Mocajuba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde abril de 2017).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Município de Mocajuba
"Pérola do Tocantins"
"Cidade dos Botos"
"Cidade das Mangueiras"
"Capital Mundial da Pimenta do Reino"
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Aniversário 06 de Julho
Fundação 1854 (163 anos)
Emancipação 06 de Julho de 1895
Gentílico mocajubense
Prefeito(a) Elieth de Fátima da Silva Braga (PMDB)
Localização
Localização de Mocajuba
Localização de Mocajuba no Pará
Mocajuba está localizado em: Brasil
Mocajuba
Localização de Mocajuba no Brasil
02° 35' 02" S 49° 30' 25" O02° 35' 02" S 49° 30' 25" O
Unidade federativa Pará Pará
Mesorregião Nordeste Paraense
Microrregião Cametá IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Baião, Cametá, Igarapé-Miri, Moju e Oeiras do Pará.
Distância até a capital Linha Reta - 166 km e Rodoviária - 232 km
Características geográficas
Área 870,809 km² [2]
População 30 277 hab. IBGE/2017[3]
Densidade 30,70 hab./km²
Altitude 30 m
Clima Equatorial
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,675 médio PNUD/2010[4]
PIB R$ 219 033,15 mil IBGE/2014[5]
PIB per capita R$ 7 570,36 IBGE/2014[5]
Página oficial

Mocajuba é um município brasileiro do estado do Pará. Localiza-se a uma latitude 02º35'03" sul e a uma longitude 49º30'26" oeste, estando a uma altitude de 30 metros. Sua população estimada em 2017 é de 30.277 habitantes. Possui uma área de 870,809 km². Mocajuba é uma das 50 melhores cidades para se viver na Região Norte, devido ao seu IDH - Índice de Desenvolvimento Humano, que diferencia muito a cidade das demais do Pará e da Região Norte. Mocajuba é cortada por um dos maiores rios brasileiros, o Rio Tocantins e no município ele chega a uma largura de mais de 3 km.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Em 1854, João Machado doou uma propriedade para que ali se instalasse a povoação do Maxi num belíssimo cabo na porção de terra firme da Margem direita do Rio Tocantins.

Encontraram os maxienses as condições para fazer progredir a Freguesia, que não passava de poucas casas e de uma capela, e em 10 de outubro fundou a Vila de Mocajuba, o menor território municipal no baixo Rio Tocantins. Mais de um século depois, Mocajuba tornou-se o maior produtor nacional de pimenta-do-reino e despontou como promissor município do Pará.

O Município de Mocajuba é o menor em dimensões geográficas na microrregião de Cametá, todavia, é um daqueles municípios em que a urbanização mais progrediu nos últimos anos, principalmente graças à riqueza obtida com o cultivo da pimenta-do-reino, cujos reflexos são possíveis se constatar.

A colonização[editar | editar código-fonte]

A história de Mocajuba remonta a ocupação colonial na Amazônia Brasileira pelos portugueses.

Logo após a fundação da cidade de Belém, capital do Pará atualmente, os colonizadores portugueses, atraídos pelas riquezas da região do Rio Tocantins, onde localiza-se atualmente a sede da cidade e muitas de suas vilas, dominam a calha do Tocantins. Na realidade, o rio é o único acesso ao interior da região. É seguindo o rio que os colonizadores tomam posse das terras, dentro de uma lógica geopolítica que é operada dentro dos tratados internacionais da época.

Mas os militares portugueses não agiam sozinhos neste processo de conquista e expansão. Eles contam com forte participação da igreja católica Um contexto de muitas lutas entre portugueses, franceses e holandeses empenhados na conquista da Calha Amazônica. Este é um elemento determinante para a história local.

Na região hoje chamada "baixo tocantins", a cidade de Cametá, que é hoje cidade vizinha, têm especial relevância. De Cametá saíram varias expedições exploratórias, como a de Pedro Teixeira em 1673 com o Padre Antônio Vieira. Foi estabelecido o núcleo central de colonização regional, tendo como liderança o Frei Cristóvão de São José, religioso dos Padres Capuchos da Ordem de Santo Antônio. Ele inicia a conversão cultural dos índios Tupinambás na região, mas especificamente os Camutás. A estratégia fundamental era atrair os indígenas de suas aldeias para a margem dos rios e assim fundaram-se muitas localidades. Ora pela força, ora pelo etnocídio e conversão cultural. O forte contato de portugueses (brancos) com os indígenas origina o caboclo, etnia mais comum na região.

Formação administrativa[editar | editar código-fonte]

Distrito criado com a denominação de Mocajuba, pela lei provincial nº 228, de 20-12-1853, subordinado ao Município de Cametá.

Elevado à categoria de vila com a denominação de Mocajuba, pela lei provincial nº 707, de 05-04-1872, desmembrado de Cametá com sede na antiga vila de Mocajuba constituído de um distrito sede. Instalado em 07-01-1873.

Elevado à categoria de cidade com a mesma denominação, pela lei estadual nº 324, de 06-07-1895.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 2 distritos: Mocajuba e São Pedro de Viseu.

Pelo decreto estadual nº 6, de 04-11-1930, é extinto o Município de Mocajuba e anexado ao município de Baião.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Mocajuba figura no Município de Baião.

Pela lei estadual nº 8, de 31-10-1935 é recriado o Município de Mocajuba.

Em divisões territoriais datadas de 31-12-1936 e 31-12-1937, o município é constituído de 2 distritos: Mocajuba e São Pedro do Viseu.

Pelo decreto-lei estadual nº 3131, de 31-10-1938, é extinto o distrito de São Pedro do Viseu, sendo seu território anexado ao distrito sede de Mocajuba.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído apenas do distrito sede.

Pelo decreto-lei estadual nº 4505, de 30-12-1943, é recriado o distrito de São Pedro de Viseu e anexado ao município de Mocajuba.

Em divisão territorial datada de 01-07-1955, o município é constituído de 2 distritos: Mocajuba e São Pedro de Viseu, assim permanecendo em divisão territorial até a data de 01-07-1960.

Pela lei estadual nº 2460, de 29-12-1961, é criado o distrito de Manjeiro (Mangabeira) e anexado ao município de Mocajuba.

Em divisão territorial datada 31-12-1963, o município é constituído de 3 distritos: Mocajuba, Manjeiro (Mangabeira) e São Pedro do Viseu. Assim permanecendo em divisão territorial até a data de 01-01-1979.

Em divisão territorial datada de 18-08-1988, o município é constituído de 2 distritos: Mocajuba e São Pedro de Viseu (atualmente Visânia). Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

O surgimento do município de Mocajuba[editar | editar código-fonte]

Mocajuba forma-se no Rio ou Furo Tauaré passando por diversas denominações como: Maxi, Freguesia de Mocajuba, Vila de Mocajuba e finalmente Mocajuba.

Sua emancipação como município, segundo o IBGE, data de 1895, um processo que durou dois anos até a consolidação.

Em 1853 quando a Assembleia Legislativa Provinciana, considerando a exigência do povoado de nome Maxi, criou a resolução nº 228, de 20 de dezembro do mesmo ano, dando-lhe a categoria de Freguesia.

Não obstante, o lugar não era propício para o desenvolvimento do município, diz a história oficial. Os habitantes do Maxi foram então se deslocando para uma antiga propriedade do Sr. João Machado, um dos incentivadores da mudança, que doou suas terras para que servissem de sede para o futuro município. Nessas terras existia um sítio de nome Mocajuba em perfeitas condições de servir para o desdobramento de um importante núcleo populacional, que viria a ter para invocação N. Sr.a. da Conceição, inicialmente utilizando o oratório particular de João Machado.

A mudança foi aprovada pela lei nº 271, de 16 de outubro de 1854. Conservou-se como freguesia até o ano de 1872 quando a lei nº 707, de 5 de abril, substituiu-a por vila.

A primitiva igreja matriz da vila, construção de taipa, incendiou-se antes de 1864, época em que o governo provincial determinou o prosseguimento da construção do novo templo, então em alicerces.

O decreto nº 117, de 18 de setembro, cria prefeituras de segurança em seis cidades dentre elas a de Mocajuba, em 1895, dando-lhe finalmente a legitimidade do nome original.

Economia[editar | editar código-fonte]

Mocajuba é uma cidade economicamente, que gira bastante em torno da área do indústria de fora, da agricultura e também da área dos serviços. É uma cidade que recebe quase que todos os dias, moradores de Mocajuba que moram na zona rural e também grande parte da população da cidade de Baião, das vilas mais próximas de Mocajuba que pertencem a Cametá, Moju e Oeiras, que vem vender e também comprar produtos e gêneros alimentícios na cidade de Mocajuba. A cidade tem grande potência de compra na área farmacêutica, de supermercados e magazines.

As indústrias da área de produção de óleo de dendê para o biodiesel na cidade são:

  • P Bio - Petrobrás.
  • Bio Vale - Cia. do Vale do Rio Doce.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Mocajuba está distante a aproximadamente 232 Km de Belém, pela rodovia estadual PA - 151. Mocajuba é a 5ª maior cidade da Região Tocantina em termo de população, é a cidade que cresce bastante pela influência do Polo Industrial na área de Dendê, para a produção do Bio Diesel, que é um combustível menos poluente. Mocajuba também tem:

  • 1º - Maior IDH da região.
  • 2º - Maior PIB P/C da região.
  • 3º - Maior Densidade Dem. da região.
  • 4º - Maior PIB da região.
  • 5ª - Cidade Mais Antiga da região.

É também a menor cidade em tamanho territorial da Região Tocantina.

Mocajuba é a cidade em que moram mais pessoas na zona urbana, do que na zona rural em porcentagem, pela grande procura de empregos que ficam mais fácil dentro da cidade. Mocajuba também é conhecida como cidade hospitaleira e acolhedora. É uma das cidades mais altas da região, e chega a ter uma altura de mais ou menos 30 metros de altura em relação ao rio e ao mar. O município é cortado por 5 principais estradas e rodovias em seu território, são a BR - 422, a PA - 151 que é a principal rota de entrada de Mocajuba, a PA - 256, PA - 156 e PA - 471.

Religiosidade[editar | editar código-fonte]

Mocajuba possui várias denominações religiosas, dentre elas citaremos algumas a seguir:

  • Igreja Católica - Paróquia N. Sra. da Conceição e 70 C.C. - Comunidades Cristãs.
  • Igreja do Evangelho Quadrangular com 10 Congregações.
  • Primeira Igreja Batista de Mocajuba - 06 Congregações e 03 Frentes Missionárias Batista.
  • Igreja Evangélica Assembleia de Deus com 16 Congregações.
  • Igreja Adventista do Sétimo Dia.
  • Igreja Pentecostal Deus e Amor da Missão.
  • Igreja Testemunhas de Jeová.
  • Igreja Pentecostal Assembleia de Deus.
  • Igreja Universal do Reino de Deus.
  • Igreja Mundial do Poder de Deus.
  • Igreja Pentecostal Unida do Brasil
  • Igreja Evangélica Pentecostal Luz da Libertação - 14 Congregações.

Evolução populacional[editar | editar código-fonte]

  • 1991 - 18.496 Habitantes.
  • 1996 - 18.741 Habitantes.
  • 2000 - 20.542 Habitantes.
  • 2007 - 23.258 Habitantes.
  • 2010 - 26.731 Habitantes.
  • 2012 - 27.666 Habitantes.
  • 2017 - 30.277 Habitantes.

Festividades culturais[editar | editar código-fonte]

As grandes manifestações culturais de Mocajuba são:

  • Festival de Verão.
  • Carnaval da Paz.
  • Ano Novo na Praia dos Górgons.
  • Dia da Bíblia (2º domingo de dezembro).
  • Festival do Camarão.
  • S.E.M. - Semana Estudantil Mocajubense.
  • Semana da Consciência Evangélica.
  • Círio e Festividade de N. Sra. da Conceição - (Centenário).
  • Fest Gospel.
  • Círio e Festividade de São Benedito, São José Operário, São João Batista e N. Sra. do Rosário - (Centenário em breve).
  • Concurso Municipal e Intermunicipal de Quadrilhas Juninas.
  • Bloco Cordão dos Linguarudos - (Centenário).
  • Festival do Caranguejo - Localidade de Pesqueiro.
  • Festival do Açaí - C.C. São Benedito - Bairro da Cidade Nova.
  • Dia da Consciência Evangélica (Dia 31/10).

Atrativos turísticos de Mocajuba[editar | editar código-fonte]

  • Praia dos Górgons.
  • Prainha.
  • Praia do Zizi.
  • Ilha e Praia do Camaleão.
  • Mercado Municipal Miguel Dias de Almeida.
  • Praça do C.A.C. - Conjunto Arquitetônico da Conceição.
  • Ginásio Poliesportivo Irmã Vieira.
  • Chácara Vitória.
  • Igarapé de Água Azul - Distrito de Baratinha.
  • Posto e Mirante Bacuri.
  • Calçadão da Beira Rio.
  • Trapiche Municipal.
  • Praça Rodolfo Bacha.
  • Rio Cairarí - Localidade de Novo Vale.
  • Rio Tambaí Açu - Vila São Luis.
  • Vila de Merajuba.

Bairros de Mocajuba[editar | editar código-fonte]

Os bairros de Mocajuba em ordem alfabética são:

  1. Bairro do Arraial.
  2. Bairro Cidade Nova I.
  3. Bairro Cidade Nova II.
  4. Bairro Centro.
  5. Bairro da Campina.
  6. Bairro da Caixa D'Água.
  7. Bairro da Fazenda.
  8. Bairro Monte Alegre.
  9. Bairro Novo I.
  10. Bairro Novo II.
  11. Bairro Novo Horizonte.
  12. Bairro da Pedreira.
  13. Bairro da Pranchinha
  14. Bairro Ypê Amarelo I.
  15. Bairro Ypê Amarelo II.

Estrutura urbana[editar | editar código-fonte]

Agências bancárias[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta com as seguintes agências bancárias:

Mocajuba conta com os seguintes correspondentes bancários:

Educação[editar | editar código-fonte]

Escolas de ensino infantil[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta hoje com 68 escolas municipais de ensino infantil, 2 na zona urbana:

  • E.M.E.I. Alegria do Saber.
  • E.M.E.I. Sementinha do Futuro - (Bairro Monte Alegre).
  • E.M.E.I. Sementinha do Futuro II - (Bairro da Pranchinha).
  • E.M.E.I. Sementinha do Futuro III - (Bairro Novo)

Escolas de ensino fundamental[editar | editar código-fonte]

Mocajuba dispõe hoje de:

  • 75 escolas municipais de ensino fundamental em todo o município, na zona urbana são 12, as cinco principais da cidade são:
  • E.M.E.F. Almirante Barroso - (mais antiga).
  • E.R.C.M. Instituto N. Sra. das Graças.
  • E.M.E.F. Dep. Abel Figueiredo.
  • E.M.E.F. Padre Pedro Hermans.
  • E.M.E.F. Regina Sabá Costa.

Escolas de ensino médio[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta com uma escola de ensino médio:

  • Escola Est. de Ensino Médio Prof. Isaura Baía;
  • Escola Est. de Ensino Médio Deputado Alessandro Albuquerque Novelino - (em construção).

Escolas particulares[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta com quatro escolas particulares:

  • C.I.M. - Centro Integrado Millennium;
  • C.E.C. - Centro Educacional Construir;
  • M.E.S.T. - Centro Educacional e Profissionalizante;
  • I.D.E.I.C. - Instituto de Desenvolvimento Educacional Imaculada Conceição.

Universidades[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta com as seguintes universidades públicas:

Mocajuba conta com as seguintes universidades particulares:

Bibliotecas[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta com uma biblioteca pública:

  • Biblioteca Pública Municipal Rui Barbosa.

P.I.S.D. - Projeto de Inclusão Social e Digital – gratuito[editar | editar código-fonte]

  • P.I.S.D. - Leomarina Benassuly.

Praças[editar | editar código-fonte]

Mocajuba possui as seguintes praças:

  • Praça do CAC - Conjunto Arquitetônico da Conceição.
  • Praça Rodolfo de Almeida Bacha.
  • Praça do Mercado Municipal Miguel Dias de Almeida.
  • Praça São Vicente de Paulo - (Pça. do Terminal).
  • Praça N. Sra. do Rosário.
  • Praça N. Sra. Aparecida.
  • Praça dos Estudantes.
  • Praça da Bíblia.

Previdência Social - (INSS)[editar | editar código-fonte]

Já está construído a Agência da Previdência Social - (INSS), na cidade de Mocajuba. E irá beneficiar os seguintes municípios: Mocajuba, Baião e Parte da Zona Rural dos municípios de: Cametá, Igarapé-Miri, Moju e Oeiras do Pará, e estão aguardando apenas a realização do concurso público para finalmente ser inaugurado.

Principais avenidas, ruas, travessas e estradas[editar | editar código-fonte]

Avenidas:

  • Avenida João Machado - (maior da cidade).
  • Avenida XV de Novembro.
  • Avenida Siqueira Mendes.
  • Avenida Manoel de Souza Furtado.
  • Avenida Getúlio Vargas.

Ruas:

  • Rua João Alfredo.
  • Rua José Bonifácio.
  • Rua Deusdeth de Oliveira.
  • Rua Lauro Sabá.
  • Rua Batista.
  • Rua Benjamin Constant.
  • Rua Euclides Moreira Pontes.
  • Rua Nova José Dias Pimentel.
  • Rua Amado Maia.
  • Rua N. Sra. das Graças.

Travessas:

  • Travessa 7 de Setembro.
  • Travessa Teófilo Otoni.
  • Travessa Miguel Dias de Almeida.
  • Travessa Betel.
  • Travessa Raimundo Cunha.
  • Travessa Humberto Martins.
  • Travessa João Ribeiro.
  • Travessa Lauro Sodré.
  • Travessa Domingos Valente.
  • Travessa José Joaquim dos Santos.
  • Travessa Perpétuo Socorro.

Estradas e Rodovias:

  • Estrada da Prainha.
  • Estrada do Acapuquara.
  • Estrada do Guariba.
  • Rodovia Magalhães Barata.

Saúde[editar | editar código-fonte]

Na área da saúde Mocajuba conta com:

  • 1 Hospital Municipal - Maria do Carmo Gomes.
  • 1 Central do SAMU 192 - Mocajuba.
  • 1 Centro de Saúde.
  • 1 Laboratório Municipal de Análises Clínicas.
  • 6 E.S.F. (Estratégia Saúde da Família) na Zona Urbana.
  • 7 E.S.F. (Estratégia Saúde da Família) na Zona Rural.
  • 1 Odonto Móvel.
  • 1 CAPS - Centro de Atenção Psico - Social.
  • 1 C.R.F. - Centro de Reabilitação e Fisioterapia Municipal.
  • 1 Laboratório Municipal de Prótese Dentária.

Segurança[editar | editar código-fonte]

Na área da segurança Mocajuba conta com:

  • C.R.R.Moc. - Centro de Recuperação Regional de Mocajuba.
  • 1 - Quartel da Polícia Militar.
  • 1 - Delegacia de Polícia Civil.
  • 1 - Quartel da Guarda Municipal de Mocajuba
  • 1 - U.I.P.P. (Unidade Integrada Pró-Paz) - (em construção).

Transportes[editar | editar código-fonte]

Na área dos transportes Mocajuba conta com:

  • 1 - T.R.M. - Terminal Rodoviário de Mocajuba.
  • 1 - T.H.M. - Terminal Hidroviário de Mocajuba.
  • 1 - Terminal de Balsa e de Cargas.
  • 3 - Terminais de Cargas.
  • 2 - Terminais Particulares.

Mercado Municipal de Mocajuba[editar | editar código-fonte]

O Mercado Municipal de Mocajuba, é o maior e mais grandioso mercado público da Região do Baixo Tocantins. Seu nome original é: Mercado Municipal de Mocajuba - Miguel Dias de Almeida. O Merca Shopping como é conhecido, tem mais de 300 lojas em todo o complexo de venda de mais de 8.000 metros quadrados

Foi iniciado e inaugurado no governo do ex-prefeito Wilde Leitte Colares, e levou 12 anos para ser concluído. Durante vários anos, as obras do mercado municipal foram paralisadas por prefeitos da época, e foi entregue do dia 31 de Maio de 2008, com muita festa e com a presença de diversas autoridades políticas e com mais de 20 mil pessoas presentes.

Comunicação[editar | editar código-fonte]

Emissoras de televisão de Mocajuba[editar | editar código-fonte]

Emissoras de rádio de Mocajuba[editar | editar código-fonte]

  • Rádio Cidade FM - (Mocajuba) - 92.3 FM.
  • Rádio Comunitária Mocajuba FM - 104.9 FM.
  • Rádio Cametá FM - 99.1 FM (Parcialmente).

Telefonia móvel e fixa[editar | editar código-fonte]

Mocajuba conta com a cobertura de duas operadoras de telefonia móvel:

  • Claro Telefonia Móvel S/A.
  • TIM Telefonia Móvel S/A.

Mocajuba conta com a cobertura de três operadoras de telefonia fixa:

  • Claro Fixo Telefonia Fixa S/A.
  • Oi Telefonia Fixa S/A.
  • TIM Telefonia Fixa S/A.

Referências

  1. «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  3. «Estimativa Populacional 2016» (PDF). Estimativa Populacional 2016. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2016. Consultado em 29 de dezembro de 2016 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «PIBMunicipal2010-2014». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 29 dez. 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Pará é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.