Nganga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Nganga é um termo Bantu para herbalista (que pesquisa plantas curadoras) ou curandeiro espiritual em muitas sociedades africanas e também em muitas sociedades da diáspora africana, tais como aquelas no Haiti, Brasil e Cuba.

No Haiti, o termo do vudou alto sacerdote, Houngan, é derivado da palavra "nganga".

Em Cuba, o termo nganga refere-se a uma certa criação feita com uma panela de ferro em que vários itens são colocados. Também se refere ao espírito do morto que aí resida

Na África do Sul, o nganga tem um papel medicinal em contraste com o sangoma, quem lida com os espíritos.

Em Swahili, mganga refere-se para um médico qualificado ou médico tradicional.

Na China na época da revolução comunista o governo criou os Médicos de pés descalços incorporando a acupuntura e outros saberes tradicionais a praticantes de medicina e saúde pública equivalente aos agentes de saúde da família o que no Brasil, nessa perspectiva, será a reconstrução de uma medicina de matriz africana análogas às religiões de origem africanas ou sobrevivências culturais.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Dois curandeiros Lassa/ Togo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]