Miss Brasil 2006

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Miss Brasil 2006
Marina da Glória 1.jpg
A cidade do Rio de Janeiro sendo novamente a cidade-sede do concurso.
Data: 8 de abril de 2006
Apresentadores: Nayla Micherif e Nivaldo Prieto
Atrações musicais: Simone
Local: Claro Hall, Rio de Janeiro, RJ
Candidatas: 27
Vencedora: Rafaela Zanella
Representou: Rio Grande do Sul Rio Grande do Sul

Miss Brasil 2006 foi a 52ª edição do concurso tradicional que escolhe a representante brasileira para que esta represente sua cultura e país no Miss Universo. O evento foi realizado no dia 8 de abril no Claro Hall localizado no estado do Rio de Janeiro. A Miss Brasil do ano anterior, catarinense Carina Beduschi coroou sua sucesso ao título no final da competição, esta foi a gaúcha Rafaela Zanella. O concurso foi novamente apresentado por Nayla Micherif, porém com um parceiro diferente, Nivaldo Prieto. Com as canções da cantora Simone, o concurso teve a participação de vinte e sete candidatas. [1] [2]

Resultados[editar | editar código-fonte]

Colocações[editar | editar código-fonte]

Posição Estado e Candidata
Miss Brasil 2006
2º. Lugar
  • Acre Acre - Maria Cláudia Barreto
3º. Lugar
4º. Lugar
5º. Lugar
  • Bahia Bahia - Juliana Pina Mendonça
(TOP 10)
Semifinalistas

Premiações Especiais[editar | editar código-fonte]

  • Novamente aconteciam as três premiações especiais: [3]
Prêmio Estado e Candidata
Miss Simpatia
Miss Voto Popular
Melhor Traje Típico

Ordem dos Anúncios[editar | editar código-fonte]

Resposta Final[editar | editar código-fonte]

Questionada pela pergunta final sobre o que ela pretende fazer como Miss Brasil, a vencedora respondeu:

Candidatas[editar | editar código-fonte]

Todas as candidatas que competiram este ano:

Jurados[editar | editar código-fonte]

Para definir a nova representante nacional, foram escalados os seguintes jurados: [4]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Concursos Estaduais[editar | editar código-fonte]

  • Antes do Miss Brasil 2006, várias afiliadas da Band transmitiram localmente seus respectivos concursos municipais e estaduais. [5]
  • De todos os certames estaduais televisionados, apenas o de Mato Grosso do Sul não foi exibido por uma emissora da Band.
  • Os concursos para as escolhas das misses AC, AL, CE, MT, PB, PR, PI, RN, RO, SE e TO não foram televisionados.
  • Tiveram transmissão ao vivo (ou em VT) em nível local os concursos do AP, AM, BA, DF, ES, MA, MS, MG, PA, PE, RJ, RS, SC e SP.

Resultados[editar | editar código-fonte]

  • Os Estados que ficaram nas cinco primeiras colocações já estiveram entre os finalistas em algumas edições do concurso.
  • Pela primeira vez uma representante do Acre ganhou o direito de representar o país num concurso internacional: Maria Cláudia Barreto.
  • Os estados que voltaram a ficar entre os cinco finalistas após um longo período foram a Bahia (dez anos) e o Mato Grosso do Sul (oito anos).
  • Foi a segunda vez desde 2001 que São Paulo não ficou entre as dez finalistas.
  • Com o título conquistado em 2006, o Rio Grande do Sul passou à frente de São Paulo e Rio de Janeiro no ranking de vitórias.
  • Primeira vez que uma representante do Distrito Federal foi eleita pelo voto popular desde que a eleição interativa foi criada, em 2002.
  • Os estados que se classificaram ano passado mas não se colocaram neste ano foram: AM, ES, PR, RJ e SP.

Repercussão na Mídia[editar | editar código-fonte]

Audiência[editar | editar código-fonte]

As mudanças no concurso em relação ao ano anterior, como troca do dia de realização e transmissão (de uma quinta-feira para um sábado) e de local (dos apertados salões do Copacabana Palace para o Claro Hall) foram benéficas para a Band. A exibição do Miss Brasil 2006 nesse dia do fim-de-semana proporcionou um crescimento de audiência para a rede paulista no seu pico de audiência (de 8 em 2005 para 9 em 2006), o que colocou a emissora em segundo lugar na medição do Ibope realizada na grande São Paulo (principal centro de decisões do mercado publicitário do país). [6]

Crossovers[editar | editar código-fonte]

Miss Brasil
  • 2013: Goiás Goiás - Sileimã Alves (Melhor Traje Típico)
Miss Mundo Brasil
Miss Terra Brasil
  • 2002: Acre Acre - Maria Cláudia Barreto (Semifinalista)
  • 2009: Acre Acre - Maria Cláudia Barreto (Finalista)
Miss Mundo Universitária

Referências

  1. «Gaúcha Rafaela Zanella é eleita a Miss Brasil 2006». UOL. Consultado em 16 de janeiro de 2014 
  2. «Gaúcha ganha o título de Miss Brasil 2006». Terra. Consultado em 16 de janeiro de 2014 
  3. «27 candidatas concorrem ao Miss Brasil 2006». Impacto Online. Consultado em 16 de janeiro de 2014 
  4. «Rafaela Zanella é a Miss Brasil 2006!». O Fuxico. Consultado em 16 de janeiro de 2014 
  5. «Band exibe "Miss Brasil 2006" neste sábado». Londrix. Consultado em 16 de janeiro de 2014 
  6. «Miss Brasil 2006 registra pico de 9 pontos e conquista a vice liderança para a Band». Área VIP. Consultado em 16 de janeiro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]