Movimento Paquistanês pela Justiça

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Movimento Paquistanês pela Justiça
Pakistan Tehreek-e-Insaf
پاکستان تحريک انصاف‬
Pakistan Movement for Justice
Líder Imran Khan
Fundador Imran Khan
Fundação 1996
Sede Islamabad, Paquistão
Ideologia Nacionalismo paquistanês
Populismo
Centrismo
Estatismo
Igualitarismo
Espectro político Centro
Membros 10.000.000 (2013)
Cores Vermelho e Verde

O Movimento Paquistanês pela Justiça, mais popularmente conhecido pelo seu nome original urdu de Pakistan Tehreek-e-Insaf (PTI) (em inglês: Pakistan Movement for Justice), é um partido político do Paquistão[1].

Fundado em 1996 pelo popular ex-jogador de críquete, Imran Khan, o PTI até às eleições de 2013 era um partido irrelevante e sem grande protagonismo no cenário político. Nas eleições de 2013, o partido eclodiu na política paquistanesa, ao ser o segundo partido mais votado[2] e, nas eleições de 2018, o PTI conseguiu vencer as eleições e formar governo[3][4].

O PTI afirma-se como o partido com mais membros no Paquistão com cerca de 10 milhões de membros[5], e defende uma sociedade islâmica democrática e igualitária. O partido também se destaca pela sua defesa da existência de um verdadeiro Estado Social[6], bem como a ser um firme opositor à Guerra ao Terror seguida pelos Estados Unidos e defendendo uma aproximação à Rússia e China[7][8].

Resultados eleitorais[editar | editar código-fonte]

Data CI. Votos % +/- Deputados +/- Status
1997 8.º 314 820
1,7 / 100,0
0 / 207
Extra-parlamentar
2002 11.º 160 686
0,6 / 100,0
Baixa1,1
1 / 342
Aumento1 Oposição
2008 Boicote
2013 2.º 7 679 954
16,9 / 100,0
35 / 342
Oposição
2018 1.º 16 884 266
31,9 / 100,0
Aumento15,0
149 / 342
Aumento114 Governo

Referências

  1. «The Pathan Suits». https://www.outlookindia.com/ 
  2. «Imran's tsunami: Khyber-Pakhtunkhwa lives up to tradition | The Express Tribune». The Express Tribune (em inglês). 13 de maio de 2013 
  3. Report, Asma Ali Zain/ Web. «ECP officially declares Imran Khan's PTI as winner». www.khaleejtimes.com. Consultado em 17 de agosto de 2018. 
  4. «PTI formally nominates Imran Khan as prime minister candidate». www.geo.tv (em inglês). Consultado em 17 de agosto de 2018. 
  5. «PTI chief will have a two-term limit, says Imran Khan | The Express Tribune». The Express Tribune (em inglês). 20 de março de 2013 
  6. «'Pakistan's creation pointless if it fails to become Islamic welfare state' | The Express Tribune». The Express Tribune (em inglês). 27 de junho de 2012 
  7. «Stop violating Pakistan's sovereignty, US ambassador told.». Pakistan Defence (em inglês) 
  8. «Protesting Pakistanis block NATO supply route». www.aljazeera.com. Consultado em 17 de agosto de 2018.