Nikolai Pavlovich Barabashov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Nikolai Pavlovich Barabashov
Nascimento 18 de março de 1894
Carcóvia
Morte 29 de abril de 1971 (77 anos)
Carcóvia
Cidadania União Soviética
Ocupação astrónomo
Prêmios Ordem de Lenin, Herói do Trabalho Socialista, Ordem da Bandeira Vermelha do Trabalho

Nikolai Pavlovich Barabashov (30 de março de 1894 — 29 de abril de 1971) foi um astrônomo russo.

Barabashov graduou-se na Universidade de Carcóvia (Ucrânia) em 1919. Foi diretor do Observatório de Carcóvia em em 1930 e professor da mesma universidade em 1934, da qual também foi reitor de 1943 a 1946. Tornou-se um membro da Academia de Ciências RSS ucraniana em 1948.

Foi co-autor da publicação que desvendou as primeiras fotos do lado escuro da Lua em 1961, chamado Atlas of the Other Side of the Moon. A cratera em Marte Barabashov foi nomeada em sua honra em 1973. O asteroide Barabashov 2883, descoberto em 1978 pelo astrônomo soviético Nikolai Stepanovich Chernykh, recebeu o nome em sua homenagem.[1]


Referências

  1. Lutz Schmadel (2003). Dictionary of Minor Planet Names (em inglês) 5ª ed. Nova York: Springer Verlag. p. 237. ISBN 3-540-00238-3. Consultado em 16 de agosto de 2013. 


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Nikolai Pavlovich Barabashov


Ícone de esboço Este artigo sobre um astrônomo russo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este(a) biográfico sobre um cientista russo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.