Milionário

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Milionário (desambiguação).

É considerado milionário,um indivíduo que possua no mínimo US$ 1 milhão em ativos para investimentos. Atualmente no Brasil existem cerca de 165.000 milionários,nos EUA existem mais de 15 milhões de milionários,e no mundo todo um pouco mais de 30 milhões de milionários que correspondem o 1% mais rico da população mundial. Tecnicamente, a palavra "milionário" surgiu em meados do século XVIII na Europa e se referia aos milionários da época,quando possuir uma quantia equivalente a um milhão em valores da moeda corrente local era extremamente difícil. Mas hoje,na atualidade, o termo "milionário"é designado a um indivíduo de grandes poderes financeiros: que não precisa trabalhar para manter um padrão de vida luxuoso e confortável e, mesmo assim, pode deixar uma boa estrutura financeira para a família. Atualmente no Brasil existem muitas pessoas que detém em seu poder patrimônios e propriedades que na soma chegam a R$ 1 milhão ,mas esses indivíduos não podem ser considerados tecnicamente milionários. Esses valores são provenientes da elevada inflação histórica do Brasil, das escaladas dos preços dos imóveis. São em suma, por exemplo, pessoas que adquiriram propriedades anos atrás e hoje veem seu patrimônio representar outras cifras.Seriam pessoas, por exemplo, que compraram uma casa dez anos atrás por 150 mil reais e hoje,com a valorização do imóvel em algumas regiões do país,vivem em residências avaliadas em 500 ou 700 mil reais. Soma-se a isto a renda das pessoas da casa e planejamentos financeiros, possíveis após o Plano Real e a estabilidade econômica, e temos famílias bem-sucedidas com patrimônio avaliado em R$ 1 milhão,mas reforço novamente, que isso não fará dessas pessoas tecnicamente milionárias,por que o conceito da palavra passou a ser designado a indivíduos com padrão de vida elevado e luxuoso.