Mosteiro de Hilandar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Хиландар
Χιλανδαρίου
Nascimento Montanha Sagrada, Grécia 
1198
Veneração por Igreja Ortodoxa Sérvia
Igreja Católica
Beatificação
Canonização
Principal templo Monte Atos
Gloriole.svg Portal dos Santos

Hilandar (em sérvio: Манастир Хиландар rom. Manastir Hilandar, pronounciado [xilǎndaːr], em grego Μονή Χιλανδαρίου) ou Hilendar, também Helandar,[1][2] é um monastério ortodoxo sérvio masculino do Monte Atos que existe há mais de mil anos. O mosteiro foi construído por iniciativa de São Sava, que se tornou monge no Monte Atos em 1191. Ele está localizado na parte norte do Monte Atos (em grego Άγιο Όρος), na península da Calcídica ou no terceiro ramo da península - o Monte Atos (em grego Аτоς), no norte da Grécia. O mosteiro fica a 2,5 km do Mar Egeu.[3]

Hilandar ocupa o 4º lugar na hierarquia do Monte Atos em termos de importância. Visto de fora, o mosteiro tem a aparência Medieval e de fortificações, já que é fortificado por uma muralha, que tem se 30 m de altura. As paredes externas têm em média 140 m de comprimento e circundam uma área com cerca de 75 m de largura. O mosteiro foi fortificado desta forma porque no passado, como outros assentamentos monásticos fortificados na Montanha Sagrada, ele teve que se defender de piratas. Historiadores consideram Hilandar como uma das primeiras universidades sérvias, em sua forma predecessora, especificamente a primeira universidade sérvia. O atual abade do mosteiro Hilandar é Metodije Marković.

O mosteiro foi fundado em 1198 quando, a pedido da comunidade monástica do Monte Athos, o imperador bizantino Alexios III Angelos (1195-1203) emitiu um crisobulls lacrado de ouro doando o antigo mosteiro Helandaris "aos sérvios como um presente eterno ...," designando-o assim, “para servir ao propósito de acolher os descendentes de sérvios, que procuram seguir o modo de vida monástico, como os mosteiros pertencentes à Península Ibérica e Amalfi perduram no Monte, isentos de qualquer autoridade, incluindo a autoridade de Protos. "

Hilandar foi assim entregue a São Sava e São Simeão com a missão de estabelecer e dotar um novo mosteiro, elevado à categoria de imperial. Desde então, o mosteiro tornou-se a pedra angular da vida religiosa, educacional e cultural do povo sérvio.

O Mosteiro Hilandar foi construído por um monge grego do Monte Atos, o Georgije Hilandario. Foi restaurado por Stefan Nemanja (no mosteiro de Simeão) em 1198 e por seu filho Sava em 1199. Stefan Nemanja faleceu em que o rei Stefan Uroš I estabeleceu significativamente o mosteiro em 1262. Hilandar foi especialmente ajudado pelo rei Milutin, que estava por volta de 1320. no lugar da antiga ele construiu uma nova catedral Mãe de Deus. No tempo do rei e imperador sérvio Dušan, a Montanha Sagrada ficou sob seu domínio, foi o período de maior prosperidade do mosteiro.Durante os séculos de ocupação Otomana, Hilandar foi assistido por imperadores Russo e príncipes da Moldávia no séc. XVI, e por patriarcas sérvios de Peć a partir do séc. XVII. No início do séc. XIX. o primeiro estado sérvio moderno foi restaurado, então a rica tradição Hilandar-Sérvia ressurgiu.

Na história recente, o mosteiro sofreu significativamente em 2004 por um incêndio catastrófico, seguido pela restauração dos edifícios danificados.

Hilandar é um dos mais importantes centros da cultura sérvia e cristandade. Durante séculos, relativamente protegido de ataques e saques, na segurança do Santo Monte Atos e de sua autonomia, ele foi poupado do destino que se abateu sobre quase todos os outros mosteiros sérvios. A coleção mais rica de manuscritos, ícone e afrescos foi preservada em Hilandar, de modo que hoje representa o tesouro mais importante da Idade Média da Sérvia em geral. Em 1988 om osteiro junto com os outros 19 mosteiros no Monte Atos foram listados no Patrimônio Mundial da UNESCO como parte dos monumentos da Idade Média unidos sob a totalidade protegida do Monte Atos. [4]

A fim de estabelecer supervisão médica permanente da família do mosteiro, bem como dos devotos, no final de 2015, a Sociedade Médica de Hilandar foi fundada.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. |Према градитељу Георгију Хиландарију, који се помиње и као Хеландариос. Такође је основа „Хел” према Хеландарион,
  2. те Хеландарис, Хелантири и Хелани, као и хеландарис.
  3. Ковачевић, Мирко (септембар 2008). Света српска царска лавра Хиландар на Светој гори Атонској. Београд: Задужбина Светог манастира Хиландара. ISBN 978-86-7768-031-2  Verifique data em: |data= (ajuda)
  4. «Mount Athos». UNESCO. Consultado em 31. 5. 2017  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Mosteiro de Hilandar