Natalia Borges Polesso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Natalia Borges Polesso
Feira Internacional do Livro de Santiago de 2017
Nascimento 6 de agosto de 1981 (38 anos)
Bento Gonçalves
Nacionalidade brasileira
Ocupação escritora e tradutora
Principais trabalhos Recortes para álbum de fotografia sem gente
Prémios Prémio Açorianos (2013)
Prémio Jabuti (2016)

Natalia Borges Polesso (Bento Gonçalves, 6 de agosto de 1981) é uma escritora e tradutora brasileira.[1][2]

Concluiu o mestrado em letras pela Universidade de Caxias do Sul com uma dissertação sobre a obra de Tânia Faillace. Seu primeiro livro, Recortes para álbum de fotografia sem gente, venceu o Prêmio Açorianos de 2013 na categoria contos.[3] Ganhou o Prêmio Jabuti de 2016 com o livro de contos Amora.[4]

Obras[editar | editar código-fonte]

  • 2013 - Recortes para álbum de fotografia sem gente - contos (Modelo de Nuvem)
  • 2015 - Coração à corda - poesia (Patuá)
  • 2016 - Amora - contos (Não Editora)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.