúne três famosos personagens do cinema animado do país, numa bem-humorada paródia do célebre romance de Alexandre Dumas.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A história nos leva à França, onde os faxineiros Mickey (dublado na versão brasileira por Sérgio Moreno), Pateta (dublado na versão brasileira por Anderson Coutinho) e Donald (dublado na versão brasileira por Cláudio Galvan) dividem o sonho de se tornarem mosqueteiros. O desejo dos amigos é realizado, sendo apenas parte de um dos tantos planos do Capitão Bafo (dublado na versão brasileira por Mauro Ramos) e da Tenente Clarabela (dublada na versão brasileira por Geisa Vidal) de seqüestrarem a linda princesa Minnie (dublada na versão brasileira por Marli Bortoletto) e Margarida (dublada na versão brasileira por Suzy Pereira), sua dama de companhia, aprisioná-las para sempre e serem coroados rei e rainha da França.

Entretanto,Bafo subestima a astúcia de Mickey, Donald e Pateta, que conseguem - com várias trapalhadas- impedir todas as tentativas do vilão. Durante o percurso, o trio aprende a importância do trabalho em equipe e o verdadeiro significado de "um por todos e todos por um".

Mas a amizade de nossos heróis passa por uma prova de fogo quando Bafo captura Mickey. Tudo parece perdido, mas Donald reúne sua coragem e, junto com o bondoso Pateta, consegue resgatar o prisioneiro. Os três amigos estragam a última investida de Bafo contra a Princesa Minnie durante um espetáculo na Casa de Ópera. A princesa, eternamente grata e apaixonada por Mickey, os recompensa com o título de Mosqueteiros.

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

O Filme conta com paródias feitas pela Disney

Paródia Música Original Ano
Um por Todos e Todos por Um Orfeu no Inferno (Jacques Offenbach) 1858
Amor Ah! o Amor The Nutcracker Suite/Romeo & Juliet (Tchaikovsky) 1892
Peter King, o Rei da França In the Hall of the Mountain King (Edvard Grieg) 1876
O Amor está no Ar The Blue Danube (Johann Strauss II) 1867
Correntes do Amor Habanera (Georges Bizet) 1875
Este é o Fim Sinfonia n.º 5 (Beethoven) 1808
L'Opera The Pirates of Penzance (Arthur Sullivan) 1879

o filme conta também com a faixa "Three Is A Magic Number"


TV Paga/Televisão


Disney Channel / Disney Junior

Dublagem[editar | editar código-fonte]

Personagem Dublagem EUA Estados Unidos Dublagem BRA Brasil
Mickey Mouse Wayne Allwine Sérgio Moreno
Minnie Mouse Russi Taylor Marli Bortoletto
Pato Donald Tony Anselmo Cláudio Galvan
Pateta Bill Farmer Anderson Coutinho
Margarida Tress MacNeille Silvia Suzy
Bafo Jim Cummings Mauro Ramos
Clarabela April Winchell Geisa Vidal
Irmãos Metralha Jeff Bennett

Maurice LaMarche

Hamilton Ricardo

Marco Ribeiro

Waldyr Sant'anna

Trovador Rob Paulsen Alexandre Moreno

ESTÚDIO:

Delart

MÍDIA:

VHS/ DVD/ Televisão Paga

DIREÇÃO:

Guilherme Briggs

TRADUÇÃO:

Mário Menezes

DIREÇÃO MUSICAL:

Félix Ferrà

Fonte: Créditos Disney Channel

Referências

  1. «Animatoons». Consultado em 4 de julho de 2009