Miguel Díaz-Canel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde setembro de 2015). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Miguel Díaz-Canel
Miguel Díaz-Canel
17º Presidente de Cuba
Período 19 de abril de 2018
até atualidade
Vice-presidente Salvador Valdés Mesa
Antecessor(a) Raúl Castro
Sucessor(a) -
3º Vice-presidente de Cuba
Período 24 de fevereiro de 2013
até 19 de abril de 2018
Presidente Raúl Castro
Antecessor(a) José Ramón Machado Ventura
Sucessor(a) Salvador Valdés Mesa
Dados pessoais
Nome completo Miguel Díaz-Canel Bermúdez
Nascimento 20 de abril de 1960 (58 anos)
Villa Clara, Cuba
Cônjuge Lis Cuesta[1]
Partido Partido Comunista de Cuba

Miguel Mario Díaz-Canel Bermúdez[2] (Villa Clara, 20 de abril de 1960) é um professor universitário e político cubano [3][1] que é o atual Presidente do Conselho de Estado de Cuba desde 19 de abril de 2018 e o primeiro nascido após a revolução de 1959 a atingir tal posto.[1] É membro do Politburo do Partido Comunista de Cuba desde 1997 e ocupou o cargo de ministro da Educação Superior de 2009 a 2012, sendo então promovido para o cargo de Vice-Presidente do Conselho de Ministros em 2012. Um ano depois, em 24 de fevereiro de 2013, foi eleito primeiro vice-presidente do Conselho.[4]

Em 18 de abril de 2018, foi eleito em Assembleia como novo presidente de Cuba, tendo tomado posse no dia seguinte.[5]

Início da vida e educação[editar | editar código-fonte]

Formou-se em 1982 como engenheiro eletrônico, quando então ingressou nas Forças Armadas Revolucionárias de Cuba, onde permaneceu até 1985.[3] A partir de abril daquele ano, lecionou na Universidade Marta Abreu de Las Villas. Em 1987, completou uma missão internacional na Nicarágua como primeiro-secretário da Unión de Jóvenes Comunistas (UJC) de Villa Clara.[6][1]

Em 1993, começou a trabalhar no Partido Comunista de Cuba e um ano depois foi eleito primeiro-secretário do Comitê Provincial do Partido na província de Villa Clara.[3] Em 2003, foi eleito para o mesmo cargo na província de Holguin.[3][7][1]

Foi nomeado por Raul Castro ministro da Educação Superior em maio de 2009, posição de que se afastou em 22 de março de 2012, quando se tornou vice-presidente do Conselho de Ministros.[3][8][1]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
José Ramón Machado Ventura
Vice-presidente do Conselho de Estado da República de Cuba
2013 - 2018
Sucedido por
-
Precedido por
Raúl Castro
Presidente do Conselho de Estado da República de Cuba
2018 - atualidade
Sucedido por
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.