Netherrealm

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde setembro de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Netherrealm
Netherealm Deception.png
Mapa de parte de Netherrealm como visto em Mortal Kombat: Deception.
Criação: Início dos tempos.
Regente: Shinnok
Autoridades: Não há autoridades
Religião: Não há religiões especificas
Espécies Nativas: Demônios, Onis e Espectros
Aliados: Outworld
Inimigos: Earthrealm
Edenia

Netherrealm, ou Reino Inferior (em bom português) é o que chamamos de inferno na série de jogos eletrônicos Mortal Kombat.

História[editar | editar código-fonte]

Netherrealm é, literalmente, o inferno. Pessoas que, no passado vivas, cometeram erros ou pecados, ao morrerem, são banidas para Netherrealm, para serem eternamente torturadas, como um preço pela maldade que haviam cometido, como é o caso de Noob Saibot. Este, quando vivo, era o primeiro Sub-Zero, que como havia matado Scorpion, e além dele, matava outros sem piedade, foi mandado à Netherrealm, se tornado Noob Saibot. Drahmin, que no passado era um guerreiro de Outworld, foi banido e torturado, até virar o que é hoje. Todos os seres de Netherrealm são malignos, menos Ashrah, que é uma demônia, mas se regenerou, matando demônios para obter a pureza divina.

Formas de ir à Netherrealm[editar | editar código-fonte]

Netherrealm possui somente três meios de chegar lá:

  • Morrendo (desde que a pessoa tenha cometido algum pecado ou erro);
  • Banimento (Shinnok foi banido à Netherrealm, porém, não morreu para chegar lá);
  • Portais (Em Mortal Kombat: Shaolin Monks, Liu Kang e Kung Lao vão à Netherrealm, por meio de portais, sendo que estão vivos)

Residentes[editar | editar código-fonte]

Não nascidos[editar | editar código-fonte]

Nascidos[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.