Monozukuri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Monozukuri significa literalmente "produção" ou "fabricação de coisas" em japonês e é o termo japonês para "manufatura". O significado mais amplo abrange uma síntese de proezas tecnológicas, know-how e espírito das práticas de fabricação do Japão. O espírito inclui uma atitude sincera em relação à produção com orgulho, habilidade e dedicação e a busca da inovação e da perfeição[1]. É atualmente uma palavra de ordem no Japão e muitos japoneses acreditam que o monozukuri levou o Japão a uma posição dominante no mercado mundial[2]. Dentro de sua definição também está incluído aquele que funciona como um estado mental que faz produzir bem, integrando toda a cadeia de valor e melhorando-a em todos os seus aspectos continuamente.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

A palavra japonesa monozukuri (ものづくり?) é uma combinação das palavras "coisa" (物, mono) e "processo de fabricação" (のり, tsukuri,ou -zukuri), que pode ser traduzido como "o ato de fazer". a expressão passou a ser usada como uma espécie de palavra de ordem na indústria e mídia de massa para incorporar o espírito japonês e a história da fabricação. É uma palavra de origem japonesa e só recentemente, desde a segunda metade da década de 1990, passou a significar fabricação e produção. Seu uso foi popularizado após a promulgação da Lei Básica sobre a Promoção da Tecnologia de Fabricação DeNúcleos, em 19 de março de 1999[3], para apoiar o desenvolvimento da indústria manufatureira no país.

Monozukuri Genba[editar | editar código-fonte]

O Monozukuri Genba[4] é um entendimento de que o sentimento que move os latinos é muito diferente do de um trabalhador em outras latitudes, por isso baseia-se na obtenção de disciplina nas operações sem esquecer que o trabalhador latino se mobiliza pela paixão pelo que faz. É impossível para um japonês ou um europeu entender como a paixão de um trabalhador latino se move se ele não viveu muito nesses países, razão pela qual a tentativa de implementar metodologias de trabalho estrangeiras nessas regiões muitas vezes falha.

Referências

  1. https://educationinjapan.wordpress.com/education-system-in-japan-general/the-mindset-of-monozukuri-and-creativity-in-a-traditional-art-form-applied-in-science-technology-today/
  2. Tanaka, Hiroshi (2017). «Where Has The Japanese Core Of "Monodzukuri" Come From, And Where Is It Going?» (PDF). Romanian Economic Business Review. 12 (2): 57-71. Consultado em 27 de fevereiro de 2018 
  3. Basic Act on the Promotion of Core Manufacturing Technology (Relatório). 19 de março de 1999. Consultado em 28 de fevereiro de 2018 
  4. Barton, Eric (septiembre de 2016). «Por qué en Japón los jefes NO felicitan a sus empleados cuando hacen bien su trabajo». BBC Capital. Consultado em 24 de setembro de 2017  Verifique data em: |data= (ajuda)