Monumento aos Açorianos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Monumento aos Açorianos com prédio do Centro Administrativo do Estado do Rio Grande do Sul ao fundo.

O Monumento aos Açorianos é um monumento da cidade de Porto Alegre, em homenagem à chegada, em 1752, dos primeiros sessenta casais açorianos que povoaram a cidade. Foi inaugurado em 26 de março de 1974, aniversário da cidade.[1]

A obra possui 17 m de altura por 24 m de comprimento.

O monumento, em linhas futuristas, está localizado no Largo dos Açorianos (que também abriga a histórica Ponte de Pedra), próximo ao Centro Administrativo do Estado. Construído em 1973, feito em aço, é uma obra do escultor Carlos Tenius e lembra uma caravela, composta de corpos humanos entrelaçados, e tendo à frente uma figura alada que lembra o mitológico Ícaro e representa a Vitória.

No monumento existe o seguinte escrito: "Jamais sonhariam aqueles casais açorianos, que da semente que lançavam ao solo nasceria o esplendor desta cidade."

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Igor Natusch (12 de setembro de 2016). «Restauro do Açorianos será entregue hoje». Jornal do Comércio. Consultado em 30 de novembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre escultura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.