Museu Romano de Nyon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Colecção de anforas do museu

O Museu Romano de Nyon está instalado desde 1979 no sobre solo das fundações da basílica (ver "Imagens") do "forum" de Novioduno. A história da actual cidade Nyon começou em 45 A.C., e o centro da cidade actual recobre os vestígios de Novioduno, uma das cidades romanas mais importantes da Suíça e que foi o centro da Colônia Júlia Equestre (a antiga localidade gaulesa, Novioduno) fundada no tempo de Júlio César.

Actualmente encontram-se ao ar livre, a anfiteatro e as colunas que foram postas numa esplanada em frente ao Lago Lemano em 1958, data em que a cidade celebrou o seu bicentenário.

São feitas regularmente pesquisas arqueológicas principalmente nas escavação para a construção de novos edifícios, como foi o caso da descoberta do anfiteatro aquando da construção de um parque de estacionamento subterrâneo.

Desde 2004 que se realiza em Março o em francês: Festival international du film d'archéologie de Nyon em colaboração com o Escritório Federal da Cultura

O Museu Romano de Nyon está inscrito como Inventário Suíço dos bens culturais de importância nacional e regional [1]

Referências

Imagens externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Museu Romano de Nyon

Ver também[editar | editar código-fonte]