Níquel Náusea

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para a revista, veja Níquel Náusea (revista).

Níquel Náusea é uma tira de banda desenhada, criada pelo cartunista brasileiro Fernando Gonsales em 1985. Os personagens possuem um humor ácido, diversas vezes aproximando-se do humor negro e do nonsense. Seus nomes são paródias de objetos ou situações.

Lançada no jornal Folha de S.Paulo, foi publicada também na revista Níquel Náusea, editada por Gonsales, e em coletâneas publicadas pelas editoras Bookmaker e Devir[1].

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Niquel Náusea: Um rato que mora no esgoto, e seu melhor amigo é uma barata (Fliti) viciada em inseticida. É uma sátira do personagem Mickey Mouse, porém ele alega não ser um camundongo.
  • A barata Fliti: É na verdade um "barato", e tem este nome por causa do inseticida Flit, aplicado com um pulverizador manual (que o entorpece).
  • Rato Ruter[2]: Mais parece um gato gordo, de tão grande que é. Vive perseguindo o Níquel Náusea, e tem este nome por causa de uma empresa - a Roto-Rooter - especializada em desentupir canos. O nome Rato Ruter faz uma referência direta a tradicional desentupidora Roto-Rooter.
  • A rata Gatinha: O Níquel Náusea a considera uma verdadeira "gata". Vindo de um rato, não sabemos se deve ser considerado um elogio, mas… Ela possui uma incrível capacidade de gerar filhotes, que são educados com todo o carinho que o método "tapão na oreia" permite.
  • Sábio do Buraco: O mais velho dos ratos. Tem momentos de sabedoria, e momentos de esclerose. O difícil é saber qual é qual…

Referências

  1. Fernando Gonsales. Guia dos Quadrinhos
  2. Novo volume de Níquel Náusea, da Devir Universo HQ, acessado em 3 de setembro de 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.