Museu Vicente Pallotti

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Museu Vicente Pallotti
Tipo Paleontologia
Inauguração 1959
Website www.pallotti.com.br
Geografia
Localidade Av. Presidente Vargas, 115 - Patronato.
Santa Maria,Rio Grande do Sul.
 Brasil

O Museu Vicente Pallotti é um museu no Bairro Patronato, em Santa Maria, Rio Grande do Sul, no mesmo complexo da Faculdade Palotina (FAPAS).

História[editar | editar código-fonte]

No ano de 1935, no distrito de Vale Vêneto em São João do Polêsine, Padre José Pivetta e Padre Valentim Zamberlan, peritos em taxidermia iniciaram o Museu empalhando um quati, que ainda faz parte do acervo do mesmo.

Em 1959, por falta de espaço em Vale Vêneto, houve a transferência para o Colégio Máximo Palotino, em Santa Maria.

Por outro lado, em 1964, o Padre Daniel Cargnin, dava início a um museu neste estabelecimento de ensino, coletando objetos variados e fósseis do estado do Rio Grande do Sul.

No dia 7 de janeiro de 1965, o museu recebia o primeiro fóssil, escavado no famoso Cerro da Alemoa, próximo à cidade de Santa Maria. A partir desta data, o seu crescimento se tornou célebre, graças, especialmente, aos esforços de Daniel Cargnin e Abraão Cargnin.

Do ano 1972 até 1994, o museu recebeu varias doações dos padres palotinos e da comunidade em geral e coletas de sítios: arqueológico e paleontológico. No decorrer destes anos, o Museu Vicente Pallotti transformou-se em um grande depósito de objetos, e por este motivo, todo o acervo encontrava-se em precária conservação.

Então, no ano de 1994, com o intuito de resolver o problema estrutural do museu foi dada a sua primeira fase de organização que se estendeu até o ano de 1998, com muito esforço e varias tentativas, obtiveram-se assim algumas melhorias.

No ano de 1998, iniciou-se a segunda fase da organização.

Salas[editar | editar código-fonte]

O museu possui muitas salas, com grande destaque para a área de paleontologia.

  1. Geologia
  2. Ciências Naturais I- mastozoologia
  3. Ciências Naturais II- osteologia
  4. Ciências Naturais III- ornitologia
  5. Ciências Naturais IV- peixes e répteis
  6. Paleontologia-vertebrados e plantas fósseis
  7. História- coleção de armas
  8. Arqueologia- cultura guarani
  9. Artes Visuais- imagens sacras
Portal A Wikipédia possui o

Portal Santa Maria
da Boca do Monte


Leitor, participe do projeto

"Vamos todos wikificar Santa Maria."

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Busca no OpenStreetMap

OpenStreetMapLogo.png Localização do museu