Newsies

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Newsies
A Luta dos Ardinas (PT)
Extra! Extra! (BR)
Cartaz de lançamento original
Estados Unidos
1992 •  121 min 
Direção Kenny Ortega
Produção Michael Finnell
Roteiro Bob Tzudiker
Noni White
Elenco
Gênero Filme musical
drama
Música Alan Menken
Companhia(s) produtora(s) Walt Disney Pictures
Distribuição Buena Vista
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Newsies (lançado como The News Boys no Reino Unido e intitulado Extra! Extra! no Brasil e A Luta dos Ardinas em Portugal[1]) é um filme musical de drama americano, produzido pela Walt Disney Pictures e dirigido pelo coreógrafo Kenny Ortega em seu filme de estréia. Ele é vagamente baseado na Newsboys Greve de 1899 em Nova Iorque, e possui doze músicas inéditas de Alan Menken e J. A. C. Redford. Foi estrelado por Christian Bale, David Moscow, Bill Pullman, Robert Duvall e Ann-Margret. Estreou em 10 de abril de 1992 nos Estados Unidos e 20 de agosto do mesmo ano Brasil.

O filme foi um fracasso de bilheteria e recebeu críticas negativas na época de seu lançamento, mas ganhou status cult em home vídeo.[2] Mais tarde, foi adaptado para um show da Broadway de sucesso que ganhou dois Prémios Tony.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Os newsies eram meninos que vendiam os jornais. Eles iam todos os dias bem cedo na sede do jornal e compravam vários exemplares, que depois vendiam pela cidade. Em 1899, em Nova Iorque, eles fizeram uma grave, pois o preço pelo qual compravam os jornais aumentou. A paralisação durou duas semanas e acabou após o acordo de que os veículos comprariam os exemplares que não fossem vendidos. Os jornais que possuíam os preços altos para os newsies eram o New York World e o New York Morning Journal. O dono do World era o famoso Joseph Pulitzer, aqui interpretado por Robert Duvall.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Newsies recebeu críticas de mistas a negativas e foi uma bilheteria bomba, não conseguindo recuperar o seu orçamento de $15 milhões.

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

No Rotten tomatoes, a pontuação média do filme é 40%, com base em 35 avaliações. Newsies desde então, ganhou uma mensurável base de fãs cults.[2] Bale tem reconhecido que, enquanto ele não foi um sucesso comercial, a sua base de fãs é surpreendentemente grande, dizendo, "Você diz algo ruim sobre Newsies e você tem uma quantidade enorme de pessoas para defender."[3]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

O filme arrecadou US $2,819,485 em bilheteria doméstica e está entre as menores bilheterias de filmes produzidos pelos Estúdios Walt Disney. O crítico de cinema e historiador Leonard Maltin batizado ele de Howard the Paperboy.[4][5]

Home media[editar | editar código-fonte]

Em 1992, o filme foi lançado em Walt Disney Home Video, enquanto que uma edição de colecionador DVD foi lançado em 2002. A Walt Disney Studios Home Entertainment lançou o filme em Blu-ray, como uma Edição de 20º Aniversário, em 19 de junho de 2012.

Referências

  1. «A Luta dos Ardinas». Cinema2000.pt. Consultado em 3 de agosto de 2016 
  2. a b Collis, Clark (31 de agosto de 2007). «Spotlight on Christian Bale». EW. Consultado em 11 de junho de 2012 
  3. Random Facts, NewsiesFreak.com
  4. «Toon Talk - Newsies». Laughingplace.com. Consultado em 11 de junho de 2012 
  5. «Newsies». Christian Bale. Consultado em 11 de junho de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]