Nikolaus Pevsner

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Nikolaus Pevsner (Leipzig, 30 de janeiro de 190218 de agosto de 1983) foi um historiador da arte britânico nascido na Alemanha.

Filho de um mercador judeu, Pevsner nasceu em Leipzig, Saxônia. Estudou história da arte na Universidade de Leipzig, Universidade de Munique, Universidade de Berlim e Universidade de Frankfurt na Alemanha (PhD 1924), trabalhou na Dresden Gallery (1924–1928) e ensinou na Universidade de Göttingen (1929–1933). Em 1934 mudou-se para Inglaterra para fugir do nazismo e ensinou nas Universidades de Londres, Oxford, Birmingham e Cambridge. Assumiu a nacionalidade Britânica em 1946.

É mais conhecido por uma série de 46 volumes condados, The Buildings of England (1951-1974), um dos grandes arquivos do século XX sobre arte escolástica.

Pevsner concebeu e editou a serie Pelican History of Art (1953–), onde muitos dos volumes individuais são tidos como clássicos.

Morreu em Londres.

Pevsner como historiador de design[editar | editar código-fonte]

Em cursos de design, Pevsner é mais conhecido por seus clássicos Pioneiros do Desenho Moderno e Origens da Arquitetura Moderna e do design, que são utilizados até hoje em universidades. São trabalhos brilhantes que analisam o nascimento do design moderno. Nesta frase Pevsner resume bem o espírito do design moderno: "Uma cadeira pode ser ao mesmo tempo incômoda e uma obra de arte, mas só um connoisseur ocasional prefere suas qualidades estéticas às utilitárias. A funcionalidade é a primeira de nossa origens". Pevsner é um dos grandes pioneiros da história do design.


Ícone de esboço Este artigo sobre arte ou história da arte é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.