Museu Nórdico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

59° 19′ N 18° 05′ E

Museu Nórdico
Nordiska museet
O Museu Nórdico em Estocolmo
Tipo Museu de história cultural popular
Inauguração 1872
Visitantes 220 665 (2013)[1]
Website http://www.nordiskamuseet.se/
Geografia
País  Suécia
Cidade Estocolmo
Localidade Djurgården, Estocolmo, Suécia
O edifício do Nordiska museet visto de Skansen

O Museu Nórdico (em sueco: Nordiska museet), está situado na ilha de Djurgården em Estocolmo, capital da Suécia, e é um museu dedicado à história do povo sueco e à sua cultura desde finais da Idade Média (1520) até à época contemporânea.[2][3][4]

Foi fundado no início do século XIX por Artur Hazelius, que fundou também o museu ao ar livre de Skansen. Estes dois museus formavam inicialmente parte do mesmo projecto e autonomizaram-se em 1963. Os objectos apresentados em Skansen são ainda hoje propriedade do Museu Nórdico.

Propunha-se representar a cultura de toda a Escandinávia, mas Hazelius teve de se limitar unicamente à Suécia. As exposições apresentam vários aspectos da vida na Suécia segundo os tempos, e para os diversos estratos sociais. Tem como temas a tratar os do artesanato, as tradições culturais, a gastronomia, o habitat humano, os brinquedos, os trajos, etc.

O edifício que albergava o museu foi concebido por Isak Gustaf Clason e construído entre 1888 e 1907. Os planos iniciais eram muito mais ambiciosos e previam um edifício quatro vezes maior. Inspira-se na arquitectura do Renascimento dinamarquês, do qual o castelo de Frederiksborg é a obra culminante.

O horário do Museu Nórdico para visitas: segunda a sexta das 10:00 às 16:00, sábados e domingos das 11:00 às 17:00. A visita é gratuita até aos 18 anos e para os adultos o valor é de 60 coroas suecas (em 2008).

Referências

  1. http://www.sverigesmuseer.se/wp/wp-content/uploads/2014/01/Rikspressmeddelande-2014-01-07_uppd_20140224.pdf
  2. Miranda, Ulrika Junker; Anne Hallberg (2007). «Nordiska museet». Bonniers uppslagsbok (em sueco) (Estocolmo: Albert Bonniers Förlag). p. 693. ISBN 91-0-011462-6. 
  3. Ottosson, Mats; Åsa Ottosson (2008). «Nordiska museet». Upplev Sverige. En guide till upplevelser i hela landet (em sueco) (Estocolmo: Wahlström Widstrand). p. 321. ISBN 9789146215998. 
  4. Thaning, Olof (1983). «Nordiska museet». Sverigeboken (em sueco) (Estocolmo: Det Bästa). p. 226. ISBN 91-7030-101-8. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]