Gargano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Monte Gargano)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicionasse esta.
Disambig grey.svg Nota: "Monte Gargano" redireciona para este artigo. Para o santuário, veja Santuário de São Miguel Arcanjo.
Monte Sant'Angelo nas encostas do monte Gargano
Paisagem típica da costa no Gargano

Gargano é uma região histórica e geográfica da Itália, situada na Apúlia (em italiano: Puglia), consistindo de um maciço isolado de montanhas com vários picos que formam a espinha dorsal do Promontório de Gargano que se adentra no mar Adriático. O cume mais alto é o do Monte Calvo com 1 065 m de altitude. A maioria da área de terra firme, cerca de 1 200 km² faz parte do Parque Nacional do Gargano, fundado em 1991.[1] Gargano situa-se na província italiana de Foggia.

A península de Gargano é parcialmente coberta pelos restos de uma antiga floresta, Foresta Umbra, a única parte remanescente na Itália da antigo floresta de carvalho e faia que cobriam grande parte da Europa Central, bem como as florestas dos Apeninos.[2] Horácio cita os carvalhos de Garganus na Ode 2.9, bem como sua floresta em uma carta a Augusto (2.1).

Junto ao Monte Gargano encontra-se o Santuário do Monte de São Miguel Arcanjo, dedicado a São Miguel Arcanjo, que é considerado um dos mais célebres da região. Devotos de todo o mundo visitam-no. O santuário fica perto do Convento de Nossa Senhora das Graças, na localidade de San Giovanni Rotondo, onde viveu e morreu o santo estigmatizado Padre Pio de Pietrelcina.

Referências

  1. «Gargano-Turismo». 2011. Consultado em 14 de junho de 2012. Arquivado do original em 13 de março de 2007 
  2. «Florestas da Apúlia». Karalus.free.fr. Consultado em 19 de julho de 2008. Arquivado do original em 13 de março de 2007 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Giuseppe de Leonardis, Monografia generale del promontorio Gargano, Napoli, (1858), Stab. poligrafico Pansini
  • Nicola Serena di Lapigio, Panorami Garganici, Città di Castello, II Solco, (1934), pp. 296
  • APT, Guia ao trekking no Gargano, Paolo Bresci Editor, (2008) [1]
  • Carmine de Leo; "Gargano... scrigno di tesori, arte, storia e folclore", Foggia, (1993)
  • Gargano, Tremiti, Monti Dauni, Touring Club Italiano (2009)
  • Paola Maria Fiocco, Il Gargano: un'inchiesta fra due millenni, Franco Angeli Editore (1999)Il Gargano: un'inchiesta fra due ... - Google Libri
  • Antonio Beltramelli, Il Gargano, Edizioni del Rosone, Foggia, (2006).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Gargano