New York World-Telegram

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
New York World-Telegram
Sede Nova Iorque
Fundação 1933
Idioma em inglês
Término de publicação 1966
Einstein aceitando a cidadania americana, em 1940.

New York World-Telegram, mais tarde conhecido como New York World-Telegram and Sun foi um jornal da cidade de Nova Iorque publicado entre 1931 e 1966.

História[editar | editar código-fonte]

A World-Telegram foi criada em 1931, após a venda do New York World pelos herdeiros de Joseph Pulitzer para Scripps Howard, proprietários do Evening Telegram desde 1927. (O Telegram foi originalmente fundada em 1867 por James Gordon Bennett, Jr., editor da manhã New York Herald.[1]) Mais de 2.000 funcionários das edições da noite e manhã, e domingo do Mundial perderam seus empregos na fusão, embora alguns escritores, como Heywood Broun e Westbrook Pegler, foram mantidos no novo jornal.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «The Telegram Sold to Scripps-Howard» (em inglês). The New York Times. Consultado em 08 de março de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre New York World-Telegram & Sun
Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.