Abadia de Monte Cassino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Monastério de Montecassino)
Ir para: navegação, pesquisa
Abadia de Monte Cassino
Vista da Abadia
Estilo dominante Barroco Italiano
Início da construção 529 (1 488 anos)
Religião Catolicismo
Diocese Arquidiocese da Abadia de Monte Cassino
Website abbaziamontecassino.org
Geografia
País  Itália
Região Lácio
Local Cassino

A Abadia de Monte Cassino situa-se no topo do monte homônimo, a 80 km a leste de Nápoles, na Itália.

Fundada por Bento de Núrsia por volta de 529[1], ela é o berço da Ordem dos Beneditinos [2] e serviu de retiro a soberanos e pontífices como o príncipe franco Carlomano[3], irmão de Pepino o Breve, o rei lombardo Rachis (com sua família), e São Gregório. A abadia contém imensas riquezas, entre elas uma preciosa biblioteca (Didier, abade de 1058 a 1087, faz trazer de Constantinopla diversos livros) colocada sob a proteção direta de Roma, juntamente com uma galeria de preciosos quadros.

A abadia, diversas vezes ameaçada por causa de guerras e invasões, é saqueada e queimada pelos Lombardos do duque Zotton. Reconstruída somente no início do século VIII, após um período de turbulências na Itália (devido principalmente aos Lombardos), a abadia foi novamente destruída parcialmente e incendiada por piratas sarracenos (844), depois em 1030 pelos Normandos que começaram a invadir a Itália meridional.

Mais recentemente, no início de 1944, ela foi destruída pelos bombardeios aliados durante a batalha de Monte Cassino[4], sendo mais tarde reconstruída tal como era antes.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]