Nimo TV

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Lançada em outubro de 2012 na China, a Nimo TV é uma plataforma de streaming com foco na transmissão de jogos eletrônicos, conteúdos criativos a eSports. Atualmente está disponível para computadores, IOS e Android.

História[editar | editar código-fonte]

Em 2018 a Huya, empresa que criou o aplicativo, recebeu aporte de US$ 460 milhões da Tencent, outra gigante chinesa que investe pesado no mercado chinês e possui participações em estúdios como a Riot Games.

Com esse montante, a Huya expandiu o alcance da Nimo TV para vários novos mercados, desembarcando em países como a Indonésia, Vietnã, Filipinas e também no Brasil, onde o lançamento do aplicativo de streaming aconteceu em outubro de 2018.

Com planos de ampliar atuação na América Latina, a Nimo TV abriu um escritório em São Paulo e pretende investir mais de US$ 10 milhões para alavancar o serviço na região em 2019.

Com a chegada nos países que ficam além do território chinês, a Huya abriu capital na bolsa de Nova Iorque, tornando-se a primeira empresa de streaming chinesa listada na NYSE.

A injeção de capital permitiu expandir as operações e trouxe números expressivos dentro do seu nicho de mercado. Em agosto de 2018, o aplicativo contava com 280 milhões de usuários cadastrados e mais de 90 milhões de usuários ativos por mês.

Fora da China já são mais de cinco milhões de usuários ativos por mês, com uma média per capta de 60 minutos diários de audiência na versão mobile da Nimo TV.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

O mercado de games mobile é o foco da Nimo TV no Brasil, em especial conteúdo para títulos como Free Fire, Brawl Stars, PUBG Mobile etc. Com a função Mobile Streaming, é possível transmitir partidas direto dos dispositivos para a plataforma da NimoTV.

O foco nos smartphones encontra eco no crescimento deste segmento. Segundo a pesquisa Games Brasil 2018, que analisa o mercado de jogos no país, 84,5% dos entrevistados disseram jogar em dispositivos mobile. No Brasil, segundo a PNAD contínua, uma pesquisa trimestral do IBGE, 71,01% das pessoas possuem seu próprio celular.

Assim como nos outros países onde a Nimo Tv desembarcou, a estratégia de marketing no Brasil envolve patrocínios a influenciadores, pro players, times de eSports e campeonatos oficiais no país.

Hoje a Nimo TV patrocina times nacionais como INTZ e Black Dragons, e conta com pro players como Piuzinho e Elgato, ambos streamers de FreeFire, para impulsionar o nome da plataforma.

No Brasil, a audiência para eSports cresceu 20% de 2018 para 2019, somando 21,1 milhões de fãs. Isso coloca o país em terceiro lugar no ranking mundial de fãs da categoria, ficando atrás somente da China( 70 milhões de fãs) e dos Estados Unidos(22,4 milhões).

Funções[editar | editar código-fonte]

Para se sobressair em um mercado disputado como o de streaming, a Huya investiu em diversas tecnologias de ponta. Uma delas é o serviço chamado de “Mobile Streaming”, que permite a transmissão de sessões ao vivo direto do aparelho mobile para o aplicativo da Nimo TV.

Além disso, algumas das tecnologias disponíveis no aplicativo são: “Ultra HD Broadcasting”, “Video Second Open” e “Full Link Monitoring”. Com isso a Nimo TV consegue transmitir seus conteúdos em alta definição para os usuários, abrir os vídeos de forma rápida, sem um tempo excessivo de buffer e resolver problemas na transmissão com agilidade através do “Full Link Monitoring”.

Conteúdo[editar | editar código-fonte]

A Nimo TV possui vasto conteúdo dos principais jogos eletrônicos do mercado, como a transmissão de sessões ao vivo (“streaming”) de jogos populares como Counter-Strike GO, DotA 2, League of Legends, Fortnite, Apex, GTA 5 e diversos outros, divididos em centenas de canais. Também conta com a exibição de campeonatos de eSports e talk shows voltados para a cultura gamer.

Existem ainda alguns canais voltados para conteúdos não gamer, como a aba Lifestyle, que exibe programas de influenciadores que contam sobre seu dia a dia e interagem com seus seguidores.

Há um centro de seleção de streamers e eventos locais organizados através das redes sociais, que visam encontrar novos contribuidores com potencial para atrair audiência para a plataforma em cada país onde ela foi lançada.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]