Miranda do Douro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Miranda, veja Miranda.
Miranda do Douro (português)
Miranda de l Douro (mirandês)
Brasão de Miranda do Douro (português)Miranda de l Douro (mirandês) Bandeira de Miranda do Douro (português)Miranda de l Douro (mirandês)
Miranda08.jpg
Catedral de Miranda do Douro
Localização de Miranda do Douro (português)Miranda de l Douro (mirandês)
Gentílico Mirandês
Área 487,18 km²
População 7 482 hab. (2011)
Densidade populacional 15,4  hab./km²
N.º de freguesias 13
Presidente da
câmara municipal
Artur Nunes (PS)
Fundação do município
(ou foral)
1136
Região (NUTS II) Norte
Sub-região (NUTS III) Alto Trás-os-Montes
Distrito Bragança
Província Trás-os-Montes
e Alto Douro
Orago Santa Maria Maior
Feriado municipal 10 de Julho
Código postal 5210
Sítio oficial www.cm-mdouro.pt
Municípios de Portugal Flag of Portugal.svg

Miranda do Douro (em mirandês Miranda de l Douro) é uma cidade portuguesa, pertencente ao Distrito de Bragança, Região Norte e sub-região do Alto Trás-os-Montes, Terra de Miranda, com 2 254 habitantes (2011).

É sede de um município com 487,18 km² de área[1] e 7 482 habitantes (2011[2]), subdividido em 13 freguesias.[3] O município é limitado a nordeste e sueste pela Espanha, a sudoeste pelo município de Mogadouro e a noroeste por Vimioso.

Nesta região, além do português, fala-se o mirandês, localismo que designa a língua asturo-leonesa própria do antigo Reino de Leão.

População[editar | editar código-fonte]

Número de habitantes [4]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
9 004 9 564 10 009 10 639 11 208 10 738 11 272 12 584 12 944 18 972 10 627 9 948 8 697 8 048 7 482

(Obs.: Número de habitantes "residentes", ou seja, que tinham a residência oficial neste concelho à data em que os censos se realizaram.)

Número de habitantes por Grupo Etário [5]
1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
0-14 Anos 3 590 4 029 3 698 3 738 4 238 4 043 6 273 2 980 2 172 1 398 915 730
15-24 Anos 1 805 1 741 1 799 1 907 2 086 2 353 3 185 1 490 1 653 1 220 1 008 653
25-64 Anos 4 712 4 840 4 555 4 660 5 358 5 609 8 573 5 050 4 655 4 351 3 967 3 676
= ou > 65 Anos 531 583 644 701 816 854 941 1 160 1 468 1 728 2 158 2 423
> Id. desconh 0 17 27 30 32

(Obs: De 1900 a 1950 os dados referem-se à população "de facto", ou seja, que estava presente no concelho à data em que os censos se realizaram. Daí que se registem algumas diferenças relativamente à designada população residente)

Freguesias[editar | editar código-fonte]

Freguesias do concelho de Miranda do Douro.

As 13 freguesias de Miranda do Douro (com os nomes em mirandês entre parênteses) são as seguintes:

Património[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

No concelho de Miranda do Douro encontram-se indústrias complementares, nomeadamente a tanoaria em Palaçoulo e a produção de cortiça.[6]

Turismo[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

A música tradicional de Miranda do Douro é composta por gaiteiros, tamborileiros, pauliteiros e danças mistas.[7]

Eventos[editar | editar código-fonte]

  • Festival Intercéltico de Sendim
  • Festival L Burro i L Gueiteiro[8]

Capas de Honra Mirandesa[editar | editar código-fonte]

A Capa de Honra é um ícone da identidade mirandesa, sendo feita de pura lã de ovelha (burel). Requer um trabalho minucioso por parte de quem a confecciona, devido à sua complexidade. Segundo os artesãos que ainda a fabricam, o seu preço pode ir além dos 600 euros.
Actualmente, é apenas utilizada em cerimónias protocolares ou actos de importância relevante.
A capa de honras mirandesa tem origem na região espanhola de Leão. A sua origem remontará aos séculos nove ou 10, portanto medieval, tendo origem na ‘capa de chiba’, que traduzido do espanhol para português quer dizer ‘capa de cabra’.[9]

Gastronomia[editar | editar código-fonte]

A gastronomia mirandesa inclui como pratos ex-libris a posta à mirandesa, a vitela mirandesa, o cordeiro mirandês (raças DOP) e o porco com todos os seus derivados. Um dos produtos locais mais afamados é a tabafeia, um enchido fumado, de carne de aves e porco, pão regional de trigo, azeite, condimentado com sal, alho, colorau ou pimenta e salsa.
Na doçaria tradicional destacam-se os roscos, os sodos, os dormidos e a deliciosa bola doce.

Por último, é importante mencionar o bom vinho que se produz na região.[10]

Figuras ilustres[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Instituto Geográfico Português, Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013 (ficheiro Excel zipado)
  2. INE (2012) – "Censos 2011 (Dados Definitivos)", "Quadros de apuramento por freguesia" (tabelas anexas ao documento).
  3. Diário da República, Reorganização administrativa do território das freguesias, Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro, Anexo I.
  4. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  5. INE - http://censos.ine.pt/xportal/xmain?xpid=CENSOS&xpgid=censos_quadros
  6. Gazeta Rural n.º 269 (30 de Abril de 2016). Pág. 23.
  7. Gazeta Rural n.º 264 (15 de fevereiro de 2016), pág. 6.
  8. Webprodz. «L Burro i l Gueiteiro - Festival Itinerante da Cultura Tradicional - AEPGA». aepga.pt. Consultado em 9 de Outubro de 2017 
  9. Gazeta Rural n.º 266 (15 de março de 2016), pág. 6.
  10. Gazeta Rural n.º 264 (15 de fevereiro de 2016), pág. 6.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Distrito de Bragança

AFE.png Brasão de Bragança.png CRZ.png FEC.png MCD1.png MDR.png MDL1.png MGD.png TMC.png VFL.png VMS.png VNH.png
Alfândega da Fé Bragança Carrazeda de Ansiães Freixo de Espada à Cinta Macedo de Cavaleiros Miranda do Douro Mirandela Mogadouro Torre de Moncorvo Vila Flor Vimioso Vinhais
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Miranda do Douro