Nicola Kuhn

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tenista Nicola Kuhn
Ferrero con Kuhn.jpg
Kuhn (à esq.) com Juan Carlos Ferrero em 2015
País Flag of Spain.svg Espanha (2016–presente)
 Alemanha (2014–2016)
Residência Torrevieja, Espanha
Data de nascimento 20 de março de 2000 (19 anos)
Local de nasc. Innsbruck, Áustria
Altura 1,85 m
Peso 75 kg
Treinado por Ivan Navarro
Profissionalização 2017
Mão Direita
Prize money $191,218
Simples
Vitórias-Derrotas 1-2
Títulos 0
Melhor ranking Nº 184 (12 de agosto de 2019)
Ranking atual simples Nº 184 (12 de agosto de 2019)
Open da Austrália Q2 (2019)
US Open Q2 (2019)
Duplas
Vitórias-Derrotas 0-0
Títulos 0
Melhor ranking Nº 287 (28 de janeiro de 2019)
Última atualização em: 12 de agosto de 2019.

Nicola Kuhn (Spanish: [kun]; alemão: [kuːn]; nasceu em 20 de março de 2000) é um tenista, nascido na Áustria, espanhol. Seu ranking mais alto em simples na ATP foi nº 184, alcançado em 12 de agosto de 2019.

Kuhn tem pai alemão e mãe russa.[1] De 2014 a 2016, ele representou a Alemanha em torneio ITF Junior e Pro antes de trocar fidelidade para a Espanha.

Carreira juvenil[editar | editar código-fonte]

Kuhn conquistou o título do Torneio de Roland Garros de 2017 – Duplas Juvenis Masculinas e alcançou a final de simples do mesmo ano no mesmo torneio.

Carreira profissional[editar | editar código-fonte]

2017[editar | editar código-fonte]

Kuhn venceu seu primeiro título de ATP Challenger Tour como um qualifier no Sparkassen Open, em Braunschweig.[2]

Ele fez sua estreia em chave principal de ATP no Shenzhen Open como um wildcard.

2018[editar | editar código-fonte]

Kuhn Chegou a final do Budapest Indoor Challenger Open, em fevereiro de 2018, mas perdeu para Vasek Pospisil em três sets. Mas em parceria com Félix Auger-Aliassime venceu o torneio de duplas do mesmo torneio.[3] No mês seguinte, Kuhn foi agraciado com um wildcard para o Miami Open de 2018. Ele derrotou Darian King para vencer sua primeira partida em chaves principais do circuito ATP. Ele se tornou o mais novo espanhol, desde Rafael Nadal, a vencer uma partida do ATP World Tour.[4] Na segunda rodada, perdeu, em sets diretos, para o cabeça de chave nº 15, Fabio Fognini.

Finais de Grand Slam Juvenil[editar | editar código-fonte]

Simples: 1 (1 vice)[editar | editar código-fonte]

Resultado Ano Torneio Superfície Oponente Placar
Derrota 2017 Roland Garros Saibro Austrália Alexei Popyrin 6–7(5–7), 3–6

Duplas: 1 (1 título)[editar | editar código-fonte]

Resultado Ano Torneio Superfície Parceiro Oponentes Placar
Vitória 2017 Roland Garros Saibro Hungria Zsombor Piros Estados Unidos Vasil Kirkov
Estados Unidos Danny Thomas
6–4, 6–4

Finais de ATP Challenger e ITF Futures[editar | editar código-fonte]

Simples: 5 (3–2)[editar | editar código-fonte]

ATP Challenger (2–2)
ITF Futures (1–0)
Resultado V–D Data Torneio Superfície Oponente Placar
Vitória 1–0 Mai 2017 Hungria F2, Zamardi, Hungria Saibro Hungria Attila Balázs 6–4, 6–0
Vitória 2–0 Jul 2017 Braunschweig, Alemanha Saibro Croácia Viktor Galović 2–6, 7–5, 4–2 ret.
Derrota 2–1 Fev 2018 Budapeste, Hungria Duro (c) Canadá Vasek Pospisil 6–7(3–7), 6–3, 3–6
Derrota 2–2 Nov 2018 Canberra, Austrália Duro Austrália Jordan Thompson 1–6, 7–5, 4–6
Vitória 3–2 Ago 2019 Segovia, Espanha Duro Rússia Pavel Kotov 6–2, 7–6(7–4)

Duplas: 1 (1–0)[editar | editar código-fonte]

ATP Challenger (1–0)
ITF Futures (0–0)
Resultado V–D Data Torneio Superfície Parceiro Oponentes Placar
Vitória 1–0 Fevereiro de 2018 Budapeste, Hungria Duro Canadá Félix Auger-Aliassime Croácia Marin Draganja
Croácia Tomislav Draganja
2–6, 6–2, [11–9]

Linha do tempo em desempenho[editar | editar código-fonte]

Simples[editar | editar código-fonte]

Tournament 2016 2017 2018 2019 V–D
Grand Slam
Australian Open A A A Q2 0–0
Roland Garros A A A A 0–0
Wimbledon A A A A 0–0
US Open A A A Q2 0–0
ATP World Tour Masters 1000
Miami Open A Q1 2R 1R 1–2
Madrid Open A Q2 A Q1 0–0
Estatísticas da carreira
Torneios 0 1 1 2 4
Vitória–Derrota Geral 0–0 0–1 1–1 0–1 1–3
Ranking ao final do ano 785 242 245

Referências

  1. Gee, Donna (27 de outubro de 2015). «A NEW BAWL GAME: Tennis sensation Nicola Kuhn is 15, blond, superfit - and simply the best» 
  2. «Challenger #NextGenATP First-Time Winner: Nicola Kuhn». ATP World Tour. 17 de julho de 2017 
  3. Meiseles, Josh. «Pospisil Goes Back-To-Back With Budapest Title». ATPWorldTour.com. Consultado em 15 de agosto de 2018 
  4. «Kuhn Announces Arrival in Style». ATP World Tour. 23 de março de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]