Neto Fagundes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Neto Fagundes
Informação geral
Nome completo Euclides Fagundes Neto
Nascimento 15 de agosto de 1963 (59 anos)
Origem Alegrete, RS
País  Brasil
Gênero(s) Música nativista
Ocupação(ões) Cantor, compositor, apresentador, radialista
Progenitores Pai: Bagre Fagundes

Neto Fagundes, nome artístico de Euclides Fagundes Neto (Alegrete, 15 de agosto de 1963), é um cantor, compositor, apresentador de televisão e radialista. Neto é um dos mais conhecidos intérpretes de música regional gaúcha.

Apresenta o Galpão Crioulo, da RBS TV, programa que dividiu com seu tio Nico Fagundesde 2004 até o falecimento deste, em 2015. Desde 2008 participa como "estrela móvel" do programa Pretinho Básico, da Rádio Atlântida, pertencente ao grupo RBS, onde conta piadas do "Nego Veio".

Biografia[editar | editar código-fonte]

Neto Fagundes é membro da família Fagundes, conhecida pela contribuição à música regional gaúcha. É o primeiro filho do casal Bagre Fagundes, compositor e folclorista gaúcho, autor do clássico gaúcho "Canto Alegretense", e Marlene Vilaverde Fagundes.

Em 1978, então com 15 anos de idade e após de viver um ano em Santa Maria, mudou-se para Porto Alegre, onde começou a cursar Direito na Faculdade Ritter dos Reis, ao mesmo tempo em que apresentava-se em bares nativistas. Em 1981 participou da Califórnia da Canção Nativa, com a música "Escravo de Saladeiro." Abandonou os estudos em 1982 e passou a se dedicar exclusivamente à música.

Em 1991 lançou seu primeiro disco, "Gauchesco e Brasileiro". Em julho de 1996 participou do festival Sul a Sul, que levou artistas gaúchos à cidade francesa de Sanary-sur-Mer. No mesmo ano, apresentou-se com o irmão Ernesto, o pai Bagre Fagundes, o tio Nico Fagundes e a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA) em um show no Natal Luz de Gramado, para um público de mais de 50 mil pessoas.

No início de 1997, apresentou-se no Teatro Alvear, em Buenos Aires. No ano seguinte, retornou à França, apresentando-se no Carrossel do Museu do Louvre, na capital francesa. Por essa época, passou a apresentar o programa "Encontro", no Canal Rural, transmitido para todo o Brasil, e do programa "Regional Brasileiro", na Pop Rock FM de Porto Alegre.

Em 2002, lançou o primeiro CD junto com o grupo Os Fagundes (Nico, Bagre e Ernesto), com o segundo CD lançado em 2004.

Com o adoecimento de seu tio Nico, Neto Fagundes passou a apresentar com este o programa Galpão Crioulo, na RBS TV, a partir de 2004 até 2015, quando Nico faleceu.

Em 2008, lançou um CD com a banda Estado das Coisas, o qual faz parte do projeto Rock de Galpão.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Gravadora
1988 Gauchesco e Brasileiro Nova Trilha
1991 Som do Sul RGE
1993 Neto Fagundes RGE
1997 Regional Brasileiro
1999 Metendo o Chamamé USA Discos
2001 Festa em Porto Alegre USA Discos
2012 O Pago em Cada Canção Gravadora independente
2017 Galpão Sagrado Gravadora independente

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Gravadora Observação
2008 Rock de Galpão Vertical Com a banda Estado das Coisas

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio Açorianos[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Indicação Resultado
1991[1] Cantor Neto Fagundes Indicado
1996[2] Espetáculo Neto Fagundes Indicado
1999[3] Intérprete de Música Regional Neto Fagundes Venceu
Disco de Música Regional Metendo o Chamamé Venceu
2000[4] Espetáculo de Música Regional Acústico Venceu
2004[5] Intérprete de Música Regional Neto Fagundes Venceu
2010[6] DVD do Ano Rock de Galpão (com Estado das Coisas) Indicado
2012[7] Intérprete de Música Regional Neto Fagundes Venceu
Disco de Música Regional[8] O Pago em Cada Canção Indicado

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Prefeitura Municipal de Porto Alegre. «Indicados ao Prêmio Açorianos de Música - 1991». Consultado em 14 de abril de 2018 
  2. Prefeitura Municipal de Porto Alegre. «Indicados ao Prêmio Açorianos de Música - 1996». Consultado em 14 de abril de 2018 
  3. Prefeitura Municipal de Porto Alegre. «Vencedores do Prêmio Açorianos de Música - 1999». Consultado em 16 de abril de 2018 
  4. Prefeitura Municipal de Porto Alegre. «Vencedores do Prêmio Açorianos de Música - 2000». Consultado em 18 de abril de 2018 
  5. Prefeitura Municipal de Porto Alegre. «Vencedores do Prêmio Açorianos de Música - 2004». Consultado em 2 de maio de 2018 
  6. Prefeitura Municipal de Porto Alegre. «Indicados ao Prêmio Açorianos de Música - 2010». Consultado em 3 de maio de 2018 
  7. Prefeitura Municipal de Porto Alegre (26 de junho de 2013). «Açorianos premia os destaques da música popular gaúcha». Consultado em 7 de maio de 2018 
  8. Zero Hora (18 de junho de 2013). «Prêmio Açorianos de Música é na próxima terça, dia 25; confira os indicados». Consultado em 7 de maio de 2018