Natureza morta: viva a vida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Natureza morta: viva a vida
Autor Frida Kahlo
Data 1954
Gênero natureza-morta
Dimensões 52 centímetros x 72 centímetros
Localização Museu Frida Kahlo

Natureza morta: viva a vida é uma pintura de Frida Kahlo. A data de criação é 1954. A obra é do gênero natureza-morta com estilo primitivista.[1] Está localizada no Museu Frida Kahlo. Suas medidas são: 52 centímetros de altura e 72 centímetros de largura.[2][3]

Esta obra é normalmente entendida como a última realizada por Kahlo. Oito dias antes de sua morte, nela escreveu: "Coyoacán 1954 - México - Frida Kahlo".[4][2] Também com a inscrição ela escreveu a legenda do quadro: "VIVA A VIDA".[4] Há questionamentos sobre a data de realização do quadro, no entanto; pode ter sido realizado em 1952, apenas com a inscrição ocorrendo em 1954.[5]

Descrição e análise[editar | editar código-fonte]

A pintura representa um conjunto de melancias em uma superfície escura e sob um fundo azulado. Algumas frutas estão completas; outras, cortadas. Faz parte de um conjunto de naturezas-mortas realizadas por Kahlo, a primeira delas em 1924.[4]

No quadro, percebem-se os sintomas das doenças que afligiram Kahlo, num estilo simbólico que é característico da pintora: as frutas são cada vez menos bem definidas, com rasgos.[4]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Chris Martin, o vocalista da banda inglesa Coldplay, em sua segunda visita ao México, em março de 2007, e, ao conhecer o quadro, decidiu que o nome de seu álbum seguinte seria justamente "Viva a vida". A homenagem refere-se, segundo Martin, à força de Kahlo: "Ela passou por muitas coisas e, apesar disso, pintou um quadro em sua casa chamado 'Viva a vida'. Adorei a coragem disso."[6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Viva la Vida, Watermelons, 1954 - Frida Kahlo». www.wikiart.org. Consultado em 11 de março de 2018 
  2. a b «Museo Frida Kahlo». www.museofridakahlo.org.mx. Consultado em 11 de março de 2018. Arquivado do original em 7 de março de 2018 
  3. «Frida Kahlo: ¡Viva la vida!  - Google Arts & Culture». Google Cultural Institute 
  4. a b c d Puerto, Cecilia (1996). Latin American Women Artists, Kahlo and Look who Else: A Selective, Annotated Bibliography (em inglês). [S.l.]: Greenwood Publishing Group. ISBN 9780313289347 
  5. «Viva la Vida Watermelons, Viva la Vida Sandias, Frida Kahlo, C0680». www.fridakahlofans.com. Consultado em 11 de março de 2018 
  6. «Coldplay, Frida Kahlo y Viva la Vida… | ElCatalista». elcatalista.org (em inglês). Consultado em 11 de março de 2018