Nestor Perini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nome completo Nestor Perini
Nascimento 16 de novembro de 1952
Feliz
Morte 02/08/2013
Nova York
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Ocupação Empresário
Prêmios Medalha do Conhecimento

Nestor Perini (Feliz, 16 de novembro de 1952Nova York, 2 de agosto de 2013) foi um empresário brasileiro.

Formado em administração de empresas pela EAESP da Fundação Getúlio Vargas em 1976.[1]

Fundou sua primeira empresa em 1980, a Microinox Microfusão de Aços, com seu amigo Gercino Schmitt, uma pequena fundição de precisão, onde Perini cuidava do gerenciamento e Gercino da parte técnica.[2]

Quatro anos depois fundou a Valmicro e seguiu, sob a holding Lupatech, abrindo e comprando empresas, entre elas a Steelinject, Metalúrgica Nova Americana, Carbonox, Metarlúrgica Ipê, Itasa e Mipel, entre outras. [1] Inicialmente atendia às indústrias de alimentos, armamentos, química e automobilística.[2] Porém com o tempo a holding se especializou em válvulas industriais e equipamentos para o setor de petróleo e gás, chegando a valer 1,2 bilhão de reais na Bovespa, em 2010 , com sócios como o fundo de pensão dos funcionários da Petrobras e a BNDESpar.[3] A empresa investiu massivamente para se preparar para aumentos de pedidos da Petrobras, gastou 400 milhões de reais para adquirir 15 empresas de 2006 a 2011.[4] Porém os pedidos não se concretizaram devido à uma mudança de estratégia da administração da Petrobras, agora sob o comando de Graça Foster, e a empresa, altamente endividada entrou em crise. Em 2013 Perini já não fazia parte da administração da Lupatech, sendo somente acionista minoritário.[5]

O empresário, com a família, também investiu no ramo de alimentos, mas sem sucesso: dois frigoríficos da família em Cuiabá faliram no começo da década de 2000. [3]

Foi vice-presidente da FIERGS/CIERGS nas gestões 1993/1996, 1996/1999 e 1999/2002 e presidente da Comissão da Festa da Uva de Caxias do Sul em 1994 e 1996.[1] Foi professor do curso de Administração de Empresas na Universidade de Caxias do Sul por vários anos.[1]

Em 1994 foi agraciado com o mérito Administrador do Ano, concedido pela AANERGS (Associação dos Administradores da Região Nordeste do Rio Grande do Sul).

Em 2006 recebeu a Medalha do Conhecimento do Governo Federal.[6]

Em agosto de 2012 adquiriu e reativou, junto com Sérgio Noschang, a Indústria Farmacêutica Basa, fabricante de soros em Caxias do Sul, antes pertencente Universidade Luterana do Brasil e leiloada por pendências judiciais.[5]

Em agosto de 2013, faleceu no hotel que estava hospedado em Nova York, vítima de um ataque cardíaco. Perini estava em Nova York na tentativa de captar recursos para a empresa que havia adquirido um ano antes.[7]

Referências

  1. a b c d «Currículo de Nestor Perini» (PDF). Sítio da Medalha do Desenvolvimento - Governo Federal. Consultado em 6 de maio de 2013. Arquivado do original (PDF) em 27 de julho de 2007 
  2. a b «Os 28 dias que mudaram a Lupatech». Estadão. 12 de julho de 2010. Consultado em 6 de maio de 2013 
  3. a b KROEHN, Márcio (26.MAR.10). «Um presidente em apuros». IstoÉ Dinheiro. Consultado em 06.MAI.13. Arquivado do original em 2 de maio de 2013  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  4. LIMA, Samantha (6 de abril de 2011). «Lupatech: no lugar certo, na hora errada». Revista Exame. Consultado em 6 de maio de 2013 
  5. a b «Plano de investimento da Basa inclui nova fábrica». Valor Econômico. 5 de março de 2013. Consultado em 6 de maio de 2013 [ligação inativa]
  6. «Agraciados com a Medalha do Conhecimento». Governo Federal. Consultado em 27 abr 2013. Arquivado do original em 4 de outubro de 2013 
  7. «Fundador da Lupatech, Nestor Perini, morre em NY - Economia». Estadão. Consultado em 26 de abril de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.