Saltar para o conteúdo

Nick Nurse

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Nick Nurse
Informações pessoais
Nome completo Nicholas David Nurse
Data de nasc. 24 de julho de 1967 (56 anos)
Local de nasc. Carroll, Iowa,  Estados Unidos
Informações profissionais
Período como treinador 1989–presente
Times que treinou
Anos Clubes Jogos (V - D)
1989–1990
1990–1991
1991–1993
1993–1995
1995–1997
1998
1998–2000
2000–2001
2001
2001–2006
2005
2007–2011
2011–2013
2013–2018
2018–2023
2019–2023
2023–Presente
Northern Iowa (Assistente)
Derby Rams (Jogador)
Grand View
Dakota do Sul (Assistente)
Birmingham Bullets
Telindus Oostende
Manchester Giants
London Towers
Oklahoma Storm (Assistente)
Brighton Bears
Oklahoma Storm (Assistente)
Iowa Energy
Rio Grande Valley Vipers
Toronto Raptors (Assistente)
Toronto Raptors
Canadá
Philadelphia 76ers

Nicholas "Nick" David Nurse (Carroll, 24 de julho de 1967) é um treinador norte-americano de basquete profissional que é o atual treinador principal do Philadelphia 76ers.

Ele anteriormente atuou como técnico principal do Toronto Raptors, a quem levou ao título da NBA em 2019 e com quem foi nomeado Treinador do Ano da NBA em 2020.

Primeiros anos

[editar | editar código-fonte]

Nascido em Carroll, Iowa,[1][2] Nick Nurse jogou na Universidade do Norte de Iowa de 1985 a 1989, fazendo 111 jogos. Ele é o líder de todos os tempos da universidade em porcentagem de acerto em arremesso de 3 pontos com 46% (170 de 363).[3] Em seu último ano, Nurse tornou-se o assistente técnico da equipe. Depois de se formar com bacharelado em contabilidade, Nurse tornou-se o treinador-jogador do Derby Rams na Liga Britânica de Basquete na temporada de 1990-91.

Nurse conseguiu seu primeiro emprego de treinador em tempo integral na Grand View University, quando ele tinha apenas 23 anos de idade; Na época, ele era o mais jovem treinador de basquete universitário do país.[4] Ele treinou Grand View por duas temporadas antes de assumir um papel de treinador assistente na Universidade de Dakota do Sul, onde passou duas temporadas.

Depois, Nurse passou 11 temporadas como treinador na Europa, principalmente na Liga Britânica de Basquete (BBL).[4] Ele ganhou dois títulos da liga, um com o Birmingham Bullets em 1996 e outro com o Manchester Giants em 2000, ele também dirigiu o London Towers na Euroliga.[5] Nurse também treinou o Telindus Oostende da Ethias League em 1998 e se tornou o assistente técnico de Oklahoma Storm da United States Basketball League em 2001 e 2005.

Em 2007, Nurse aceitou o cargo de treinador principal do Iowa Energy, que estava se preparando para a primeira temporada na D-League (agora chamada de G-League).[6] Energy venceu os títulos da divisão nas temporadas 2008-09 e 2009-10. Depois de três temporadas com a equipe, Nurse concordou em se juntar à equipe de treinamento da Universidade Estadual de Iowa em abril de 2010.[7] Logo depois, no entanto, o técnico principal da equipe, Greg McDermott, deixou Iowa para se tornar o treinador principal na Universidade de Creighton e Nurse retornou ao seu antigo cargo como treinador principal do Energy.[8][9]

Na temporada da D-League de 2010-11, Nurse recebeu o Prêmio de Treinador do Ano depois de ajudar Iowa a obter o melhor recorde na liga (37–13).[10] Nurse e Energy foram os campeões da D-League na temporada de 2010-11.[11]

Antes da temporada de 2011-12, Nurse trocou Energy pelo Rio Grande Valley Vipers da D-League.[12][13] Na temporada de 2012–13, os Vipers terminaram com um recorde de 35–15 e venceram as finais da D-League contra Santa Cruz Warriors.[14]

Durante suas seis temporadas na D-League, Nurse teve 23 jogadores convocados para a NBA.[15]

Toronto Raptors

[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2013, Nurse deixou os Vipers e aceitou o cargo de assistente do Toronto Raptors que tinha o comando de Dwane Casey.[16] Ele ficava no comando do ataque durante seu tempo com Casey,[15][17] e na temporada de 2017-18 ele foi creditado pelas mudanças no ataque dos Raptors que incluiu aumentos nos passe e nas tentativas de 3 pontos.[18][19][20] A melhora no ataque ajudou os Raptors a vencerem 59 jogos mas a equipe foi eliminada na segunda rodada dos playoffs pelo Cleveland Cavaliers e Casey foi demitido pouco depois.[21]

Em 14 de junho de 2018, os Raptors promoveram Nurse para o cargo de treinador principal.[22] Em 25 de maio de 2019, Nurse levou os Raptors para as Finais da NBA de 2019, depois de vencer a Final da Conferência Leste ao derrotar o Milwaukee Bucks em seis jogos.[23] Em 13 de junho, Nurse tornou-se o primeiro treinador a vencer os títulos da NBA e da G-League (anteriormente D-League),[24] quando os Raptors derrotaram o Golden State Warriors nas Finais da NBA.[25]

Na segunda temporada de Nurse, os Raptors terminaram com um recorde de 53-19, apesar de terem perdido Leonard, em uma temporada encurtada pela pandemia do COVID-19. Ele foi amplamente elogiado por sua criatividade e inovação em garantir que os Raptors fossem capazes de manter um alto nível de jogo.[26][27] Naquela temporada, Nurse se qualificou para ser treinador principal no All-Star Game da NBA de 2020 como representante da Conferência Leste.[28] Em 22 de agosto de 2020, Nurse ganhou o Prêmio de Treinador do Ano.[29] No entanto, a equipe não conseguiu repetir o sucesso nos playoffs da temporada anterior e foram eliminados nas semifinais da conferência para o Boston Celtics.[30]

Em 15 de setembro de 2020, os Raptors anunciaram que Nurse havia assinado uma extensão de contrato de vários anos.[31] Após uma temporada mal sucedida em 2020–21, na qual os Raptors jogaram em Tampa Bay devido à COVID-19, Nurse liderou a equipe para 48 vitórias e um retorno aos playoffs em 2022.

Em 21 de abril de 2023, os Raptors anunciaram que haviam demitido Nurse, depois que a equipe não conseguiu chegar aos playoffs devido à derrota para o Chicago Bulls no Torneio Play-in.[32]

Philadelphia 76ers

[editar | editar código-fonte]

Em 1º de junho de 2023, o Philadelphia 76ers anunciou que Nurse havia sido contratado como seu treinador principal.[33] Naquela temporada, Nurse levou os Sixers a um recorde de 47-35 durante a temporada regular. Este foi um dos melhores trabalhos de treinamento de Nurse, pois Joel Embiid e numerosas outras estrelas perderam tempo significativo. Os Sixers conseguiram vencer o Torneio Play-in e garantiram uma vaga nos playoffs.

Carreira na seleção

[editar | editar código-fonte]

Nurse foi assistente técnico de Chris Finch na Seleção Britânica de 2009 a 2012, incluindo os Jogos Olímpicos de Verão de 2012 em Londres.

Em junho de 2019, Nurse confirmou que se tornaria o treinador principal da Seleção Canadense na Copa do Mundo de 2019 e além.[34][35] Em 27 de junho de 2023, Nurse renunciou ao seu cargo de treinador da seleção nacional.[36]

Nurse e sua esposa Roberta Nurse (nascida em Pernambuco), tem dois filhos chamados Noah e Leo.[37] Ele também tem um sobrinho chamado David, que já trabalhou com o Brooklyn Nets antes de se tornar personal trainer de jogadores profissionais.[38]

Em dezembro de 2018, a mãe de Nurse, Marcella, morreu.[39]

Nurse é fã do Chicago Cubs e tem sido convidado para conduzir a 7º entrada do Wrigley Field, cantando "Take Me Out to the Ball Game".[40]

Em maio de 2022, após concluir sua dissertação e exame abrangente, Nurse se formou na Universidade Concordia Chicago com um Ph.D. em Liderança Esportiva.[41][42][43]

Estatísticas na NBA

[editar | editar código-fonte]
Campeão da NBA
Ano Time Temporada regular Playoffs
J V D % Colocação Final J V D % Resultado
2018–19 Toronto 82 58 24 .707 1º na Divisão do Atlântico 24 16 8 .667 Ganhou o título da NBA
2019–20 Toronto 72 53 19 .736 1º na Divisão do Atlântico 11 7 4 .636 Perdeu nas semifinais de conferências
2020–21 Toronto 72 27 45 .375 5º na Divisão do Atlântico Perdeu os playoffs
2021–22 Toronto 82 48 34 .585 3º na Divisão do Atlântico 6 2 4 .333 Perdeu na Primeira Rodada
2022–23 Toronto 82 41 41 .500 5º na Divisão do Atlântico Não foi para os playoffs
2023–24 Philadelphia 82 47 35 .573 5º na Divisão do Atlântico
Carreira 472 274 198 .579 41 25 16 .545

Prêmios e Homenagens

[editar | editar código-fonte]

Como Treinador

[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Spring Commencement [Program], May 12, 1990, Ryerson University, 1990, p. 15, consultado em 16 de junho de 2019 
  2. «'We've got to take it ourselves': Nick Nurse's journey to the NBA Finals» 
  3. «Former UNI player Nick Nurse becoming Toronto Raptors' head coach». The Gazette 
  4. a b «Raptors 2015 Preseason Media Guide» (PDF) 
  5. «Britball» 
  6. «D-League Des Moines Team Announces All-Iowa Coaching Staff» [ligação inativa] 
  7. «Energy Coach Nurse Takes ISU Assistant Job» [ligação inativa] 
  8. «Iowa State, Nurse reach settlement». USA Today 
  9. «Peterson: Toronto Raptors coach Nick Nurse is the ultimate basketball grinder — and it all started in small-town Iowa». Des Moines Register (em inglês) 
  10. «Nick Nurse Named D-League Coach Of The Year – RealGM Wiretap» 
  11. «Iowa Energy Win D-League Championship Over RGV Vipers». Ridiculous Upside 
  12. «NBA Development League: Q&A: New Rio Grande Valley Head Coach Nick Nurse» 
  13. «NBA Development League: Reigning Coach of the Year Joins Vipers» 
  14. «RGV Capsules: Vipers notch second title in four years». Brownsville Herald 
  15. a b «Source: Vipers' Nick Nurse headed to Toronto». The Monitor (em inglês) 
  16. «The long, strange journey of a Raptors' assistant - Sportsnet.ca». Sportsnet.ca 
  17. «Toronto Raptors to Promote Assistant Nick Nurse to Head Coach». The New York Times 
  18. «Toronto Raptors officially hire Nick Nurse as coach | NBA.com». NBA.com (em inglês) 
  19. «Report: Nick Nurse agrees to deal, becomes Toronto Raptors' new coach | NBA.com». NBA.com (em inglês) 
  20. «Raptors promote assistant coach Nick Nurse to replace Casey». Toronto Sun 
  21. «Raptors Fire Dwane Casey Days After He Wins Coaching Honor». The New York Times 
  22. «Raptors Name Nick Nurse Head Coach». NBA.com 
  23. «Toronto Raptors Eliminate Bucks for First Trip to the N.B.A. Finals». The New York Times 
  24. «NBA Finals 2019: Nick Nurse becomes first head coach ever to win NBA and G League Championship». NBA.com 
  25. «Toronto Erupts as Kawhi Leonard, Rookie Coach Lead Raptors to NBA Title». Bloomberg.com 
  26. Prada, Mike (12 de fevereiro de 2020). «How the Raptors' defense is making other teams see ghosts». SBNation.com (em inglês). Consultado em 18 de fevereiro de 2022 
  27. «In Toronto, the defending-champion Raptors shed light on the future of NBA defense». CBSSports.com (em inglês). Consultado em 18 de fevereiro de 2022 
  28. «Raptors' Nick Nurse clinches coaching spot at NBA All-Star Game - Sportsnet.ca». www.sportsnet.ca. Consultado em 18 de fevereiro de 2022 
  29. «Nick Nurse Named NBA Coach of the Year». www.nba.com (em inglês). Consultado em 18 de fevereiro de 2022 
  30. «Celtics vs. Raptors score: Boston holds on to pull off win in Game 7 over Toronto». CBSSports.com (em inglês). Consultado em 18 de fevereiro de 2022 
  31. «Raptors Sign Nurse to Contract Extension». www.nba.com (em inglês). Consultado em 18 de fevereiro de 2022 
  32. «NICK NURSE RELIEVED OF HEAD COACHING DUTIES». www.nba.com (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2024 
  33. «Nick Nurse Named Sixers Head Coach | Philadelphia 76ers». www.nba.com (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2024 
  34. «Raptors' Nick Nurse confirms he'll coach Canada at 2019 FIBA World Cup» 
  35. «Canada Basketball». www.basketball.ca (em inglês). Consultado em 8 de setembro de 2019 
  36. Grugan, Erin (27 de junho de 2023). «Nick Nurse steps down as Canada Basketball head coach». Liberty Ballers (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2024 
  37. «Meeting Nick Nurse's Family». Fabwags.com 
  38. «David Nurse trains NBA players and has them make big lifestyle changes». HoopsHype.com 
  39. «Raptors coach Nick Nurse's 94-year-old mother dies». www.sportsnet.ca 
  40. «Cubs-loving Raptors coach Nick Nurse channels Harry Caray at Wrigley | The Star». thestar.com (em inglês) 
  41. Nast, Condé (23 de outubro de 2020). «Nick Nurse Has a Thelonious Monk Album You're Gonna Love». GQ (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2024 
  42. «PhD Leadership: Sports Leadership - Concordia University Chicago & SMWW». smww.cuchicago.edu. Consultado em 20 de abril de 2024 
  43. Commencement | Open Gym: Moment presented by Bell, consultado em 20 de abril de 2024 

Ligações externas

[editar | editar código-fonte]