Mirão I de Barcelona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mirão I
Iluminura de Mirão num pergaminho genealógico do Mosteiro de Poblet
Conde de Barcelona
Reinado 948-966 (com Borel II)
Antecessor(a) Sunifredo II
Sucessor(a) Borel II (sozinho)
 
Dinastia de Barcelona
Morte 31 de julho de 966
Pai Sunifredo II
Religião Cristianismo

Mirão I foi conde do Condado de Barcelona com seu irmão Borel II (r. 948–992) de 948 até sua morte sem descendência em 966. Era filho de Sunifredo II (r. 897–948) e sua esposa Riquilda de Ruerga, que por sua vez era filha do também conde Armengol de Ruerga e Tolosa. Mirão ainda teve outro irmão chamado Armengol.[1] Sucedeu ao pai em 948, quando se retirou a um mosteiro, porém parece que só conseguiu governar efetivamente com seu irmão após 954. No comando, os irmãos fizeram alguns tratados com os mouros do Califado de Córdova (929–1031). Mirão faleceu em 31 de junho de 966, deixando Borel com o governo solo mais algumas décadas.[2]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Angelon, Manuel. Cronica de la Provincia de Barcelona. Madri: Rubio, Grilo y Vitturi 
  • Cawley, Charles (2019). «Catalonia». Fundação para Genealogia Medieval