Núcleo de Sociabilidade Libertária do Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Núcleo de Sociabilidade Libertária
Tipo Núcleo de Pesquisa libertária
Fundação 1997[1]
Sede São Paulo, Brasil
Membros Edson Passetti et al.
Línguas oficiais lusófona
Sítio oficial http://www.nu-sol.org

O Nu-Sol (Núcleo de Sociabilidade Libertária do Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) é um núcleo de pesquisa autogestionado que tem como foco temáticas diversas relacionadas ao anarquismo, entre estas o antiautoritarismo e o abolicionismo penal. Existe desde 1997.[1] Entre suas produções escritas está a revista semestral Verve,[2] o boletim mensal Hypomnemata[3] e o periódico semanal Flecheira libertária.[4] Produziu também dois programas para a TV Universitária - Ágora, e Os Insurgentes - e organiza com frequência saraus, aulas-teatros e outras atividades de promoção e estudo do anarquismo.

Produção[editar | editar código-fonte]

É um Núcleo autogestionário que produz uma revista semestral (Verve[2]); site; boletim informativo eletrônico mensal (Hypomnemata[3]); publicação semanal comentando acontecimentos no planeta (Flecheira libertária[4]); livros, coleções de textos anarquistas; vídeos; exposições; traduções; festas; saraus; programas anarquistas (Ágora, e Os Insurgentes,[5]) para a televisão universitária; aulas-teatro semestrais; televisão;[6] inventando anarquias e muita pesquisa.

As reuniões de trabalho do Nu-Sol são semanais. As discussões públicas na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, com cientistas, artistas, ativistas e autodidatas são regulares, sob a forma de mesa-redonda, conversações, relatos de pesquisas e de movimentos sociais, lançamentos de livros, saraus e debates sobre temas da atualidade.

A Revista Verve é publicada regularmente desde 2002, com edições semestrais. Os lançamentos das Revistas são realizados na PUC-SP, com divulgação regular em diversos meios[carece de fontes?].

Publicações eletrônicas[editar | editar código-fonte]

  • Hypomnemata, boletim eletrônico mensal, desde 1999.
  • Flecheira libertária, semanal, desde 2007.

Séries para TV[editar | editar código-fonte]

  • Ágora, agora, apresentação da série ao vivo de setembro a outubro de 2007; reapresentação de janeiro a março de 2008 e de fevereiro a abril de 2009.
  • Ágora, agora 2, apresentação da série de setembro a dezembro de 2008; reapresentação de abril a julho de 2009 e de julho a outubro de 2009.
  • Ágora, agora 3.
  • Os insurgentes, apresentação de abril a junho de 2008; reapresentação de junho a agosto de 2008, de dezembro de 2008 a fevereiro de 2009.

Canal universitário/TVPUC e transmissão simultânea no site.

DVDs[editar | editar código-fonte]

  • Ágora, agora, edição de 8 programas da série PUC ao vivo.
  • Os insurgentes, edição de 9 programas.
  • Ágora, agora 2, série de 12 antiprogramas para TV-PUC/CNU.
  • Ágora, agora 3.

Vídeos[editar | editar código-fonte]

  • Libertárias, 1999.
  • Foucault-Ficô, 2000.
  • Um incômodo, 2003.
  • Foucault, último, 2004.
  • Manu-Lorca, 2005.
  • A guerra devorou a revolução. A guerra civil espanhola, 2006.
  • Cage, poesia, anarquistas, 2006.
  • Bigode, 2008.
  • Video-Fogo, 2009.

CD-ROM[editar | editar código-fonte]

  • Um incômodo, 2003 (artigos e intervenções artísticas do Simpósio Um incômodo).

Livros[editar | editar código-fonte]

  • Edson Passetti e Acácio Augusto. Anarquismos e educação. São Paulo, Autêntica, 2008.
  • Edson Passetti. Anarquismo urgente. Rio de Janeiro, Achiamé, 2008.
  • Edson Passetti e Salete Oliveira (orgs.). Terrorismos. São Paulo, Cortez, 2006.[7]
  • Edson Passetti e Salete Oliveira (orgs.). A tolerância e o intempestivo. São Paulo, Ateliê Editorial, 2005.
  • Edson Passetti (org.). Curso livre de abolicionismo penal. Rio de Janeiro, Editora Revan/Nu-Sol, 2004.
  • Edson Passetti (org.). Kafka-Foucault, sem medos. São Paulo, Ateliê Editorial, 2004.
  • Beatriz Scigliano Carneiro. Relâmpagos com claror: Lígia Clark e Helio Oiticica, vida como arte. São Paulo, Ed. imaginário/FAPESP, 2004.
  • Thiago Rodrigues, Política e drogas nas Américas. São Paulo, Educ/FAPESP, 2004.
  • Thiago Rodrigues, Narcotráfico, uma guerra na guerra. São Paulo, Desatino, 2003.
  • Mikhail Bakunin. Estatismo e anarquia. São Paulo, Ed. Imaginário/Ícone Editora/Nu-Sol, 2003.
  • Pierre-Joseph Proudhon. Do Princípio Federativo. São Paulo, Ed. Imaginário/Nu-sol, 2001.
  • Coleção Escritos Anarquistas, 1999-2004

Pesquisa[editar | editar código-fonte]

O Nu-Sol investe na formação de pesquisadores libertários que vai da Iniciação científica ao Pós-Doutorado.[8] Realiza cursos curriculares na graduação - o de anarquismo existe como matéria, em Ciências Sociais, desde 1988 -, na pós-graduação, e em cursos livres (desenvolvidos por pesquisadores do Núcleo e convidados externos) abertos a interessados sem pré-requisitos universitários e certificações.

Produz e pratica anarquismo como memória e atualidade, procedendo daí seu interesse no abolicionismo penal como estratégia de resposta às urgências locais, afirmando a possibilidade do fim da prisão para jovens no Brasil.

Referências

  1. a b «Grupo de pesquisa: NU-SOL Núcleo de Sociabilidade Libertária/PUC-SP». dgp.cnpq.br. Consultado em 28 de fevereiro de 2010 
  2. a b «verve - Revista do NU-SOL - 4/2003». www.espacoacademico.com.br. Consultado em 28 de fevereiro de 2010. Arquivado do original em 30 de dezembro de 2010 
  3. a b «hypomnemata 21». www.espacoacademico.com.br. Consultado em 28 de fevereiro de 2010. Arquivado do original em 30 de dezembro de 2010 
  4. a b «CMI Brasil - flechadas na couraça da ordem». www.brasil.indymedia.org. Consultado em 28 de fevereiro de 2010 [ligação inativa]
  5. Disponíveis também em formato DVD
  6. «TV-nu-sol - Núcleo de Sociabilidade Libertária». www.nu-sol.org. Consultado em 28 de fevereiro de 2010. Arquivado do original em 29 de agosto de 2009 
  7. «PUC-SP-DISCUTE-TERRORISMO». www.universia.com.br. Consultado em 28 de fevereiro de 2010 [ligação inativa]
  8. «Núcleo de Sociabilidade Libertária». www.nu-sol.org. Consultado em 28 de fevereiro de 2010. Arquivado do original em 14 de fevereiro de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]