Mount Wittenberg Orca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mount Wittenberg Orca
EP de Björk e Dirty Projectors
Lançamento 30 de junho de 2010
Gravação 28 de abril a 1 de maio de 2010
Estúdio(s) Rare Book Room, Brooklyn, Nova York
Gênero(s) Alternativa
Avant-garde
Pop
Duração 21:19
Gravadora(s) LAB 344 (Brasil)
Produção David Longstreth
Cronologia de Björk e Dirty Projectors
Voltaïc
(2009)
Biophilia
(2011)

Mount Wittenberg Orca é um EP da cantora islandesa Björk em parceria com o grupo nova-iorquino Dirty Projectors. O lançamento, inicialmente apenas em edição digital, ocorreu em 30 de junho de 2010. O álbum teve o apoio da National Geographic Society e a verba será revertida para estudos sobre o ecossistema marinho.[1]

A inspiração para este álbum surgiu de um passeio pela montanha Wittenberg, São Francisco, Califórnia, feito pelo integrante do Dirty Projectors, Amber Coffman, lá ele pôde ver na costa um grupo de baleias nadando. Segundo o produtor David Longstreth, "[os ensaios] duraram três dias e as gravações foram realizadas pouco tempo depois".[2]

Em 2012 o álbum recebeu uma edição física em CD. No Brasil o lançamento foi pela pelo selo indie LAB 344.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Ocean" - 2:09
  2. "On and Ever Onward" - 2:01
  3. "When the World Comes to an End" - 3:08
  4. "Beautiful Mother" - 2:16
  5. "Sharing Orb" - 2:48
  6. "No Embrace" - 4:14
  7. "All We Are" - 4:44

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Björk é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.