Naves Imperiais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Naves Imperiais"
Canção de Oficina G3
do álbum Ao Vivo
Lançamento 1990
Formato(s) LP, CD
Gênero(s) Hard rock
Rock cristão
Duração 7:22
Gravadora(s) Gospel Records
Composição Túlio Régis[1]
Faixas de Ao Vivo
"Farol"
(2)

"Naves Imperiais" é uma canção gravada pela banda cristã de rock brasileira Oficina G3, registrada no álbum Ao Vivo, lançado em 1990. Foi escrita por Túlio Régis, na época um dos vocalistas da banda.[2][1]

Segundo Túlio, a canção foi escrita sobre influência de seu gosto por ficção científica, e após uma diminuição de membros em sua igreja, prometeu que faria uma música para reverter o quadro. Quando Régis assistiu Star Wars, durante uma cena de guerra, sentiu inspiração para escrever a canção, que se tornou um sucesso e influenciou muitos jovens cristãos no Brasil na década de 90.[3] Em 1991, Naves Imperiais ainda chegou a ser gravada pela cantora Mara Maravilha no álbum Curumim, versão esta que não chegou a obter notoriedade na mídia da época.[4]

"Naves Imperiais" foi regravada várias vezes pelo Oficina G3: No disco Nada é Tão Novo, Nada é Tão Velho, com interpretação única de Luciano Manga, nos discos Acústico e Acústico ao Vivo, na voz de PG. Ainda recebeu a interpretação de Mauro Henrique na YourTourG3, sido gravada pelo próprio Túlio Régis em carreira solo no álbum Para Ti.


Créditos[editar | editar código-fonte]

Créditos adaptados de Ao Vivo:[2]

Músicos convidados

Referências

  1. a b «Túlio Régis, um dos fundadores do Oficina G3, lança CD em SP». Super Gospel. Consultado em 8 de agosto de 2012. 
  2. a b (1990) Créditos do álbum Ao Vivo por Oficina G3. Gospel Records.
  3. «Túlio Régis». Folha evangélica. Consultado em 8 de agosto de 2012. 
  4. «Discografia Mara Maravilha». Site oficial da cantora Mara Maravilha. Consultado em 18 de março de 2013. 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma canção é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.